Cadastre seu Email

sábado, 17 de novembro de 2012


Prefeitura de São Luís apresenta videomonitoramento ao trade turístico

Diminuir corpo de texto Aumentar corpo de texto
15 de novembro de 2012 às 09:02
As secretarias municipais de Turismo e de Segurança com Cidadania apresentaram, na manhã de terça-feira (13), no Hotel Grand São Luís, ações direcionadas ao setor turístico e à segurança patrimonial, da população e dos turistas que visitam o Centro Histórico ludovicense. Cerca de 40 pessoas estiveram no local.
Durante o evento, o secretário municipal de Segurança com Cidadania, Luiz Carlos Magalhães, destacou assuntos relevantes à segurança no Centro Histórico. Em outubro, foi inaugurada a Central de Videomonitoramento, com base na Setur, com 22 câmeras em 13 pontos distintos, contribuindo com o sistema de segurança pública da capital.
'Esse projeto foi concebido a partir de uma necessidade do próprio trade turístico e da comunidade, através das reclamações de turistas que eram vítimas de ação criminosa dentro do Centro Histórico. É um projeto integrado com a Polícia Militar, em que procuramos formar uma bolha de segurança pra que os visitantes do Centro Histórico se sintam seguros', explicou Luiz Carlos.
O encontro também mostrou um pouco das atividades promovidas pela Setur, além dos resultados de parcerias, participação em feiras, consolidação de programas turísticos e sociais, entre outras. O secretário municipal de Turismo, Liviomar Macatrão, elogiou o comprometimento dos presentes e ressaltou que só a união das esferas pública e privada elevará o turismo de São Luís a um lugar destacado no Brasil e no mundo.
'É muito gratificante ver que temos um empresariado interessado e participante. Trocar informações, interagir, receber e fazer críticas construtivas, sugerir, enfim, participar suas respectivas necessidades é fundamental para o bom andamento do setor turístico na nossa cidade', destacou o secretário.
Ações integradas – O titular da Semusc destacou que a ideia desse trabalho foi, exatamente, criar uma bolha de segurança no primeiro módulo, onde se tivesse várias ações integradas. Teríamos o Videomonitoramento e também um grupo especial de resposta as Ações Preventivas desse trabalho. Para isso foi criado um Ponto da Guarda Municipal dentro do Mercado das Tulhas – um ponto estratégico, de onde os guardas municipais podem se deslocar para qualquer dos pontos mais visitados da cidade.
No primeiro módulo, foram instaladas 22 câmeras de videomonitoramento, contribuindo assim com um sistema de segurança pública da Capital ainda mais eficiente. Ao entrar em visitação no Complexo, a partir da Casa das Tulhas, o turista pode ser monitorado até sua saída da área.
No caso de uma ação delituosa contra turistas, os três operadores de Segurança Pública de serviço na Sala de Videomonitoramento têm à sua frente o painel mostrando toda situação que está acontecendo dentro do polígono. Esse complexo está montado no primeiro andar, onde também ficam os servidores.
A outra Sala é a de Situação, onde os analistas –, numa situação de necessidade, por pedido da Justiça, MP, Polícia Civil, que está fazendo investigação e precisa saber o que aconteceu naquele dia, naquela imagem – podem fazer o tratamento daquela imagem, tirar do servidor e encaminhar aos órgãos que solicitarem. Basicamente, são estas as duas Salas que estão dentro da Secretaria de Turismo para fazer a Central de Comando e Controle.
Dentro da Sala de Situação, temos reuniões periódicas com os órgãos. Para isso foi fechada uma parceria com a Secretaria de Estado da Segurança Pública e com a Polícia Militar para ocupar as três baias. Através de rádio HT, o policial militar, da Companhia de Turismo, fica em contato com o trailler situado na área externa, e também com o pessoal que está fazendo o monitoramento.
A mesma coisa acontece com a Guarda Municipal de São Luís. 'Nossas equipes estão com rádio, acompanhando a equipe de moto da GMSL e a equipe a pés, quando em uma situação adversa, ou numa situação que se possa agir antes que aconteça, o pessoal é acionado, via rádio, e a equipe vai para o local. Cada operador possui duas telas, onde pode acompanhar todas as câmeras ao mesmo tempo, ou pode identificar algumas câmeras e fazer a divisão. São duas baias ocupadas pela Guarda Municipal e uma pela Polícia Militar. Esse Sistema está ligado 24 horas, 365 dias ao ano. Inclusive à noite, permanece um operador de imagens de plantão, e também uma equipe de resposta com moto fazendo esse acompanhamento', explicou Luiz Carlos Magalhães.
Atrativos – Durante a apresentação, foi explicada, ainda, a situação de duas obras que estão em andamento. A restauração da Fonte do Ribeirão está adiantada e em ritmo acelerado, com previsão de entrega em dezembro. A outra é o Museu da Gastronomia, que também terá seu prédio entregue ainda este ano, além de seu plano curatorial consolidado.
'São duas obras que teremos o prazer de entregar até o fim da gestão. Temos convicção de que ultrapassamos vários percalços e tenho anseio por mais esta vitória, não para mim, mas para o povo de São Luís e seus visitantes', frisou Liviomar Macatrão.

Prefeitura compra veículo exclusivo para Guarda Municipal

No dia 7, chegou ao Município o veículo 0 km da marca Chevrolet, modelo Classic LS, adequadamente identificado para uso exclusivo da Guarda Municipal. Adquirido com recursos próprios pelo valor de R$ 25,1 mil, o carro vai proporcionar maior mobilidade ao efetivo, que se divide na atividade de zelo ao patrimônio público municipal.

A chave do automóvel foi entregue ao vice-prefeito, Zeny Oliveira, e ao secretário de Administração, Luís Celso Camargo Júnior, na presença de autoridades e da equipe da Guarda, que já pretende triplicar a cobertura na cidade com a facilidade de locomoção entre os prédios.

Depois de concluir a vistoria, Camargo salientou que o veículo já está pronto para entrar em operação, dependendo apenas de trâmites administrativos para a regulamentação, o que deve ocorrer em breve, por meio de Portaria. 
Por Assessoria


  • Prefeitura de Londrina faz convênio com Estado para armar Guarda Municipal

  • Juliana Leite

Segundo major Vidal, em entrevista à reportagem de odiario.com, nesta quarta-feira (14), o documento deve ser assinado nos próximos dias pelo atual prefeito de Londrina, Gerson Araújo (PSDB). Porém, o município terá que resolver algumas burocracias para que a parceria com o Estado seja efetivada.
"Nós reestabelecemos o convênio da Prefeitura de Londrina com a Secretaria de Estado da Segurança. Já temos alguns pareceres jurídicos, mas ainda falta um sobre a legislação eleitoral", comentou.
Ele explicou que a lei prevê que se o município tiver que dispor de algum recurso para viabilizar o convênio, otreinamento para o uso de armas de fogo só poderá ser realizado a partir do dia 1º de janeiro de 2013, ou seja, 90 dias após as eleições.
No entanto, o major acredita que o prazo não deverá ser estendido para o próximo ano. "Acredito que não vai ferir a legislação eleitoral. A Delmondes & Dias recebeu, mas não deu o curso. A prefeitura não terá novas despesas", destacou.
Na próxima semana também deverá ser realizada uma reunião com representantes da Delmondes & Dias para retomar as tratativas referentes ao treinamento da Guarda Municipal de Londrina. A Procuradoria Jurídica da administração municipal analisa se emite parecer favorável sobre o assunto. "Tenho quase certeza que não será negativo", afirmou.
O secretário municipal disse que ainda não é possível datar a realização do curso, que será destinado aos cerca de 180 homens e mulheres que já compõem a Guarda Municipal. Os novos 100 agentes que deverão ser contratados terão que aguardar novo convênio.
O treinamento da Guarda Municipal foi relacionado a diversas irregularidades, que culminaram com uma ação de improbidade administrativa contra os responsáveis pela empresa e ao ex-prefeito Barbosa Neto (PDT) e ex-secretários.

Homem agride guarda municipal com soco no rosto

VOLTA REDONDA
Guardas municipais detiveram ontem pela manhã um homem após ele ter um ataque de fúria dentro de uma unidade de saúde, no Retiro. Marcelo Toledo Ferreira, de 30 anos, queria buscar remédio, mas não foi possível porque estava sem receita médica. Insatisfeito diante da recusa, ele começou a xingar a recepcionista Marta Gonçalves dos Santos Fusco, 51. Quando a funcionária pegou o telefone para acionar a polícia, ele arrebentou o fio e quebrou o aparelho. Após o ataque de fúria, guardas municipais chegaram e imobilizaram o rapaz. Ele resistiu e agrediu a guarda municipal Nilsandra da Silva Paulino, de 35 anos, com um soco no rosto. Ele foi preso e levado para a delegacia.
O caso aconteceu pouco antes das 10 horas. Segundo Marta, Marcelo ficou alterado quando foi informado de que, para pegar o remédio, teria que apresentar a receita médica.  De acordo com a funcionária, a partir daí o rapaz começou a xingá-la.
“Ele me mandou calar a boca e começou a me ofender. Quando eu pequei o telefone e falei que iria chamar a polícia, ele arrancou o aparelho da minha mão e quebrou. Depois ele começou a socar o balcão de madeira, que foi danificado”, relata.
Logo em seguida guardas municipais chegaram ao local. Nilsandra relatou na delegacia que recebeu uma informação do Centro Integrado de Operações de Segurança Pública (Ciosp) dando conta de que um homem estaria danificando o patrimônio no posto de saúde do Retiro. “Quando cheguei, encontrei Marcelo alterado. Ele estava acompanhado de uma patrulha comunitária e de policiais militares”, afirma a guarda.
Neste momento, Marcelo entrou em luta corporal com os guardas. Foi quando Nilsandra levou um soco no rosto. O rapaz foi imobilidade e levado para receber atendimento no Cais Aterrado. Em seguida os guardas o conduziram para a delegacia.
PERDA DE CONSCIÊNCIA
Em seu depoimento, Marcelo, que estava acompanhado da mãe, admitiu que ficou nervoso por não poder pegar o remédio, mas que não se lembrava de nada do que havia acontecido, somente que esteve mais tarde no Cais Aterrado.  O suspeito justificou que toma remédio controlado e que estava há dias sem o medicamento.
Com um hematoma no rosto, Nilsandra foi submetida a exame de corpo de delito no Instituto Médico-Legal (IML), em Três Poços. Já Marcelo foi autuado pelo delegado Antônio Furtado por injúria, dano ao patrimônio público e resistência.
“Esse é um fato grave, porque atenta contra a própria instituição da Guarda Municipal. Vamos agir com rigor para que isso não aconteça, porque a Guarda tem que ser reconhecida como uma força de segurança e merece respeito”, ressalta Furtado.

Novos Agentes da Guarda Municipal conhecem patrimônios históricos e turísticos
Publicado em 13/11/2012, às 11h52 
Última atualização em 13/11/2012, às 11h52


Divulgação
Resende
Como parte do curso de formação dos novos integrantes da Guarda Municipal de Resende, a Prefeitura de Resende está proporcionando visitas a pontos históricos, turísticos e culturais da cidade aos 65 novos agentes, que foram aprovados no concurso público deste ano e passarão a reforçar o efetivo da corporação a partir de março de 2013.
Os passeios estão sendo realizados todas as terças-feiras, no horário das 13 às 17 horas. Nesta terça-feira, dia 13, os novos guardas vão conhecer a Vila da Fumaça, zona rural do município. A primeira visita aconteceu no último dia 6, na Serrinha do Alambari.
Segundo o comandante da Guarda Municipal, Francisco Jances, o curso de formação segue a grade curricular da Secretaria Nacional de Segurança Pública (Senasp), do Ministério da Justiça. As visitas fazem parte das aulas da disciplina de Cultura Geral.
- Dentre as atribuições da Guarda Municipal está a proteção dos patrimônios municipais, a fiscalização ambiental, ronda escolar, ordenação, controle e fiscalização do trânsito, entre outras funções. Visto que muitos dos novos agentes são oriundos de outros municípios da região, é importante que eles conheçam a cidade em que irão trabalhar para que possam exercer suas funções com eficácia - explicou o comandante Jances.
Os 65 agentes, após formados, irão reforçar em 45% o efetivo da corporação que hoje conta com 146 membros. Dentre as disciplinas que fazem parte do curso de formação da Guarda estão: educação física, português, inglês, cultura geral, treinamento de ordem unida, defesa pessoal, prática policial, trânsito, educação ambiental, combate a incêndio, enfrentamento à violência e ao descontrole social.
Ainda de acordo com o comandante, no edital do concurso público realizado em 02 de março de 2012, o número de vagas definidas para a Guarda Municipal era de 50 agentes, mas estão sendo convocados 15 a mais, diante da necessidade de aumento de efetivo da corporação.
O reforço no efetivo da Guarda Municipal, visando aprimorar ainda mais o atendimento prestado à população de Resende, é uma das prioridades da atual administração municipal. Além de ter ganhado em 2011 uma nova sede, localizada na Avenida Rui Barbosa, no bairro Liberdade, mais ampla, bem instalada e mais adequada para o trabalho da Corporação, a Guarda Municipal de Resende também foi contemplada com quatro novos veículos, que reforçaram a frota utilizada nos trabalhos realizados nas ruas da cidade e na ronda comunitária. Além desta conquista, a Guarda também recebeu 16 novos computadores e seus agentes também têm a oportunidade de fazer cursos de capacitação visando aprimorar ainda mais sua atuação.


Leia mais: http://diariodovale.uol.com.br/noticias/4,65552,Novos%20Agentes%20da%20Guarda%20Municipal%20conhecem%20patrimonios%20historicos%20e%20turisticos.html#ixzz2CUThDWbJ

Operação conjunta da Guarda Municipal e da Brigada recolhe 13 veículos em pouco mais de duas horas

publicado 12/11/2012 às 14:45 - Atualizado em 12/11/2012 às 14:46
Operação conjunta da Guarda Municipal e da Brigada recolhe 13 veículos em pouco mais de duas horas thumbnailNa Estrada da Integração Leopoldo Petry, rota de fugas de ladrões de veículos e de cargas, 21 motoristas foram autuados na ocasião.
Da Redação redacao@novohamburgo.org (Siga no Twitter)
Em duas horas e 15 minutos, 13 veículos foram recolhidos e 21 motoristas autuados em Novo Hamburgo durante operação da Guarda Municipal – GM e a Brigada Militar – BM na tarde da última sexta-feira, dia 09.
No mesmo dia, pela manhã, na Estrada Presidente Lucena, bairro Boa Saúde, ocorreram 106 abordagens, em que quatro veículos foram apreendidos. À tarde, o local escolhido estrategicamente foi a Estrada da Integração Leopoldo Petry, no bairro Lomba Grande.
O perímetro é “uma das principais Estrada da Integração Leopoldo Petry e também de ladrões de cargas”, segundo o inspetor da GM Pedro Nicolli dos Santos. A Guarda fiscalizou as documentações dos motoristas e dos veículos, enquanto a Brigada revistou as cargas dos caminhões e motos.
Informações de Imprensa PMNH
FOTO: Deivid Poncio / PMNH

4/11/2012 10h06 - Atualizado em 14/11/2012 10h06

Exército investiga sumiço de armas encomendadas pela Guarda de Belém

Quinze espingardas calibre 12 foram solicitadas pelo órgão de segurança.
Armamento também pode ser utilizado com munição letal.

Do G1 PA
Comente agora
A Guarda Municipal de Belém denunciou o desaparecimento de 15 armas compradas de um fabricante do sudeste do país. As espingardas calibre 12 foram encomendadas para o grupo tático da Guarda e balas de borracha seriam usadas como munições. A preocupação do comando da Guarda é de que este tipo de armamento também pode ser utilizada munição letal. O exército apura o caso.
As espingardas tem prazo para chegar a Belém no dia 16 de dezembro. A surpresa da Guarda foi com um e-mail enviado pelo representante da Companhia Brasileira de Cartucho, que pedia a confirmação de recebimento de mercadoria. A mensagem tinha em anexo um comprovante de entrega do dia 30 de outubro, mas, segundo a Guarda, a encomenda não chegou a sede do órgão municipal.
“Nós adquirimos o equipamento como equipamento menos letal, mas se cair em mãos incertas ele pode passar a ser utilizado com munições letais. E essa é a grande preocupação que nós temos, de cair em mãos erradas, ai sim, seja constatado que ele foi furtado ou ele foi desviado para outros fins”, afirma a comandante da Guarda, Ellen Margarete.
O comando da Guarda pediu explicações ao fabricante, que alega ter contratado duas transportadoras para fazer o serviço. O caso vai ser investigado pelo Exército, que é responsável pela fiscalização de produtos controlados.
“O que vai ser verificado é o seguinte: primeiro se as empresas que estão efetuando o transporte estão com seus certificados válidos. A partir daí vai verificar também o processo desde a saída da empresa até a chegada na Guarda Municipal”, explica o coronel David Lopes, chefe de fiscalização do Exército.
A Companhia Brasileira de Cartuchos de São Paulo informou que recebeu da Atual Cargas Transportadora, responsável por entregar a encomenda, um comprovante de que a guarda municipal de Belém haveria recebido as armas. A CBC informou ainda que entrou em contato com a transportadora para que seja verificado quem fez a entrega e quem a recebeu.
Para ler mais notícias do Pará, acesse g1.globo.com/para. Siga também o G1 Pará noTwitter e por RSS.

Guarda municipal é rendido e algemado por bandidos em prédio da prefeitura de BH

Bandidos furaram o bloqueio policial e fugiram com equipamentos de segurança do agente

Do R7 MG | 12/11/2012 às 06h43
rednde
Suspeitos foram surpreendidos pela polícia e desistiram do assalto

Publicidade
Bandidos invadiram a sede da Regional Nordeste da Prefeitura de Belo Horizonte, no bairro São Paulo, e renderam um guarda municipal na madrugada desta segunda-feira (12). A vítima contou à polícia que fazia ronda no prédio, quando dois homens pularam o portão e o renderam.
A dupla almegou o agente e disse que queria apenas arrombar o caixa eletrônico. Em seguida, ligaram para seus comparsas trazerem as ferramentas. Mas antes que eles conseguissem retirar a grade que protegia  equipamento, uma viatura da Guarda Municipal passou pelo local e percebeu o assalto.
O agente foi libertado, e a polícia, chamada. Miltiares cercaram o local, mas os suspeitos fugiram. Um deles furou o bloqueio e atirou contra uma viatura. Os criminosos levaram equipamentos de segurança da vítima.
Ninguém ficou ferido, e nada foi levado da regional.

Notícias, serviço, entretenimento, esquisitices. Encontre tudo isso na nova home page do portal R7.

No Jardim Botânico

Guarda Municipal persegue ladrão e bate viatura contra muro de residência

Suspeito ameaça guardas no momento da prisão

Uma perseguição da Guarda Municipal a um assaltante movimentou as ruas do bairro Jardim Botânico, em Curitiba, na tarde deste domingo (11). V.P. Pereira, 35 anos, foi preso depois de roubar uma bicicleta e uma quantia em dinheiro de um ciclista. Na perseguição, os guardas colidiram a viatura contra o muro de uma residência e no momento da prisão, V.P. ameaçou os guardas com uma faca.
Por volta das 12h30, um ciclista foi abordado por Pereira na rua São Januário e com uma faca ameaçou a vítima a entregar a bicicleta e o dinheiro. De acordo com a Guarda Municipal, assim que o ladrão montou na bicicleta para fugir, uma viatura da GM trafegava próximo ao local notou o assalto iniciou uma corrida para perseguir o ladrão. Para não atropelar o assaltante, os guardas colidiram contra o muro de uma residência. 
Nesse momento, o ladrão caiu da bicicleta e os guardas a pé abordaram Pereira. Ele não quis se entregar e ameaçou os guardas com uma faca – a mesma usada para cometer o assalto, segundo a GM.
Leia mais AQUI

ublicado em 11 de Novembro de 2012, ás 14h37min

Suspeito de tentar atear fogo em carro da Guarda Municipal é preso



SÃO PAULO, SP, 11 de novembro (Folhapress) - Um homem foi preso nesta manhã suspeito de atear fogo em um carro da Guarda Civil Municipal na Mooca, zona leste de São Paulo.
De acordo com a polícia, o homem de 32 anos caminhou até o carro da GCM, que estava estacionado na rua Taquari, altura do número 635, com um objeto branco na mão. Ele, então, jogou o objeto em direção ao veículo e, em seguida, acendeu um fósforo, que fez com que o artefato explodisse.
O suspeito tentou fugir, mas foi detido pelos guardas. O veículo ficou danificado apenas na lateral, de acordo com a polícia.  

  • Major Vidal vai a Curitiba discutir curso para a Guarda Municipal de Londrina

  • Alexandre Sanches com assessoria
O secretário municipal de Defesa Social de Londrina, major Raul Leão de Araújo Vidal, participa nesta terça-feira (13), em Curitiba, de uma audiência com o secretário de Estado da Segurança Pública do Paraná, Cid Vasques, onde debaterá a viabilização do curso de capacitação para o uso de armas de fogo para agentes da Guarda Municipal.

A expectativa de Raul Vida é que o resultado seja positivo para que o município possa realizar os procedimentos legais de implantação do curso, definindo inclusive um cronograma de atividades. "Esperamos ter um resultado favorável da reunião. Caso isso aconteça, tomaremos as providências necessárias para a realização do curso o quanto antes", informou.
Na terça-feira (6), o secretário foi sabatinado na Câmara Municipal de Londrina sobre a retirada do Grupo Tático de Motos (Getam) das ruas, principalmente em abordagens em pontos considerados perigosos em Londrina. Ele também foi cobrado pelos vereadores e pelos guardas municipais presentes, da falta do curso de tiro, habilitação necessária para que possam sair armados nas ruas.
As armas já foram compradas e estão armazenadas, até que os GMs estejam habilitados, no 30º Batalhão de Infantaria Motorizada (30º Bimtz), em Apucarana (50 km de Londrina). Apesar dos guardas municipais estarem atuando, o curso de formação não foi concluído, faltando algumas disciplinas a serem executadas, inclusive as instruções de tiro.
Segundo Vidal, serão estabelecidos alguns critérios para a capacitação, como avaliação psicológica dos agentes e também o número de participantes por turma. "Não podemos tirar todo o efetivo das ruas. A intenção é que após a avaliação, os agentes aptos sejam distribuídos em turmas de 30 e 50 participantes. A dinâmica do curso será analisada de forma a não prejudicar o serviço oferecido pela Guarda", ressaltou.
O secretário informou ainda, que não é possível apontar uma previsão para a realização do curso antes da reunião, mas uma vez implantado, o curso deverá incluir também os 100 novos agentes que serão contratados após a aprovação no concurso da GM que está sendo realizado pela Prefeitura. Atualmente o efetivo da Guarda Municipal em Londrina é de 192 agentes.

Veja também


7/11/2012 - 10h37

Sede da Guarda Municipal é alvo de atentado em Santa Catarina

Estado enfrentou nesta sexta-feira a quinta noite de ataques
Santa Catarina enfrentou nesta sexta-feira, 16, mais uma noite de atentados. A sede da Guarda Municipal de São José foi atingida por cerca de 19 tiros. A ação ocorreu por volta das 3 horas. Quinze disparos atingiram três viaturas e outros quatro causaram danos ao prédio. Nenhum servidor ficou ferido.

Mais cedo, a 3ª Companhia da Polícia Militar, localizada na Praia do Campeche, Sul da Ilha de Florianópolis também foi atacada. A ocorrência foi registrada às 23h50. Segundo os policiais, dois suspeitos em uma motocicleta dispararam tiros contra a base militar. Os disparos não acertaram os policiais que cumpriam expediente na unidade. Guarnições do Batalhão de Operações Especiais da polícia catarinense realizarão buscas na região.

Nessa quinta e sexta-feira, o Estado registrou também incêndio de pelo menos oito ônibus. Quatro coletivos de uma mesma empresa foram alvos de atentados, o que provocou a revolta do empresário e sócio da companhia Santa Terezinha, João José Vieira.
Com informações do Correio do Povo e Notícias do Dia.


fonte: Redação Portal Gaz
Comentários anônimos NÃO serão publicados.

Quinta, 15 de Novembro de 2012 - 20h01

GCM detém moradores de rua suspeitos de roubar casa

Dupla foi pega na Vila Virgínia, zona Oeste de Ribeirão, após abordar mulher na porta da residência dela; eles teriam utilizado faca

Mariana Bruno / Especial
Tamanho da LetraA-A+
Dois moradores de rua foram presos em flagrante na tarde desta quarta-feira (14), na Vila Virgínia, zona Oeste de Ribeirão Preto, logo após roubarem uma residência.
Segundo informações do boletim de ocorrência (BO), Nathanael Alves de Souza, 19 anos, e Anderson Luis de Lima Freitas, 20, foram surpreendidos por guardas municipais minutos depois do roubo, na rua Coronel Luiz da Cunha.
Os moradores de rua abordaram uma dona de casa em frente à residência dela e a fizeram entrar na casa. Dentro do local, eles pegaram uma faca para coagir a vítima. Foi roubada uma televisão de 32 polegadas, um aparelho de DVD e um par de óculos de sol.
No momento em que eles foram abordados pela Guarda Municipal, o aparelho de DVD e o par de óculos foram recuperados.
A televisão eles já haviam trocado em um ponto de tráfico de drogas por porções de crack e R$ 100 em espécie. Os dois foram autuados em flagrante e encaminhados ao CDP (Centro de Detenção Provisória) de Ribeirão.

GM GOIANIA


  • Moto esportiva é abandonada no Paço Municipal

    Texto por DM OnlineEnviado por DM.com.br - 14/11/2012
    Uma mo­to­ci­cleta im­por­tada, mo­delo BMW 1000cc, foi aban­do­nada, na ma­dru­gada desta quarta-feira (14), no en­torno da Pre­fei­tura de Goi­ânia, no Parque Lo­zândes, re­gião Leste da ci­dade. O veí­culo, que tem placa de Pi­re­nó­polis (GO), foi en­con­trado por guardas mu­ni­ci­pais du­rante vis­toria de ro­tina. A moto possui re­gistro de roubo. 
    De acordo com um ser­vidor que tra­balha no Paço, esta é a se­gunda ocor­rência do tipo em 2012. Antes da BMW, um carro de pas­seio Monza também havia sido dei­xado no local. Há sus­peita de que a ação seja re­a­li­zada por qua­drilha es­pe­ci­a­li­zada em roubo de veí­culos. 
    O Paço Mu­ni­cipal, nesta hi­pó­tese, pode ser uti­li­zado como ponto de 'es­fri­a­mento' dos sis­temas de alarme. A re­gião é iso­lada e pouco mo­vi­men­tada à noite, fato que con­tri­buiria para a prá­tica. O fato foi co­mu­ni­cado à Po­lícia Civil (PC). A mo­to­ci­cleta per­ma­nece es­ta­ci­o­nada no pátio do com­plexo.
    Link: 
SE VOCÊ GM, QUER QUE SEJA PUBLICADO AQUI ALGUMA MATERIA , PODE SER SUA; OU UMA SUGESTAO ,MANDE PRA O MEU E-MAIL- bloggmgo@gmail.com É UMA FORMA DEMOCRATICA DE PARTICIPAREM DO BLOG. QUE É NOSSO E LIVRE!