Cadastre seu Email

quarta-feira, 30 de setembro de 2009

PRISÃO EM FLAGRANTE

GUARDAS MUNICIPAIS INTEGRANTES Do APOIO Á FISCALIZAÇÃO DA AMMA, DETIVERAM ONTEM UM HOMEM QUE TENTAVA FURTAR UMA RESIDÊNCIA PRÓXIMA A AMMA ... FORAM OS GM'S Solicitados PELA MORADORA INFORMANDO QUE HAVIA VISTO UMA PESSOA NO INTERIOR DE SUA RESIDÊNCIA ANTES DE ADENTRA-LA, empregaram DIANTE DAS CIRCUNSTÂNCIAS GM'S OS SEUS CONHECIMENTOS DE TRABALHO ,LOGRANDO ÊXITO NA Apreensão. NO INTERIOR DA RESIDÊNCIA FOI ENCONTRADO UM INDIVÍDUO JÁ DE POSSE DE Pertences PESSOAIS DA VÍTIMA EM UMA MOCHILA, O MESMO HAVIA VASCULHADO TODA A CASA A PROCURA DE MATERIAS DE MAIOR VALOR ... OS GMS DERAM VOZ DE PRISÃO AO MESMO EO CONDUZIRAM ATÉ O PRIMEIRO DP, Juntamente C / OS MATERIAS A QUAL tentaria Furtar EA VÍTIMA A QUAL registrou queixa. O FATO QUE CHAMA ATENÇÃO NESTE QRU QUE FOI COBERTO PELA TV GOIÂNIA É DADA A OUSADIA DO INFRATOR NESTE ... A Vítima ELOGIOU O TRABALHO PRESTADO PELOS GMs, ASSEGURANDO NÃO SABER EM QUE SITUAÇÃO Estaria InteGridade SUA FÍSICA CASO OS GM'S NÃOtivessem INTERVIDO.

Seis cidades terão Guarda Municipal armada

Os municípios estão se defendendo como podem, inclusive com armas de fogo. Leia abaixo a matéria da jornalista Luciana Cristo, publicada no Paraná Online: Campo Largo, na Região Metropolitana de Curitiba (RMC), será o mais novo município do Paraná a autorizar o porte de armas para os integrantes da sua Guarda Municipal (GM). Até agora, das 19 cidades do Estado que possuem GM, pelo menos seis já fizeram esta opção: Curitiba, Araucária, São José dos Pinhais, Ponta Grossa, Foz do Iguaçu e Umuarama. Agora, os guardas de Campo Largo estão passando pela primeira fase do curso de tiro na Escola Superior da Polícia Civil, em Curitiba, que é obrigatório. O armamento, que deve ser composto por pistolas semiautomáticas, ainda não foi comprado. “Vamos dobrar a carga do treinamento necessária legalmente e os 40 guardas que compõem o serviço vão estar armados, provavelmente no segundo semestre deste ano”, afirma o coordenador da GM de Campo Largo, Silvio Diniz. Outra prefeitura que optou pelo armamento foi a de Araucária. Criada há cinco anos, a GM da cidade, que tem 68 profissionais, é mais uma que pode portar armas de fogo em serviço ou fora dele. “Cerca de 80% das ocorrências que atendemos hoje são possíveis por causa do armamento. Antes, precisávamos pedir o apoio das polícias Militar e Civil com muito mais frequência”, avalia o diretor da GM de Araucária, Adair Aparecido Milani. Seguindo a tendência, Toledo também pretende armar sua GM. “É uma proposta da nossa administração. Como assumimos neste mês, ainda vamos fazer o projeto e pedir a autorização da PF para isso”, planeja o secretário de Segurança Pública do município, coronel Honório Simião Carneiro. E NOSSA GM DE GOIANIA ATRASADA ANOS LUZEM RELAÇAO A ESSAS ...O PREFEITO É ARCAICO!
SE VOCÊ GM, QUER QUE SEJA PUBLICADO AQUI ALGUMA MATERIA , PODE SER SUA; OU UMA SUGESTAO ,MANDE PRA O MEU E-MAIL- bloggmgo@gmail.com É UMA FORMA DEMOCRATICA DE PARTICIPAREM DO BLOG. QUE É NOSSO E LIVRE!