Cadastre seu Email

quinta-feira, 18 de julho de 2013

Sergipe
     
 
16/07/2013 06:07:15
GMA promove curso de habilitação para progressão na carreira
Nesta terça-feira (16), cerca de 60 guardas municipais (GMs) darão continuidade ao processo de progressão na carreira. O grupo formado por guardas da 2ª classe - GM2 - participará do curso de habilitação ao quadro de GM3. O treinamento atende a Lei Municipal 2.984, que disciplina o Plano de Carreira da Guarda Municipal de Aracaju (GMA), e tem como objetivo capacitar o servidor para atribuições específicas da 3ª classe.
Serão 80 horas/aulas distribuídas nas disciplinas: Prevenção, Mediação e Resolução de Conflitos, Condicionamento Físico, Chefia e Liderança, Redação de Documentos e Legislação Institucional. A nossa preocupação é atualizar os conhecimentos técnicos e profissionalizantes dos guardas, especialmente na ascensão e progressão que acarretam no aumento da responsabilidade do guardião enquanto gestor de recursos humanos, materiais e logísticos, bem como no assessoramento da administração da GMA, expôs o diretor geral coronel Enilson Aragão.
Conforme o plano de carreira da categoria, cabe ao GM3, entre outras atribuições, desenvolver e transmitir as atividades operacionais emitidas pelo chefe imediato ao grupo, bem como coordenar, supervisionar e zelar pelo cumprimento das missões sob sua responsabilidade. Segundo o coronel, além de habilitar o profissional, o curso busca agregar valores modernos de conhecimento. Um exemplo é a inserção da disciplina de mediação de conflitos que serve de facilitadora para o desempenho das atividades cotidianas do guardião, destacou.
Para o presidente do Sindicato dos Guardas Municipais de Aracaju (Sigma), Denis Frutuoso, o curso viabiliza a promoção do guarda, que é um direito da categoria. Este direito está sendo contemplado com esta nova gestão e garantirá um incremento financeiro. A iniciativa é importante porque mostra que a GMA está investindo na formação do GM. Além disso, com o curso agrega um status no quesito educacional, revelou.
Aula inaugural
A primeira aula iniciará a partir das 7h20 no SEST/SENAT, localizado na avenida Pres. Tancredo Neves, 5857 - Jabotiana. Na mesma manhã, os discentes contarão com a participação do agente da Polícia Civil e gestor estadual assistente da Rede Infoseg em Sergipe, Fábio Mendonça, que ministrará uma aula especial, às 9h.
6/07/2013 08h24 - Atualizado em 16/07/2013 09h35

Grupo entra em conflito com guardas municipais na Câmara de Rio Preto

Presidente disse atender somente dois itens das reivindicações.
Grupo decidiu continuar no saguão por tempo indeterminado.

Do G1 Rio Preto e Araçatuba
Comente agora
Manifestantes que estão acampados no saguão da Câmara Municipal de São José do Rio Preto (SP) desde quinta-feira (11) se desentenderam durante a madrugada desta terça-feira (16) com os guardas municipais que fazem a segurança do prédio. Houve bate-boca, mas a situação foi controlada. O motivo da discussão não foi divulgado.
Nesta segunda-feira (15) os integrantes do grupo decidiram continuar no local depois que o presidente da casa, Paulo Pauléra, informou que vai atender apenas duas das reivindicações propostas por eles.
saiba mais
Entre as medidas aceitas por Pauléra estão a revisão do fim do recesso parlamentar de julho e uma maior colaboração dos vereadores junto ao prefeito na questão da falta de creches para os moradores da cidade.
Pauléra não aceitou o pedido dos manifestantes para usar o plenário para a realização de assembléias e reuniões, nem o segundo andar do prédio como dormitório.
Os manifestantes, que estão há seis dias no local, disseram que vão continuar acampando por tempo indeterminado.
Manifestantes colocaram cartazes em frente à Câmara de Rio Preto (Foto: Reprodução / TV Tem)Manifestantes colocaram cartazes em frente à Câmara de Rio Preto (Foto: Reprodução / TV Tem)
 

Guardas municipais de Fortaleza decretam estado de greve

Guardas municipais de Fortaleza decretam estado de greve

Redação Web | 18h21 | 17.07.2013

Paralisações terão início a partir do dia 30, caso categoria e Prefeitura não cheguem a um acordo


Os guardas municipais de Fortaleza decretaram estado de greve desde a última terça-feira (16). A situação deve permanecer até o próximo dia 30, quando Prefeitura e o sindicato da categoria, Sindiguardas, se reúnem para debater as reivindicações. A data foi solicitada pela Secretaria de Planejamento, Orçamento e Gestão (Sepog) para avaliar o impacto financeiro do reajuste de R$ 920 pedido pelos agentes.
Reivindicações dos agentes estão sendo avaliada pela Sepog. Foto: Waleska Santiago
"O valor já é pago pela Prefeitura em forma de hora extra desde a gestão passada. A diferença é que estamos pedindo para ser incluído no contracheque", defendeu o diretor do Sindiguardas, Ailton Honoroto de Lima.
Os agentes solicitam também mudança dos guardas de nível médio, para nível técnico e a concessão das promoções de servidores. “Com essa mudança os guardas terão outras oportunidades de terem outros empregos. Com a mudança vai ser possível fazer outro concurso (estadual, federal) e poder assumir, se os horários forem compatíveis” ressaltou o presidente do Sindiguardas, Márcio Cruz.
Os guardas municipais não devem realizar paralizações até o dia 30, segundo Honoroto de Lima. Porém, ele afirma que caso o resultado da reunião com a Prefeitura não seja satisfatório para a maioria dos agentes, as paralisações pontuais terão início a partir da mesma data.
SE VOCÊ GM, QUER QUE SEJA PUBLICADO AQUI ALGUMA MATERIA , PODE SER SUA; OU UMA SUGESTAO ,MANDE PRA O MEU E-MAIL- bloggmgo@gmail.com É UMA FORMA DEMOCRATICA DE PARTICIPAREM DO BLOG. QUE É NOSSO E LIVRE!