Cadastre seu Email

sábado, 31 de outubro de 2009

SP-Inscrições para o concurso público da Prefeitura de Atibaia encerram nesta terça-feira

Para o cargo de Guarda Municipal, serão exigidos a prova objetiva, aferição de altura e teste de capacitação física, avaliação psicológica, prova prática, idoneidade e conduta ilibada, exame médico e odontológico e curso de instrução. Os empregos, requisitos, número de vagas, salários, jornada semanal de trabalho, as atribuições dos cargos e o conteúdo programático estão disponíveis no Imprensa Oficial da Estância de Atibaia, n° 1105, do dia 29 de setembro de 2009. O arquivo com o edital do concurso público poderá ser acessado pelo site www.atibaia.sp.gov.br/imprensa. Mais informações na Secretaria de Recursos Humanos, situada na Rua Bruno Sargiani, n° 100, Parque Jerônimo de Camargo, de segunda a sexta-feira, das 9h às 16h. Os candidatos também poderão esclarecer as dúvidas pelo site da Fundação Vunesp www.vunesp.com.br ou pelo Disque Vunesp (11) 3874-6300.

SP-Guarda Municipal apreende veículo clonado

Durante a investigação constatou-se que o veículo era furtado Na última quinta-feira, dia 22 de outubro, por volta das 14h30, os guardas municipais Rogério e Camargo, do serviço de patrulhamento por motos, localizaram um veículo Uno de placas DIK 3910 no bairro Terceiro Centenário. Como já havia uma reclamação de um veículo dublê com as mesmas características circulando pelo município e sendo autuado em diversas ocasiões, causando prejuízo financeiro ao proprietário do veículo original, o motorista foi abordado. Ao efetuar as verificações de praxe do carro, constatou-se que o condutor Waldomiro Henrique Braga não portava os documentos do veículo. Ao ser informado de que o veículo era suspeito de ser clonado, Waldomiro informou que tinha adquirido o carro há cerca de um ano de um cliente que morava no bairro do Maracanã.Diante de tais informações, o condutor e o veículo foram encaminhados à Delegacia de Polícia, sendo confirmado que o carro era dublê. Durante a pesquisa no banco de dados, foi confirmado também que o veículo era produto de furto na cidade de São Paulo. Em razão das provas, Waldomiro foi autuado em flagrante por crime de receptação, previsto no artigo 180 do Código Penal, e encaminhado ao Centro de Ressocialização.

SP-ATIBAIA-Guarda Municipal faz apreensão de máquinas caça-níqueis

Na última quinta-feira, dia 22 de outubro, por volta das 16h, os guardas municipais Baldim e Adilson receberam uma denúncia de que no estabelecimento comercial conhecido como Lanchonete Bate Bola havia máquinas caça-níqueis. Ao chegarem no local, foi constatada a presença de duas máquinas. Diante dessas evidências, a autoridade policial, Dr. Renato de Castro Neves, autorizou a apreensão das máquinas. Foi acionado então o Instituto de Criminalística para a análise dos equipamentos.

BA-Homem é assassinado em Porto Seco Pirajá

Um homem foi assassinado por volta das 15h desta sexta-feira, 30, no bairro de Porto Seco Pirajá, na periferia de Salvador. Paulo de Jesus Silva, de 41 anos, foi atingido por diversos disparos feitos por um desconhecido. Ele chegou a ser socorrido por uma viatura da Guarda Municipal ao Hospital Geral do Estado (HGE), mas não resistiu aos ferimentos. A 10ª CP ( Delegacia de Pau da Lima) investiga o crime, mas a polícia ainda não tem informações sobre algum suspeito.

SP-Guarda Municipal estoura centro de rinha de galo em Bragança Paulista

A Guarda Municipal de Brangança Paulista estourou agora a pouco um centro de rinha de galo, que funcionava em uma propriedade no bairro Campo Novo, na zona rural da cidade. Segundo a assessoria de imprensa, os guardas foram ao local depois de uma denúncia anônima, e quando chegaram no centro, encontraram mais de 50 animais aprisionados. Até o momento ninguém foi preso.

RJ-Guarda Municipal faz operação de orientação no trânsito

A Guarda Civil Municipal realizou na última semana uma blitz de orientação de trânsito para os motoristas da cidade. A operação começou na segunda-feira e termina na próxima quinta-feira. A ação feita no início da Rua Prefeito Assumpção, no Centro, teve como objetivo a conscientização sobre o respeito às leis de trânsito.De acordo com o comandante da guarda, Marcos Groetaers, os moradores pediram que fosse feito esse trabalho de orientação para evitar autos de infração de trânsito. “Decidimos atender a esse pedido porque nosso objetivo não é ser uma fábrica de multas e sim conscientizar as pessoas em respeitar as leis, dando mais segurança a todos”, comenta.Ainda segundo Groetaers, a resposta da população com essa blitz tem sido bastante positiva, e não está restrita somente a motoristas e motociclistas. “Também estamos passando informações para os pedestres, sobre quais são os seus direitos e também os seus deveres no trânsito”, explica o comandante.Para o trabalho, foram destacados seis guardas civis municipais que além de conversar com os motoristas, motociclistas e pedestres, entregaram panfletos do Departamento de Trânsito (Detran). A próxima blitz de orientação está prevista para a semana que vem, no bairro Penedo.FERIADÃOA Guarda Civil também preparou uma operação especial durante este final de semana prolongado, durante o feriado de Finados. Um efetivo de aproximadamente 11 guardas municipais ajudará na ordenação do trânsito em Penedo, Maromba e Maringá. Neste período, o número de pessoas chega a triplicar nas localidades. Segundo Groetaers, a guarda disponibilizará seis guardas e uma viatura para o bairro Penedo, e cinco guardas e uma viatura para a região de Maromba e Maringá. “Neste final de semana também está programada para acontecer uma festa no bairro Campo Alegre, e estaremos com sete guardas municipais trabalhando na ordenação do trânsito no local”, finaliza o comandante

MG-Falta um voto para decidir se Guarda multa ou não

Basta que um desembargador julgue improcedente a ação direta de inconstitucionalidade (Adin) ajuizada pelo Ministério Público Estadual (MPE) contra a permissão da Guarda Municipal multar no trânsito de Belo Horizonte para que os 130 agentes retornem com blocos e canetas às ruas e avenidas da capital, como almeja a prefeitura. Na sessão da corte superior do Tribunal de Justiça de Minas Gerais (TJMG), ontem, mais cinco dos 25 magistrados se posicionaram em relação à Adin. Agora, são 12 votos a favor de os guardas municipais multarem motoristas infratores e sete contra o poder de multa dos agentes, mas favoráveis à ajuda deles na organização do trânsito. Cinco magistrados ainda não deram seu parecer. Se houver empate, o presidente da corte, Sérgio Resende, dá o voto de minerva.A decisão foi adiada pela segunda vez devido a pedido de vista do processo. Desta vez, a solicitação foi do desembargador Carreira Machado. Segundo ele, a matéria deveria ser mais bem estudada. Novo julgamento ocorre em 14 dias e, até lá, a liminar do TJMG que proíbe a Guarda Municipal de multar continua valendo. Um dos que se posicionaram contra a Adin foi o desembargador Roney Oliveira, que havia pedido vista no primeiro julgamento da ação. “Não há incostitucionalidade em a Guarda Municipal multar. Não consigo vislumbrar poder de polícia sem a coerção”, comentou.Na próxima sessão, os magistrados que já se posicionaram podem alterar o voto. “Doze desembargadores acolheram a tese da prefeitura, mas não dá para adiantar o resultado. Não acredito que eles mudem o voto. Vamos aguardar”, afirma o procurador-geral do município, Marco Antônio Rezende. O procurador-geral de Justiça Adjunto Jurídico do MPE, Geraldo Flávio Vasques, propositor da Adin, prefere evitar previsões e aguardar o próximo julgamento. A justificativa do MPE é de que a Guarda Municipal como fiscal do tráfego acarreta uma sobreposição de funções.Já atuam na fiscalização do trânsito de Belo Horizonte 410 homens do Batalhão de Trânsito da Polícia Militar e 400 agentes da BHTrans. Se for vencido, o Ministério Público ainda pode recorrer ao Superior Tribunal de Justiça (STJ). A permissão de dar à Guarda Municipal poderes de fiscal de trânsito esbarra na interpretação da legislação brasileira pelos magistrados. Segundo a Constituição, cabe às guardas proteger os bens, serviços e instalações da cidade. Alguns juristas entendem que o trânsito é um bem público. O Código de Trânsito Brasileiro (CTB), por sua vez, não delega às guardas a responsabilidade de organizar o tráfego nas ruas e avenidas.

Guardas municipais de Maceió concluem curso de capacitação

Após quatro meses de muita dedicação e aulas em regime integral, foi encerrado o 1º Curso de Formação para Guardas Municipais. A formatura dos alunos será realizada na próxima sexta-feira (30), no auditório da Pinacoteca da Ufal, na Praça Sinimbu, a partir das 14 horas.Maceió é a primeira capital brasileira a realizar um curso de formação para guardas municipais, de acordo com a matriz curricular nacional do Programa Nacional de Segurança Pública com Cidadania (Pronasci). Um total de 350 guardas municipais foi capacitado após 576 horas de aulas. Foram cinco meses de capacitação, em regime integral, e estágios programados nos finais de semana.Durante o curso, os guardas participaram de cinco módulos: Papel da Guarda Municipal e a Gestão Integrada da Segurança Pública em Nível Municipal; Apropriação do Espaço Público; Estrutura e Conscientização para a Prática da Cidadania; Comunicação e Gerenciamento da Informação; e Relações e Condições do Trabalhador das Guardas Municipais.Segundo o diretor-executivo da Guarda Municipal de Maceió, coronel Matias, a conclusão do curso significa mais um grande avanço dado pela corpo-ração nos últimos anos. Ele ressaltou que, cada vez mais, o guarda municipal vai poder estar mais próximo da população e desenvolvendo ações dentro de uma doutrina de polícia comunitária.No 1º Curso de Formação, os guardas municipais tiveram aulas sobre Ética, Segurança Patrimonial, Primeiros Socorros, Fiscalização do Espaço Público, Movimentos Sociais, Relacionamento com a Mídia, Redação, Saúde do Trabalhador, Direito do Trabalhador, entre outras

quarta-feira, 28 de outubro de 2009

Homem agride Guarda Municipal-Motoboy morde guarda depois de estacionar em local proibido.

VOLTA REDONDAO motoboy, Wesly Junior Pinote, 26 anos, foi detido na manhã de ontem, sob acusação de ter desacatado e agredido fisicamente o guarda municipal Batista na Rua 14, no bairro Vila Santa Cecília, em frente ao Clube dos Funcionários.Segundo o guarda, ele foi chamado ao local por volta das 10h30mim, porque um entregador de água mineral havia estacionado a motocicleta placa KMW-4757 de forma irregular, numa vaga destinada a taxistas.No local, o rapaz se recusou a entregar a documentação do veículo. “Ele pediu que aguardássemos a chegada do seu chefe. Nós questionamos sobre as irregularidades da motocicleta, que era falta de retrovisor, do licenciamento e a lanterna traseira do reboque quebrada”, conta Batista.Ainda de acordo com o guarda, no momento da ocorrência o motoboy desacatou os guardas municipais. Ele também tentou fugir e ao ser impedido avançou contra um dos guardas e o mordeu. Foi necessária a força de cinco guardas para detê-lo.Em seu depoimento na 93ª Delegacia de Polícia, onde o caso foi registrado, Wesley contou que sempre estacionava no local para fazer entregas e que nunca teve problemas por conta disso. Ele ainda contou que quando foi acender um cigarro um dos guardas o puxou pela gola da camisa e para se defender acabou o mordendo. Após prestar depoimento o motoboy foi liberado e responderá ao processo em liberdade. Porém, teve a carteira de habilitação apreendida pela polícia

Cerca de cem pessoas trabalham na operação de demolição, entre agentes da Seop, Guarda Municipal, polícias Civil e Militar

A Secretaria Especial da Ordem Pública (Seop) está demolindo, neste momento, uma casa de dois pavimentos na ladeira Ary Barroso, no Leme. A construção, segundo a secretaria, é irregular e sequer legalizável, uma vez que foi erguida em área de encosta acentuada, considerada de risco. Ainda de acordo com a Seop, a casa estava desabitada e, antes do projeto de pacificação do morro Chapéu Mangueira, serviria de "quartel general" do tráfico. A informação foi atribuída pela Seop à polícia. Cerca de cem pessoas trabalham na operação de demolição, entre agentes da Seop, Guarda Municipal, polícias Civil e Militar, equipe de conservação da Secretaria Municipal de Obras e Comlurb. A demolição também tem o apoio da Subprefeitura da Zona Sul.

Guarda Municipal do Rio promove casamento comunitário

A Guarda Municipal promove hoje a quarta edição do Casamento Comunitário, às 15h, no Centro Esportivo Miécimo da Silva, em Campo Grande. Um grupo dee 112 casais moradores de Bangu, Senador Vasconcelos, Sepetiba e Vargem Pequena, áreas atendidas por bases do Grupamento de Guardas Comunitários (GGC) da GM-Rio, irão oficializar a união. Com esta edição, sobe para 214 o número de casais atendidos pelo programa. A primeira edição do projeto foi em março de 2006, com a união de sete casais de Vargem Pequena. A segunda aconteceu no mesmo ano, oito meses depois, para 30 casais, atendidos também pelo efetivo da base de Vargem Pequena. Na terceira edição, 97 casais participaram do casamento. Pelo projeto, a GM solicita a isenção das taxas junto aos órgãos públicos. O evento acontece uma vez ao ano graças a parcerias com empresas públicas e privadas. As inscrições acontecem no mês de julho de cada ano. A GM-Rio promove uma cerimônia religiosa, providenciando vestido e maquiagem para as noivas e até mesmo o bolo e a decoração do espaço da festa. Além disso, os noivos podem levar dez convidados para a festa.

Prefeitura de Tatuí (SP) abre concursos para 84 vagas

O cargo de guarda municipal exige ensino médio completo, carteira de motorista categoria “AB” no mínimo e estatura mínima de 1,65m para homens e de 1,60m para mulheres. O salário é de R$ 983,08. As inscrições serão realizadas, via internet, até 20 de novembro, nos sites www.esppconcursos.com.br e www.tatui.sp.gov.br. As taxas vão de R$ 16,25 a R$ 18,50. O candidato que não tiver acesso próprio à internet poderá fazer sua inscrição por meio de posto de inscrição, das 8h às 17h, exceto sábado, domingo e feriados, na Rua Juvenal de Campos, nº 430, Centro de Tatuí. A aplicação da prova objetiva está prevista para 13 de dezembro.

terça-feira, 27 de outubro de 2009

Segundo a Guarda Municipal, na altura do km 22 da BR-116 as águas chegaram a um metro em um trecho de aproximadamente 200 metros

O piscinão que fica a sudoeste da cidade de São Paulo (SP), próximo ao município de Taboão da Serra (SP), transbordou nesta segunda-feira e provocou pontos de alagamento nas ruas próximas. O trânsito na região ficou bastante prejudicado, incluindo o acesso à rodovia Régis Bittencourt (BR-116), uma das principais do país. Segundo a Guarda Municipal, na altura do km 22 da BR-116 as águas chegaram a um metro em um trecho de aproximadamente 200 metros, o que deixou o trânsito parado. Além da rodovia, a região do Shopping Taboão e o acesso ao Rodoanel ficaram comprometidos após as chuvas. O córrego da rua Henrique Borba, também em Taboão da Serra, transbordou, e as águas chegaram a atingir algumas residências. Outro local bastante prejudicado no município foi o Santuário Santa Terezinha. Segundo Everton Magalhães, morador da cidade, os arredores da igreja ficaram totalmente alagados e o trânsito interditado. A Guarda Municipal informa ainda que uma mulher sofreu convulsão no trânsito.

Guarda municipal ‘sarado’-Corporação terá academia para agente entrar em forma e ganhar hábitos saudáveis de alimentação

Rio - Os 6 mil guardas municipais do Rio de Janeiro vão ganhar uma academia no Quartel General, em São Cristóvão, na Zona Norte da cidade, para ficar em forma e perder alguns quilos a mais indesejáveis. A intenção da Prefeitura do Rio é aprimorar o condicionamento físico dos agentes e fazer com que eles passem a ter hábitos saudáveis de alimentação. A Guarda Municipal informou que a academia terá função anti- estresse e de treinamento. O espaço será construído com verbas do Pronasci (Programa Nacional de Segurança Pública com Cidadania). Apesar de o termo de cooperação ter sido assinado, ainda não há previsão de início das obras.Mesmo propondo que os seus agentes se alimentem corretamente, o projeto original não determina acompanhamento de um nutricionista. Os agentes deverão ser orientados por médicos dos planos de saúde que possuem. Por enquanto, está decidido que a academia vai contar com personal trainers.O presidente do Sindicato da Guarda Municipal do Rio, Rogério Chagas, comentou que a academia é uma reivindicação de pelo menos 12 anos. Ele afirma que a unidade será muito importante para todos os agentes, principalmente para quem está acima do peso.“Não é uma questão de discriminação. Mas não podemos ter servidores municipais da área de segurança pública obesos. Nossa atividade requer padrão corporal. Muitas vezes, os agentes têm que correr, pois não temos outros instrumentos, como arma de fogo. Trabalhamos com cassetetes e armas não letais. Por isso, o guarda tem que estar em boa condição física”, defende Chagas.O presidente do sindicato discorda da posição da prefeitura de não oferecer um nutricionista para os agentes que frequentarem a academia. “Os guardas não podem contar somente com o plano de saúde. Temos o direito de usufruir de todos os serviços de uma academia comum. Não adianta construir algo só para dizer que tem uma atividade de esporte para a categoria. É importante que a prefeitura dê atenção para a questão”, avalia Chagas.

Guarda Municipal começa a operar com sistema de rádio

A Secretaria de Trânsito e Cidadania, por meio da Guarda Municipal, começou a operar desde sexta-feira (23) com o sistema de rádio comunicação. O novo sistema trabalha integrado com o Centro de Comunicações de Emergência, que funciona na sede do 22º Batalhão da Polícia Militar. O Local hoje é responsável por centralizar os atendimentos da Polícia Militar (190), do Serviço de Atendimento Móvel de Urgência (192) e do Corpo de Bombeiros Militar (193) e por controlar as 48 câmeras de monitoramento instaladas na cidade. No próximo mês, a corporação irá receber 02 motos e 02 carros adaptados, para ajudar na execução de ações de prevenção da violência urbana em logradouros públicos visando à proteção dos bens, serviços e instalações municipais.

Saiu edital de abertura do concurso para 876 vagas

As ofertas são para professor, técnico em informática, guarda de trânsito, guarda municipal, agente de limpeza, operacional de serviços diversos e vigia A Prefeitura Municipal de Tutóia, Estado do Maranhão, divulgou edital de abertura do concurso que visa preencher 876 vagas, com salários que variam de R$ 465 a R$ 950. As ofertas são para professor, técnico em informática, guarda de trânsito, guarda municipal, agente de limpeza, operacional de serviços diversos e vigia. As inscrições serão realizadas no período entre 23 de novembro a 4 de dezembro, das 8h às 13h, na sede da Secretaria Municipal de Educação de Tutóia (rua Nazaré, s/n, Centro). Também serão aceitas inscrições pela Internet, que serão realizadas da seguinte maneira: o candidato deve preencher a ficha de inscrição no site www.dinamicaparnaiba.com.br e enviar para o arquivo digitalizado, juntamente com o comprovante de depósito, para o e-mail dinamica@dinamicaparnaiba.com.br. A taxa é de R$ 20 para nível fundamental, R$ 40 para nível médio e R$ 60 para professor. O concurso será de provas objetivas, com data de realização provável para o dia 20 de dezembro, em locais e horários a serem divulgados oportunamente. Para os cargos de guarda de trânsito e guarda municipal, haverá também teste físico e psicológico

Guarda Municipal prende assaltante de ônibus

Era 23h30 deste domingo (25) quando uma equipe da guarda municipal foi abordada na Avenida Mário Filho em Foz do Iguaçu. Populares que testemunharam um assalto a ônibus de transporte coletivo fizeram a queixa. Os guardas realizaram ronda e localizaram Rafael Carlos Vicenti, 23 anos. O rapaz tentou fugir pulando muros e terrenos. Ele foi detido e encaminhado a 6ª SDP. O assaltante foi reconhecido pelas vítimas e está a disposição da justiça.

segunda-feira, 26 de outubro de 2009

Resitência seguida de morte: meliante troca tiros com a Guarda Municipal de Araras

José de Souza Ribeiro, de 34 anos, morreu na noite deste sábado após troca de tiros com a Guarda Municipal da cidade de Araras, a 166 km da capital paulista. O tiroteio aconteceu por volta das 23h30, no bairro Parque Tiradentes. Segundo informações da Guarda Municipal de Araras, dois guardas faziam a ronda no local, quando suspeitaram de três veículos e, ao se aproximar de um deles, foram ameaçados por Ribeiro, que, de dentro do veículo, teria dito que ambos iriam morrer. De acordo com os guardas, em seus depoimentos à polícia, o tiroteio começou neste momento.Ribeiro foi baleado e levado ao Hospital São Luiz, mas não resistiu aos ferimentos e morreu na madrugada deste domingo. Com ele, foram apreendidos 15 gramas de maconha, uma pistola calibre 45, um celular e R$ 75. A Guarda Municipal disse ainda que José de Souza tinha passagens pela polícia.

GCMs de Goiania-GO prendem individuo passeando VTR ,deichada em oficina para reparos.

GOIANIA-GO Guardas Civis da 7ª Regional, após averiguação de denuncia feita pelo GM Guerra ,que encontrou a Vtr 3407 em poder de meliante drogado. Ocorreu o seguinte: VTR3407, antiga vtr gpc kombão foi deixada na oficina para ser arrumada, o responsavel pela oficina pegou a vtr e foi dar um passeio na cidade ;o mesmo estava embriagado , Com o Apoio da vtr da 1ª regional o individuo foi detido e conduzido ao 1º DP,no centro da cidade. onde foi lavbrado BO contra o mesmo,que podera perder sue CNH e responder pelos crimes praticados. Parabéns aos GM's que trabalharam na ocorrência.

Aposentado é detido por ato obsceno em Jundiaí

O aposentado O.N.F., 57 anos, foi detido pela Guarda Municipal na Rodoviária de Jundiaí. Ele foi acusado pela auxiliar administrativa K.A.C., 22 anos, de se masturbar no interior de um ônibus da Viação Cometa desde a Marginal do Tietê, em São Paulo. A vítima chegou a filmar o ato com o seu telefone celular, para entregar a prova na Delegacia de Polícia.

Polícia registra conflitos em 4 terminais de ônibus antes do Atle-Tiba

A Polícia Militar do Paraná registrou conflitos em quatro terminais de ônibus de Curitiba, antes do clássico Atle-Tiba deste domingo, no Couto Pereira, segundo informações da Rádio Banda B . Torcedores de Coritiba e Atlético-PR criaram confusão nos terminais do Alto Maracanã, na região metropolitana de Curitiba, Vila Oficinas, Fazendinha e Centenário.Na Fazendinha, na Zona Oeste da capital, cerca de 300 torcedores foram dispersados por homens da PM e da Guarda Municipal, no inicio da tarde. Os policiais revistaram várias pessoas, mas ninguém foi preso. O clássico, que começa às 16h, teve um esquema de segurança reforçado neste domingo. Cerca de 600 policiais da PM e da Guarda Municipal estão trabalhando nas ruas da cidade e nas proximidades do Couto Pereira

Polícia dissipa confronto entre cerca de 300 torcedores na Fazendinha

A Polícia Militar e a Guarda Municipal dissiparam uma confusão entre aproximadamente 300 torcedores próximo ao acesso ao Terminal da Fazendinha, Zona Oeste de Curitiba, por volta das 13h45 deste domingo (25). A PM informou que ninguém foi preso, mas que várias pessoas foram revistadas, tendo objetos que poderiam ser utilizados como arma recolhidos.

Prefeitura vai comprar 24 novas viaturas para Guarda Municipal

A prefeitura vai investir R$ 1,1 milhão na compra de 24 novas viaturas para a Guarda Municipal, conforme publicado na sexta-feira na “Imprensa Oficial”. Serão modelos Gol e Voyage, ambos da Volkswagen. “Nesse valor estão inclusos os custos com a adaptação dos veículos para viaturas [instalação de rádios e outros equipamentos]”, explica o comandante da GM, Paulo Sérgio Giacomelli Stel, o Jacó. Segundo o comandante, será feita uma análise da frota atual (63 veículos, entre carros e motos) para verificar se haverá necessidade de desativar alguma viatura com a chegada dos novos carros. “Existe também a possibilidade de transferir alguns carros que ainda estejam em bom estado para serem utilizados em outras secretarias”, disse. O comandante afirmou ainda que, entre as medidas para aumentar a atuação da guarda, a prefeitura estuda realizar um concurso para contratação de mais guardas. O efetivo atual é de 283 GMs. A compra das 24 viaturas faz parte do pacote de investimentos para a corporação anunciado pelo prefeito Miguel Haddad (PSDB) no início do ano. No total, R$ 2 milhões deverão ser investidos. Em julho, a GM recebeu oito novas motocicletas e, em agosto, duas novas viaturas EcoSport, que são utilizados para apoio tático

sábado, 24 de outubro de 2009

Guarda Municipal prende suspeitos de assalto no Parque do Flamengo

RIO - A Guarda Municipal do Rio prendeu, nesta sexta-feira, dois acusados de praticar assaltos no Parque do Flamengo, no Flamengo, Zona Sul do Rio. Maiara Cristina Gomes do Nascimento, de 19 anos, e Leonam da Silva, de 20, foram apontados por uma mulher que havia sido assaltada. Ao abordar o casal, os GMs encontraram o MP4 da vítima e uma tesoura que teria sido usada durante a ação criminosa. O caso foi registrado como roubo na 9ª DP (Catete).

Bloqueio em cruzamentos reduz número de acidentes, diz estudo

Em coletiva cedida à imprensa hoje pela manhã, Guarda Municipal, Polícia Militar e Corpo de Bombeiros de Lucas do Rio Verde são unânimes em afirmar que as ações projetadas para o trânsito, dentre elas o bloqueio de cruzamentos, são fundamentais para a diminuição de acidentes.
A constatação, confirmada através de um estudo que levantou os atendimentos de janeiro a outubro, deve cair como um banho de água fria na intenção dos comerciantes – que alegando diminuição do movimento e retração dos lucros – pretendem interferir na decisão. Segundo informações, um abaixo-assinado está correndo o comércio local reivindicando a reabertura dos pontos que foram fechados.
De acordo o tenente Heitor, do Corpo de Bombeiros, após a inauguração do viaduto, no final daquele mês, o número de pessoas envolvidas em acidentes caiu para 1 em agosto, 2 em setembro e mais 1 até a data de ontem, mês de outubro, dando uma média de 1,3 ocorrências contra 4 acidentes em média por mês em todo o período anterior. Para o Major Cunha, comandante da Polícia Militar, mais que a necessidade de ganhos financeiros, o que está em questão é a vida das pessoas, e isso “não tem preço”. Todas essas atitudes somadas em conjunto com as ações da Polícia Militar em parceria com a Guarda Municipal têm sido apontadas como responsáveis pela diminuição da violência nas ruas. Até que se prove o contrário, o ritmo das autarquias responsáveis por essa melhora deve continuar na mesma batida.

Justiça condena 2 por morte de guarda municipal em Bertioga durante ataques de 2006 em SP

SÃO PAULO - Dois homens foram julgados no Fórum de Bertioga e condendos pela morte de um guarda municipal durante os ataques de terror do crime organizado no estado de São Paulo, em maio de 2006. O julgamento terminou às 2h34m desta sexta-feira. Douglas dos Santos Repizzo, 22 anos, e Fabrício Leopoldina Hammoud, 22 anos, foram condenados a 13 anos e 4 meses de prisão cada um pelo homicídio, por motivo torpe e que dificultou defesa da vítima. Os dois executaram o guarda municipal a mando de uma organização criminosa e têm tatuado no braço símbolos da quadrilha. O juiz aumentou a pena em um terço. Pelo crime de formação de quadrilha ou bando, eles tiveram a pena acrescida de um ano e dois meses de prisão.

sexta-feira, 23 de outubro de 2009

Câmeras da GM flagram adolescentes pichando prédios

Cinco jovens foram levados para a delegacia e depois liberados
Cinco adolescentes foram detidos depois de serem flagrados por câmeras da Guarda Municipal pichando dois prédios no centro de Limeira, na madrugada desta quinta-feira (23). O operador da câmera desconfia quando dois jovens se aproximam e começa a seguir tudo o que eles fazem. As imagens mostram que os suspeitos já estão em cima de uma casa e um deles parece vigiar. Mais ao fundo, outro começa a rabiscar as paredes com tinta spray e faz o desenho tranquilamente. Depois, um deles verifica se não há ninguém vendo e desce, mas quando atravessa a rua, a viatura da GM chega. Enquanto alguns guardas sobem no telhado para ver se encontram mais gente, em frente da casa os outros verificam se há vestígios de tinta nas mãos das pessoas detidas. A pichação aconteceu em uma loja e uma agência dos Correios. Apesar das imagens mostrarem apenas duas pessoas, cinco jovens foram levados para a delegacia. A polícia avisou os pais e todos foram liberados, mas vão ter que se apresentar à Vara da Infância e da Juventude.

Guarda Municipal Rio passará a usar pistolas de choque

RJ-Os guardas municipais que atuam na reigão da Lapa e no Leme começam a usar nesta quinta-feira pistolas Teaser, equipamento não-letal que emite ondas T (semelhantes à onda cerebral) e que tem efeito paralisante. Segundo o secretário municipal de Ordem Pública (Seop), Rodrigo Bethlem, na orla, os agentes usarão a arma somente à noite. Ele disse também que no início do ano que vem, com o repasse do Programa Nacional de Segurança Pública (Pronasci), a prefeitura vai instalar 350 câmeras, que vão ser distribuídas nas avenidas Presidente Vargas e Rio Branco, no Centro; o Aterro do Flamengo, o Maracanã; as orlas de Copacabana, Ipanema e Leblon; além das praças Saens Peña e Afonso Pena, na Tijuca, como o jonral O Dia publicou em setembro. "Nosso objetivo é chegar a mil câmeras até o final do governo", disse. Além disso, no ano que vem, mil novos homens vão ser contratados para reforçar o quadro efetivo. Bethlem informou que a Guarda Municipal perde, por ano, cerca de 250 agentes - a maioria sai porque foi aprovada em outro concurso público. "Esse efetivo a ser contratado vai servir para atender as Inspetorias Legais que serão inauguradas no Jardim do Allah, Lido, Centro da Cidade, Madureira e Tijuca", afirmou.

Guarda Municipal dá prosseguimento à campanha educativa no trânsito

BARRA MANSA Dando continuidade à campanha educativa de conscientização no trânsito da cidade, a Guarda Municipal promoveu ontem, em duas etapas, mais uma atividade. Desta vez, o objetivo foi conscientizar os motoristas e caronas para o uso do cinto de segurança e o não uso do celular na direção. Segundo o subcomandante da guarda, Natanael, a ideia das operações, que estão ocorrendo em toda a cidade com atividades diferenciadas, é conscientizar os motoristas do perigo das infrações cometidas e do risco a que se expõem, inclusive oferecendo perigo a outra pessoas. Ele lembra ainda que as atividades são realizadas nos principais pontos da cidade, com o objetivo de atingir o maior número de motoristas.Ontem, na parte da manhã, a campanha foi realizada na Rua Tenente José Eduardo, no Ano Bom, nas proximidades do Sesc. No local, motoristas que não estavam com o cinto de segurança e faziam o uso do celular foram parados e convidados a assistirem a uma palestra sobre o Código Nacional de Trânsito sábado, às 17 horas, no Sest/Senat. O subcomandante da guarda informou que na parte da manhã 85 motoristas foram notificados por estar cometendo algum tipo de infração, sendo que a maioria estava sem o cinto de segurança. “Todos os infratores foram notificados e convidados para a palestra. Caso não compareçam, receberão multa e perderão pontos na Carteira de Habilitação”, esclarece o subcomandante, acrescentando que à tarde a campanha foi realizada na Avenida Joaquim Leite, no Centro, onde outros motoristas foram notificados, totalizando 147 autuações no dia.

Polícia paulista vai usar pistola elétrica em Ribeirão Preto

S P - A Polícia Militar de São Paulo começa a usar em Ribeirão Preto, 319 km da capital paulista, a pistola elétrica, uma arma não letal que imobiliza o suspeito por meio de choques. Em todo o estado, a PM possui 350 pistolas deste tipo. Para usá-las, os policiais precisam passar por um treinamento de dez horas, com aulas práticas e teóricas. Na região de Ribeirão Preto, há três anos a Guarda Municipal de Guaíra foi pioneira na utilização do armamento. A arma tem um alcance de cinco metros e é capaz de imobilizar um homem na hora. A velocidade do tiro é muito rápida. Da arma saem dois fios com arpões, que penetram em torno de 1,5 centímetro no corpo do suspeito e descarregam uma energia de 50 mil volts. O choque provoca uma dor intensa que faz com que a pessoa atingida caia no chão, imobilizada. O comandante da PM Thiago Pedroso diz que a arma será usada com muito critério e em situações específicas. - Quando o suspeito estiver agressivo, armado de faca, ou em um preso em tentativa de fuga. Será usada em casos onde não deve ser usada arma letal - explica.

Garçom é sequestrado às vésperas de participar de júri em Bertioga, SP

S P- Um garçom de 26 anos foi libertado de um cativeiro no bairro Parque Estuário, em Guarujá, no litoral paulista, nesta terça-feira. A vítima foi sequestrada às vésperas de participar como testemunha de um júri em Bertioga, marcado para esta quinta-feira, do assassinato de um Guarda Municipal na época de ataques da facção que age nos presídios de São Paulo, em maio de 2006. A polícia chegou ao cativeiro após uma denúncia anônima, na tarde desta terça, que dizia sobre um barraco que haveria drogas e armamentos em Beco Novo Horizonte, na favela do Caixão. No local estavam 15 pessoas. Sete delas foram presas. O garçom foi encontrado pela polícia em um mangue enquanto fugia.

quarta-feira, 21 de outubro de 2009

DESOBSTRUÇÃO DE CALÇADAS

A Polícia Militar e a Guarda Municipal está na Central de Abastecimento Chagas Barreto para evitar que aconteça algum problema. Os comerciantes não se conformam com a medida
Sobral. Uma determinação da Secretaria de Planejamento e Desenvolvimento Urbano e Meio Ambiente (Splan) de desobstruir as calçadas em torno da Central de Abastecimento Chagas Barreto (Mercado Público) tem causado revolta aos ambulantes e vendedores de hortifrutigranjeiros e carnes. A decisão partiu depois de uma série de reuniões envolvendo ambulantes, comerciantes, Guarda Municipal e Polícia Militar. E na manhã de terça-feira, os espaços antes ocupados por esses vendedores foram preenchidos por bicicletários e gradeados.Os ambulantes são unânimes em afirmar que são a favor da medida desde que sejam feita as reformas prometidas, para garantir o fluxo de pessoas na parte interna do mercado. "Eles prometeram que a nossa saída só iria acontecer depois que abrissem outras portas para o acesso às pessoas e isso não aconteceu", disse indignada a vendedora Maria Jandira Mesquita que, segundo ela, até as 9h não havia vendido nada.Segundo o ex-presidente da Associação dos Vendedores Ambulantes de Frutas e Verduras, a medida é arbitrária pelo fato de não ter sido concretizado o que havia sido acordado antes. "Em nenhum momento nós aqui nos recusamos deixar as calçadas, contanto que fossem feitas melhorias no local. Eles prometeram e não fizeram, o que acaba revoltando a gente", desabafa.O coordenador de Serviços e Equipamentos Públicos, José Prado, assegura que os fiscais da Splan permanecerão vigilantes por todos os dias da semana, até que a situação esteja controlada. "São aproximadamente 45 vendedores que insistiam em permanecer nas calçadas do mercado. Vendedores que já possuem boxes", disse Prado.Outro que se mostrava insatisfeito com a situação era o vendedor de tapiocas, Francisco Osvaldo de França, que há mais de 30 anos negocia no Mercado Central. A banca dele foi retirada por fiscais. "Além da humilhação que estou passando hoje ainda fui agredido por um policial que tomou, à força, uma faquinha que uso para descascar palha", disse ele.Para o coordenador da Guarda Civil, Jorge Trindade, a presença deles é apenas para evitar que, por um motivo ou outro, haja agressão. "Estamos vendo que o clima é passivo. A nossa permanência é como forma de garantir a integridade dos fiscais. Vamos permanecer nas imediações até o próximo domingo. Acreditamos que após esta dada eles não tentem retornar para as calçadas", adiantou.A Central de Abastecimento Chagas Barreto é um equipamento moderno, inaugurado em 2001. Conta com 280 boxes para feirantes, 60 boxes para cafezeiros(as) e 32 pontos comerciais externos com elevado padrão sanitário, boa administração e serviços em geral. A área reformada e construída totaliza 5.918,06m² e veio para atender uma antiga reivindicação dos comerciantes que trabalham no mercado..

BA-Prefeitura anuncia que vai fazer licitação para contratar empresa

A Prefeitura de Salvador deverá publicar edital de licitação, em 48 horas, contadas a partir de hoje, para contratação de empresa que substituirá a Solário Segurança Patrimonial Ltda, responsável pela vigilância de mais de 140 unidades educacionais do município, entre escolas e creches, e cujo contrato foi rescindido após denúncia publicada no domingo em A TARDE. A Solário foi contratada, sem licitação – apesar do parecer contrário da Procuradoria Geral do Município (PGM) – pelo período de 90 dias, a partir de julho, pelo valor de R$ 2,7 milhões. Entre publicação de edital e celebração de contrato com a nova empresa, a prefeitura prevê um período mínimo de 30 dias. Os vigilantes da Solário, com salários atrasados, temem perder o emprego e não quiseram se identificar para a reportagem por temor de represálias, como foi o caso do vigilante da Escola Municipal Carlos Onofre (Federação). Nota oficial divulgada nesta terça, pela assessoria de imprensa da prefeitura, informa que o prefeito João Henrique Carneiro (PMDB), determinou que a Guarda Municipal do Salvador (GMS) – que até semana passada estava em greve por atraso nos provimentos e salário – ocupe, gradativamente, os postos de vigilância nas escolas (atualmente 70 unidades já são atendidas pela GMS, segundo a nota). Mas o assessor de imprensa da prefeitura, André Curvello, disse para a reportagem que a prefeitura pensa em solicitar ajuda da Polícia Militar considerando que o efetivo da Guarda Municipal, de 350 homens, é menor que o da Solário, que mantém 548 vigilantes. Eles trabalham em turno de 12 horas com 36 horas de folga, conforme prevê a lei. A Guarda Municipal ainda não fez o cronograma de ocupação dos postos, porque aguarda informações da Secretaria de Educação. Procurado pela reportagem, o dono da Solário, Nei Cavalcanti, disse que não foi notificado pela prefeitura sobre rescisão do contrato, e fez questão de dizer que “o valor pago pelos serviços prestados está abaixo do preço de mercado”. A prefeitura já teria pago R$ 1,5 milhão do total dos R$ 2,7 milhões previstos

Guarda Municipal remove 13 bicicletas estacionadas irregularmente nas ruas do Centro

BARRA MANSAAtendendo a solicitação da população, cansada com o número de bicicletas que tomam as calçadas do centro da cidade impedindo a circulação de pedestre, a Guarda Municipal de Barra Mansa realizou ontem pela manhã uma operação para recolher as bicicletas que estejam estacionadas de maneira irregular. Segundo o Comandante da Guarda Municipal Jefferson Mamede a fiscalização foi voltada para as bicicletas que estavam causando obstrução nas calçadas, estacionados em postes e portas de lojas, e a menos de cem metros dos bicicletários existentes no município. Ao todo segundo o comandante, 13 bicicletas foram removidas das áreas do centro da cidade e encaminhadas para o deposito da Guarda. “As bicicletas forma removidas por infligirem três leis. A primeira do código de trânsito, pois a bicicleta é um veículo e não podemos estacionar veículos em calçadas. A segunda lei é o código de postura que impede que bicicletas fiquem presas em postes, por exemplo. E a terceira é o decreto municipal que regulamenta que as bicicletas não podem estacionar a menos de 100 metros bicicletários”, explica.MULTAPara regatar as bicicletas, segundo Mamede é preciso que a pessoa comprove através de cópia da nota fiscal que é proprietário da bicicleta ou apresente cópia documento de identidade (RG), comprovante de residência e assine um termo declarando a propriedade do veículo. Ainda de acordo com o comandante, só pagará multa de R$ 20,50 o proprietário do veículo reincidente, os demais ficam isentos.

O vereador Hilton Gusmão pede a exoneração do Comandante da Guarda Municipal

Na sessão realizada ontem (19), na Câmara Municipal de Várzea Grande o vereador Hilton Gusmão (PV), primeiro secretario da Mesa Diretora, fala da necessidade de se encabeçar um movimento para exonerar o comandante da Guarda Municipal Rodrigo Alonso, desde de já conta com 30 assinaturas dos Presidentes de Bairro. Para ele o Tenente Wiliam Dias é o mais bem preparado para assumir o cargo, "o seu perfil vem de encontro com o que a Guarda precisa" afirma Gusmão. Porém o vereador Marcos Boró acha desnecessário trocar o comandante, "seria preciso criar uma política de melhoria na corporação para que autrora voltasse como antes, ao invés de mudar o comando." Enfatizou Boró

Agentes da Guarda Municipal são treinados no 16º RECMEC

Um grupo de 10 agentes da Guarda Municipal de João Pessoa está participando desde segunda-feira (19) até sexta-feira (23) de um Curso de Comando e Chefia no 16º Regimento de Cavalaria Mecanizada (Recmec), de Bayeux. O curso tem por objetivo a formação de lideranças e é realizado Exército brasileiro, tendo as participações oficiais e sargentos da corporação, além dos agentes da guarda municipal pessoense. O superintendente da Guarda Municipal, José Bernardino, explica que os cursos oferecidos são importantes para a requalificação dos agentes. Ele informa que nesta sexta-feira (23) vai estar na cidade de Fortaleza, no Ceará. “Iremos verificar o funcionamento da guarda municipal daquela cidade. Conhecer como acontecem a formação das turmas, quais são os cursos de qualificação e que metodologia de treinamento é aplicado”, falou. Os representantes da guarda municipal pessoense realizaram visitas nas sedes das guarda municipais das cidades de São Paulo e Guarulhos, em São Paulo, Rio de Janeiro, São Vicente, em Minas Gerais, e Natal, no Rio Grande do Norte. “Foram visitas positivas, em que podemos verificar que estamos no caminho certo, quanto a maneira de atuar, sempre com foco voltado para o cidadão e não somente ao patrimônio público”, comentou José Bernardino.

Curso de formação da Acadepol prepara 751 candidatos da Guarda Municipal

A Academia de Polícia Civil (Acadepol), por meio de um convênio entre o governo do Estado e a Prefeitura Municipal de Campo Grande, vai capacitar os 751 candidatos ao cargo da Guarda Municipal. O curso de formação começou ontem (19) e segue até o dia 4 de dezembro. Serão 130 horas/aula divididas em parte teórica e prática. De acordo com a coordenadora de assuntos educacionais da Acadepol, Maria Rita do Nascimento, a academia já tinha realizado outra formação com 319 aprovados no Concurso da Guarda Municipal de 2.008. Desta vez, os candidatos do concurso deste ano serão divididos em turmas no período de três turnos. "Como a guarda não é armada, o curso de formação traz muito mais teoria com disciplinas que envolvem Recursos Humanos, Segurança Comunitária, Utilização de Espaço Público, como atender idoso, adolescente e mulheres vítimas de violência, entre outros", explicou.Maria Rita do Nascimento informou ainda que o curso de formação conta com a participação de 21 professores da Acadepol e quatro da prefeitura. "Temos disciplinas como a utilização do espaço público em que o professor é arquiteto da prefeitura. Vale lembrar também que por enquanto o curso está na primeira fase. Depois que estes candidatos forem nomeados ao cargo de Guarda Municipal, eles vão voltar para a Acadepol onde terão aulas com professores sobre abordagem, atendimento em crimes ambientais, ou seja, vamos reforçar o conteúdo inicial", lembrou.DelegadosNa oportunidade, a coordenadora de assuntos educacionais da Acadepol informou que paralelo ao curso da Guarda Municipal aquela academia também está promovendo a formação para 44 delegados. "Este curso é mais completo com 885 horas/aula. Só para a aula de técnica de procedimento das práticas operacionais são 32 horas/aula. Além disso temos disciplinas como busca e apreensão, métodos de investigação policial, entre outras", informou.Maria Rita do Nascimento também disse que o curso conta com 19 professores da Acadepol e o processo seletivo para a contratação deles foi rigoroso. "Todos passaram por um processo seletivo que exigia no mínimo a pós-graduação", disse. O curso começou no dia 1º de outubro e deve terminar no mês de março de 2010

GM começa a usar arma de choque no Leme

RIO - A Guarda Municipal inicia esta semana o uso de armamento não letal no patrulhamento noturno do Leme. No combate ao pequeno delito, os agentes poderão recorrer aos chamados teasers (aparelhos que emitem descargas elétricas paralisantes). Segundo o secretário Especial da Ordem Pública (Seop), Rodrigo Bethlem, o emprego do equipamento - que será estendido ao policiamento da Lapa - foi autorizado pelo Exército somente na semana passada. Inicialmente, serão usados 20 teasers cedidos pela Força Nacional de Segurança. O patrulhamento no Leme será ainda reforçado, dos atuais 22 agentes para 40 homens. A prefeitura aguarda ainda repasse de verba do Pronasci para licitar a compra de 5.410 sprays de pimenta, 1.250 granadas de luz, 50 teasers e 20 rifles com calibre de 12 milímetros para lançamento de balas de borracha e munição não letal.

terça-feira, 20 de outubro de 2009

MS-A Defesa Civil de Dourados, órgão mantido pela Guarda Municipal atende famílias castigadas pela chuva

A Defesa Civil de Dourados passou o dia inteiro desta segunda-feira, em auxílio às famílias prejudicadas pelo grande volume de chuva registrado na cidade. Nos fundos do Jardim Monte Líbano, em uma área ocupada por cerca de dez famílias, os agentes fizeram a retirada de alguns moradores que foram acomodados em casas de parentes. Também foi aberta uma vala para o escoamento da água da enxurrada.Com uma equipe de 20 agentes e o uso de caminhões e de retro escavadeira, a Defesa Civil de Dourados, órgão mantido pela Guarda Municipal(GM) atendeu em um dia mais de 50 ocorrências. João Vicente Chiencarek, coordenador municipal da Defesa Civil, disse que entre as regiões mais prejudicadas com as chuvas estão a Vila Cachoeirinha, Jardim Caimã, Monte Líbano, Jardim Guarujá, além da Reserva Indígena onde com o vendaval registrado no domingo, várias casas foram destelhadas.Chiencarek, explicou que a prefeitura já disponibilizou um alojamento nas dependências do Estádio Douradão em caso de urgência, um caminhão para transportar as famílias e seus pertencentes e ainda lonas e cestas básicas. Segundo ele, paralelo a esta estrutura emergencial que foi disponibilizada, equipes das Secretarias de Obras e Serviços Urbanos (Semsur) trabalham na abertura de valetas para escoamento da água, recolhimento de entulhos das bocas de lobo, poda e retirada de árvores ameaçadas de cair e manutenção da rede elétrica que também foi comprometida pelo temporal.Elizabete Alves Primo, que mora com os quatro filhos pequenos em uma área ocupada nos fundos do Monte Líbano, disse que se não fosse o trabalho rápido da Defesa Civil, a água suja vinda com a enxurrada teria invadido por completo a casa. “Eu estava no meu serviço quando vi que “tava” chovendo muito e que tinha que ir socorrer meus filhos. Quando cheguei aqui vi que minha filha estava com muito medo, a água já tinha entrado no quarto. Mas graças a Deus o pessoal da Guarda Municipal veio logo e conseguiu evitar que minha casinha ficasse no meio da lama”, relatou.Outra moradora atendida pelos agentes da Defesa Civil de Dourados foi Fabiana Silva Oliveira 18, que se mudou para os fundos do Monte Líbano há algumas semanas. Ela contou que como não tinha para onde ir com o marido e nem condições de pagar aluguel, decidiu ocupar uma daquelas áreas.“A água entrou tudo dentro de casa porque além da chuva que não parava mais, tem um bueiro aqui que entupiu. Os guardas desentupiram e abriram ali pra água escorrer, por enquanto o problema está resolvido, mas precisamos ir para um lugar mais seguro se continuar chovendo”, observou Fabiana.Por determinação do prefeito Ari Artuzi(PDT), todos os órgãos da administração municipal que prestam este tipo de auxílio vão permanecer de prontidão para atender as ocorrências, principalmente as mais críticas. Assim que a chuva der uma trégua e o tempo se firmar, outras medidas para recuperação destas e demais áreas da cidade afetadas pelo temporal serão tomadas.

RJ-Guarda Municipal detém dois menores na Lapa

A Guarda Municipal deteve dois menores por furto na Lapa, na madrugada do último domingo, dia 18. Também no domingo, equipe da 13ª Inspetoria apreendeu 798 CDs e DVDs piratas, em Campo Grande, na Zona Oeste. Durante operação especial realizada na Lapa, guardas municipais avistaram os dois menores furtando um homem que apresentava sinais de embriaguez, na Praça Câmara, altura dos Arcos da Lapa. Imediatamente os guardas armaram um cerco, conseguindo deter os acusados e recuperar um cartão de débito, chaveiro e tênis da vítima. A ação contou com apoio de agentes do Grupamento de Ações Especiais (GAE), Grupamento Tático Móvel (GTM), guardas que atuam no Centro e Parque do Flamengo, no Grupamento Especial de Trânsito e de policiais da 5ª DP (Centro), onde o caso foi registrado.Já em Campo Grande, uma equipe da 13ª Inspetoria apreendeu 798 CDs e DVDs piratas na Rua Laudelino Vieira de Campos, esquina com a Rua Rio do A. A mercadoria estava sendo vendida ilegalmente em uma feira livre. Os ambulantes fugiram deixando para trás as mídias que estavam em caixas, grades e bolsas, que também foram apreendidas. O material foi encaminhado ao depósito da Prefeitura.

'Guerra contra a guerra no Rio'- E a Guarda Municipal,cadê?

...Guerra contra a incompetência do governo estadual. Não é possível que um policial do Rio seja o mais mal pago do país (ou um dos mais mal pagos). Que tipo de ser humano suporta uma condição dessa? Não é possível que a polícia não coloque uma casamata no alto de todos os morros e intimide os bandidos. Não é possível que a Guarda Municipal não participe da Inteligência do município para a proteção das pessoas. Saímos (ou ficamos) de (em) casa hoje rezando (só quem é crente) ou torcendo para não sermos os próximos dessa estatística de brutalidade e estupidez administrativa. Por isso, senhoras e senhores, não desejo rezas e nem passeatas com cruzes. Quero pessoas competentes, honestas e duras no comando. Gente com força, vontade e perseverança para combater e vencer uma guerra. Guerra essa que atingiu o seu ápice no último sábado. Lamento.

Guardas Municipais reclamam da falta de condições de trabalho

Em Curitiba, foram três trabalhadores assassinados de em quatro meses.. A terceira morte de guarda municipal de Curitiba, assassinado por motivos relacionados à atividade profissional, nos últimos quatro meses, levantou questões sobre as condições de trabalho desses trabalhadores que, no sábado, fizeram protesto na Boca Maldita. O medo e o descontentamento da categoria também foi tema da assembleia realizada sexta-feira no Sindicato dos Servidores Públicos Municipais de Curitiba (Sismuc). "Na minha rua todos sabem que eu sou guarda municipal. Eu sou um alvo para o bandido, o marginal. Eu trabalho 24 horas por dia, porque quando coloco o pé na rua, para ir ao trabalho, eu já estou trabalhando, estou fazendo um trabalho de proteção social, porque estou com a farda. Sem falar das ameaças de bandidos, com as quais temos que conviver todos os dias”, disse um guarda presente à assembleia. A categoria também reclama da baixa remuneração, do excesso de horas extras e plantões e da falta de capacitação e treinamento. Foram três mortes de guardas municipais em quatro meses O guarda municipal Aparecido José de Souza, 57 anos, foi executado dentro do Cmum da Vila Barigui, Cidade Industrial, no dia 24 de setembro. Os guardas Mauro César Carvalho e Renato César Rodrigues do Nascimento foram assassinados em junho e julho, respectivamente. O primeiro morreu no cumprimento do serviço e o segundo foi assassinado em casa com suspeitas de represálias pela atividade profissional. Na regional do CIC, um dos locais mais perigosos, onde o guarda Aparecido José de Souza recentemente foi assassinado, houve uma reunião convocada pelo Sismuc com representantes da guarda e da polícia militar, na semana passada. O objetivo era resolver o problema emergencial de servidores que estão sendo ameaçados por bandidos. Por isso, solicitou-se que a PM intensifique as rondas na região e que os assassinos sejam presos. "O argumento utilizado pela administração municipal e pela PM para se desresponsabilizar de um problema grave que tem custado a vida de trabalhadores é que os guardas municipais mortos erraram no procedimento", diz nota emitida pelo Sismuc. O Sismuc vem realizando reuniões, a partir do coletivo dos guardas municipais, para debate do plano de cargos, carreiras e salários próprio para esses profissionais. A proposta vem sendo elaborada com o intuito de apresentá-la à secretaria de defesa social, conforme definido em mesa de negociação. Questões salariais, condições de trabalho, atribuições da profissão, entre outros fazem parte da pauta. A próxima reunião ocorre no dia 28 de outubro, às 19 horas, no Sismuc. Mais trabalho — O número de ocorrências atendidas pela Guarda Municipal de Curitiba cresceu 677% de 2004 até 2008, de acordo com levantamento realizado pela Secretaria Municipal de Defesa Social a pedido do Jornal do Estado em julho deste ano. Em 2004, foram atendidas 3.801 ocorrências, contra 25.750 no ano passado. Esse crescimento é decorrente de uma mudança no perfil de atuação da guarda nos últimos anos. Se antes eles ficavam fixos cuidando dos prédios e equipamentos públicos, agora a ação é mais ágil e móvel, o que expandiu sua área de abrangência.

domingo, 18 de outubro de 2009

Guardas pedem melhores condições de trabalho

A falta de segurança até para quem deveria promovê-la foi um dos motivos que levaram cerca de 20 guardas municipais de Curitiba a realizar um ato de protesto ontem, na Boca Maldita, no centro da capital. Os servidores protestaram contra as últimas três mortes de guardas municipais registradas nos últimos quatro meses. Durante o ato, promovido pelo Sindicato dos Servidores Públicos Municipais de Curitiba (Sismuc), ainda foram distribuídas cópias de uma carta aberta à população, onde, além de ressaltar a exposição da categoria à criminalidade, reivindicam uma revisão das condições de trabalho e de uma política de qualificação e capacitação dos guardas

sábado, 17 de outubro de 2009

Guarda Civil socorre Policial Militar baleado por Policiais Civis, depois dizem que são os Guardas que são despreparados

Guarda Civil socorre Policial Militar baleado por Policiais Civis, depois dizem que são os Guardas que são despreparados

RJ-Coluna do Servidor: Sai a lei da guarda Municipal

Rio - Os seis mil integrantes da Guarda Municipal do Rio finalmente conquistaram o direito de migrar para o regime estatutário. Foi publicada ontem no Diário Oficial a Lei Complementar 100, sancionada pelo prefeito Eduardo Paes. A lei extingue a Empresa Municipal de Vigilância e cria autarquia Guarda Municipal Rio. Todos os guardas municipais, exceto aqueles que estiverem respondendo a transgressões disciplinares gravíssimas, serão migrados do regime celetista para o estatutário no prazo de 90 dias. Caberá à Secretaria Municipal de Administração operacionalizar o processo. Se a migração terminar no prazo de fechamento da folha do mês de novembro, a Guarda Municipal terá o direito de receber reajuste salarial de 1,06% relativo a diferença do aumento que foi concedido para categoria de 5,77% e os 6,83% que foram anunciados para os demais servidores da administração direta. O secretário municipal da Secretaria Especial de Ordem Pública, Rodrigo Bethlem, informou que reuniões serão realizadas, na próxima semana, para finalizar a edição da nova estrutura da Guarda Municipal e a regulamentação do processo de migração. Todas as complementações da lei sancionada ontem serão publicadas, futuramente, por decreto do Poder Executivo na edição do Diário Oficial. Quem não optar por ser estatutário terá seu contrato rescindido, nos termos da legislação trabalhista.

CE-Fortaleza-Falta segurança no zoológico municipal

Um espaço verde que abriga diferentes espécies de animais e equipamentos de lazer para todas as idades. O Zoológico Municipal Sargento Prata, no Passaré, deveria ser um local tranquilo e seguro. Mas não é. Frequentadores e funcionários tem reclamado da falta de segurança no local. ``Eu sempre escuto falar de assalto por aqui, principalmente quando tá muito lotado. Eles se infiltram no meio das pessoas e assaltam``, conta Ednardo Moreira, 42, que trabalha na cantina do zoológico. A situação se agravou após a saída da Guarda Municipal do local. Um funcionário que não quis se identificar revela que há mais de um mês o zoológico está sem os agentes. Na manhã de ontem, O POVO constatou que a Guarda Municipal não estava no zoológico. Para os frequentadores, esse é o principal motivo da falha na segurança. ``Não vi guardas aqui. É por isso que acontecem os assaltos. A qualquer momento pode vir um aqui e levar minha bolsa``, diz a técnica de enfermagem Marta Soares, 49, que passeava ontem no zoológico. E foi o que aconteceu com a professora Marlinda Jataí, diretora de uma escola no município de Aquiraz. Marlinda, para comemorar a semana da criança, levou um grupo de estudantes, entre dez e 11 anos, para conhecer o zoológico, na tarde da última quinta-feira. Enquanto se divertiam vendo os animais, dois rapazes, que estavam tirando fotos dos bichos, abordaram a diretora e levaram a bolsa com documentos, aparelho celular e chave do carro. ``Eles abordaram bem na frente das crianças. Ficamos todos assustados``. Guarda deve voltar este mês- De acordo com o comandante do Pelotão de Guarda Comunitária, inspetor Paulo Martins, há uma base da Guarda Municipal no Zoológico Sargento Prata. No entanto, desde o início do mês, o efetivo foi remanejado para o parque Rio Branco e para a Praia de Iracema. "Nesses pontos havia muita incidência de crimes. Como o nosso efetivo é pequeno, tivemos que tirar o pessoal de lá", explicou Martins. Enquanto isso, conforme o comandante, a segurança do zoológico está sendo feita por meio de ronda de viaturas e motos, sempre das 13 às 15 horas, quando a probabilidade de ocorrências é maior. Ele classificou o assalto da última quinta-feira como um "caso isolado" e afirmou que o zoológico é uma área considerada "calma", com poucas ocorrências. O comandante Paulo Martins garantiu também que até o fim do mês a situação será regularizada. "Isso é temporário. É só enquanto aguardamos um efetivo maior". Com a volta da Guarda, três agentes ficarão no zoológico durante todo o dia para manter a segurança

SP-Ex-guarda municipal é assassinado em São Miguel

Um ex-guarda municipal, identificado como Márcio, foi executado nesta sexta-feira (16) em São Miguel dos Campos. Ele estava com a esposa, em um veículo Fiat Uno, de cor branca e placa MUJ-3914/AL, quando dois motoqueiros se aproximaram efetuando os disparos, segundo apolícia. A mulher ficou ferida e foi socorrida. De acordo com a Polícia Militar, Márcio teria envolvimento com o tráfico de entorpecentes e seu irmão, identificado como Marcelo, também teria sido assassinado na semana passada, pelo mesmo motivo, em Campo Alegre.Márcio foi assassinado a tiros de pistola no conjunto Hélio Jatobá, periferia de São Miguel dos Campos.

Assaltantes roubam caixa eletrônico em Campo Limpo

Cerca de oito homens armados invadiram a Prefeitura de Campo Limpo Paulista, por volta das duas horas da madrugada de ontem. Dois deles, passando-se por mendigos, se sentaram à porta de entrada do Paço Municipal. No momento em que o guarda municipal foi adverti-los, ambos sacaram suas armas e anunciaram o assalto. O GM foi algemado e teve a arma roubada. Na sequência, os demais assaltantes chegaram ao local em três veículos e se dirigiram ao caixa eletrônico instalado do piso térreo, que foi arrancado do chão. O equipamento foi colocado no interior da Fiorino branca, placas DHD 8500, de Diadema, e levado pelos assaltantes. O GM conseguiu avisar o controle da Guarda Municipal, alertando que a quadrilha, além da Fiorino, fugiu no Fiat Brava cinza, placas DBH 7684, e no Fiat Siena placas DCF0511, de Campo Limpo Paulista.Na estrada que liga Campo Limpo a Várzea, guardas municipais cruzaram com a Fiorino, ocupada por quatro indivíduos. Houve troca de tiros, e três bandidos conseguiram fugir. O eletricista Luiz Henrique Gonçalves, 20 anos, residente na rua Salvador, no Jardim Califórnia, foi preso no local. Ele foi conduzido à Delegacia de Campo Limpo Paulista e autuado em flagrante pelo delegado Walter Mendonça (escrivãs Shirley, Izildinha e investigador Damião).O caixa eletrônico foi recuperado sem que houvesse tempo de ser arrombado. Ele tinha em seu interior R$ 27.880. Durante a elaboração do auto de prisão em flagrante, os GMs informaram ao delegado Mendonça que um dos fugitivos poderia ter sido baleado na troca de tiros. Algum tempo depois, a autoridade policial foi informada sobre a entrada, no Hospital Santa Elisa, em Jundiaí, de uma pessoa baleada na perna. Diligências foram feitas e concluíram que o paciente, um adolescente, fazia parte do bando que invadiu a Prefeitura de Campo Limpo. Depois de medicado, o menor foi levado à Delegacia e recolhido em cela especial na Cadeia de Campo Limpo Paulista.

Guarda Municipal prende suspeitos de furto

BARRA MANSAA Guarda Municipal prendeu em flagrante, na tarde de quarta-feira, Eliomar Alves Avelino, 20 anos, e Erick de Souza, 18. Os dois são suspeitos de tentar furtar peças de motocicletas que estavam apreendidas no depósito público municipal, no Centro da cidade.Segundo o subcomandante da guarda, Natanael, por volta das 13h30min ele recebeu uma determinação para comparecer ao local porque dois suspeitos estariam no depósito, tentando furtar as motocicletas ou peças dos veículos. Quando chegaram, os guardas flagraram os dois mexendo nas motos.Ao avistar os guardas, a dupla tentou fugir, mas foi impedida. Com Eliomar foram apreendidas uma chave e uma fiação típica de painel de motocicleta. Os dois foram levados para a 90ª Delegacia de Polícia.O responsável pelo depósito realizou uma vistoria no local, para averiguar se estava faltando algo, como alguma peça ou motocicleta. Ele informou ao subcomandante da guarda que onde os dois suspeitos estavam foi encontrado um painel de moto solto. O objeto foi levado também para a delegacia.

sexta-feira, 16 de outubro de 2009

RN-Guarda Municipal ganha novas viaturas e rádios de comunicação

A Guarda Municipal de Natal vai ganhar novas viaturas e rádios de comunicação. São sete carros, 30 rádios hand talk (HT) e três rádios veiculares. Os equipamentos serão entregues pela prefeita Micarla de Sousa e pelo secretário de Segurança Pública e Defesa Social de Natal (Semdes), Sérgio Leocádio, na manhã desta sexta-feira (16). A solenidade de entraga começa às 10h, na avenida Prudente de Morais, ao lado do estádio Machadão.“São sete veículos que serão empregados na segurança pública de Natal. Desses, seis vão integrar as Rondas Ostensivas Municipais (ROMU) e um outro será utilizado pela Guarda Ambiental”, explica o secretário Sérgio Leocádio.Os veículos são três Corsas doados pela Receita Federal do Paraná, dois Logan adquiridos através de convênio junto à Secretaria Nacional de Segurança Pública (Senasp), um buggy cedido pela Justiça Federal do Rio Grande do Norte e um Santana que estava deteriorado e foi totalmente recuperado.“A primeira missão desses veículos será participar do programa Guarda na Praia, que visa aumentar a segurança à população nos fins de semanas nas praias urbanas de Natal. Faremos um trabalho preventivo e ostensivo para ajudar no combate ao tráfico de drogas e ao turismo sexual. Essa será nossa contribuição à segurança pública da nossa cidade. Com isso iremos dar uma proteção maior aos munícipes no seu lazer de final de semana”, frisa Sérgio Leocádio.Essa será a primeira fase do programa Guarda na Praia, que começa no próximo domingo na praia de Ponta Negra. “Além da nossa Secretaria, a meta é fazer um trabalho integrado com as demais Secretarias Municipais. A população vai sentir a Prefeitura mais perto dela”, diz.Além dos 30 rádios de comunicação, a Guarda Municipal também vai ganhar uma nova rede de transmissão. “A rede está sendo toda recuperada e contemplada com unidades fixas, móveis e portáteis. Isso vai melhorar a situação da Guarda em termos de comunicação dos postos fixos com a Central de Operações e entre as viaturas com os postos móveis”, concluiu o secretário de Segurança Pública municipal.A solenidade de entrega das novas viaturas e dos rádios de comunicação está prevista para começar às 10h, ao lado do estádio Machadão, na avenida Prudente de Morais. Outras autoridades da segurança pública estadual devem participar do evento.

Guarda compra capacetes de um modelo e recebe outro

Prefeitura argumenta que houve ganho ao invés de prejuízo: O líder da oposição na Câmara Municipal, vereador Plácido Filho (PDT), denunciou ontem que 75 capacetes comprados pela Guarda Municipal foram recebidos em desconformidade com o previsto no edital de licitação. Segundo Plácido, a Prefeitura aceitou um modelo com preço R$ 140 abaixo do definido em edital. A Guarda Municipal admite a alteração no modelo, mas contesta os números do vereador e aponta justificativas de segurança e de necessidade de continuidade dos serviços da Guarda. Levando para a tribuna da Câmara o que seriam os modelos do capacete licitado e o recebido, Plácido criticou o fato de a Prefeitura não ter recusado o recebimento de capacetes com características distintas das estabelecidas na licitação. O edital cobrava o modelo EBF Zarref, com queixeira móvel - que teria custado R$ 188 por unidade. Segundo Plácido, teriam sido entregues capacetes modelo Libert 4 - que, de acordo com o vereador, custaria, em média, R$ 48. O líder da oposição afirmou que os capacetes deveriam ter sido recusados, como determina o edital. Plácido apontou que a vantagem do modelo com queixeira móvel seria a facilidade de identificação dos guardas, que não precisariam retirar completamente o capacete para se comunicar com os cidadãos. Segundo ele, esse tipo de equipamento já é utilizado pela Polícia Militar e pela AMC. Ele disse ainda que esse modelo seria mais seguro do que o entregue. O vereador Guilherme Sampaio (PT) rebateu Plácido, afirmando que a mudança teria sido feita por questão de segurança dos capacetes e que a empresa fornecedora se dispôs a compensar a diferença de preço entregando mais capacetes. Ele contra-atacou afirmando que a questão poderia ter sido resolvida caso Plácido tivesse feito ``uma simples pergunta ao líder do governo ou ao diretor da Guarda``. ``O que fica claro é que o interesse maior (de Plácido) é criar um factoide para desgastar a imagem da administração``, disse. O diretor-geral da Guarda Municipal, Arimá Rocha, confirmou que houve troca de modelos entre a licitação e a entrega. Segundo ele, contudo, essa troca foi submetida a avaliação pela Guarda, que aceitou os argumentos da empresa fornecedora - de que o modelo EBF Zarref teria saído de linha por motivo de segurança. Arimá afirmou que o modelo recebido foi o Libert 5 - não o 4, como alegou Plácido - avaliado à época em cerca de R$ 105. Devido à diferença de valores, a empresa teria entregue o total de 130 capacetes, 55 a mais que o licitado. ``Não vejo irregularidade, ilegalidade, muito pelo contrário. Não teve prejuízo, a administração adquiriu mais bens por um preço menor e com melhor segurança``, afirmou Arimá. Ele aponta que haveria prejuízo caso a licitação fosse cancelada. ``Se não recebesse o capacete, ia passar mais 6, 7, 8 meses para fazer outra licitação``, disse

CE-Guarda Municipal e Defesa Civil abre seleção para estágio

A Guarda Municipal e Defesa Civil de Fortaleza (GMF), conforme Edital nº. 05/2009, está com vagas abertas para estágio aos estudantes dos cursos de Jornalismo, Turismo, Economia, Serviço Social, Administração e Educação Física.Para se candidatar a uma das vagas, os candidatos deverão comprovar que cumpriram, no mínimo, o 4º semestre ou o equivalente a 80 créditos e, no máximo, o 7º semestre; e ter um índice de rendimento igual ou superior a 6,0 (seis) nas disciplinas já cursadas, ou conceito equivalente. Além disso, não podem possuir mais do que duas reprovações, seja por nota ou por falta, e ter tempo disponível para estagiar em um dos turnos ofertados.As inscrições estarão abertas até hoje, dia 16 de outubro, na sede da GMF, das 8h às 12h e das 14h às 17h. Os interessados deverão apresentar os seguintes documentos no ato da inscrição: cópias da carteira de identidade, carteira de reservista (no caso de homem) e do CPF; uma foto 3x4, comprovante de residência, histórico escolar atualizado e comprovante de matrícula, além de currículo com seus respectivos comprovantes.As cópias devem ser acompanhadas dos documentos originais para conferência. Para critério de seleção, ocorrerá análise dos dados curriculares e entrevista com o candidato. A duração do estágio é de um ano, com a possibilidade de ser prorrogado pelo mesmo período uma única vez. A carga horária é de 20 horas semanais, adequada à necessidade do órgão requisitante e à jornada escolar do bolsista. A título da bolsa-estágio será pago pela Prefeitura Municipal de Fortaleza o valor correspondente a R$ 350,00 e vale transporte.

SP-Homens disfarçados de mendigos participam de roubo a prefeitura

Dois homens disfarçados de mendigos participaram da invasão da prefeitura de Campo Limpo Paulista, a 53 km de São Paulo, nesta quinta-feira (15). Os dois renderam um guarda municipal e facilitaram a entrada de outros suspeitos que levaram um caixa automático do local. De acordo com a polícia, os dois homens que estavam em frente à prefeitura vestidos como mendigos algemaram um guarda municipal quando ele pediu que eles deixassem a entrada do prédio. Outros suspeitos chegaram ao local e tentaram arrombar dois caixas automáticos. Como não conseguiram, os suspeitos levaram um dos equipamentos. Quando fugia do local, o grupo foi perseguido pela polícia e houve troca de tiros, mas ninguém ficou ferido. Um dos assaltantes acabou detido. O resto do grupo, porém, conseguiu fugir. Dois veículos e o maçarico utilizado no roubo foram apreendidos. O caixa automático que havia sido levado foi recuperado

Guarda Municipal apreende duas toneladas de mercadoria de ambulantes no Centro

RIO - Em fiscalização no Centro do Rio na tarde desta quinta-feira, a Guarda Municipal apreendeu duas toneladas de mercadorias comercializadas por ambulantes. Os camelôs fugiram. As ações foram realizadas nas avenidas Almirante Barroso, Nilo Peçanha e Erasmo Braga. Foram apreendidos cintos, bolsas femininas, alimentos perecíveis, maquiagem, artigo de papelaria, brinquedos, entre outros produtos. Todo material apreendido foi encaminhado para o depósito da Prefeitura.

Guarda Municipal fecha estabelecimento que havia sido lacrado em operação

O fato aconteceu na tarde de ontem, por volta das 17h, no bairro Planalto. Viaturas da Guarda Municipal compareceram a um estabelecimento situado na avenida Maria Rodrigues da Cunha Resende. Ao chegarem ao local, eles constataram que o proprietário identificado como E.A.G., 44 anos, havia rompido o lacre do bar, que tinha sido colocado durante uma operação conjunta entre a Guarda Municipal, Juizado de Menores e Departamento de Posturas da Prefeitura Municipal de Uberaba. No dia da operação, mais dois estabelecimentos comerciais foram interditados e lacrados por falta de alvará de funcionamento, sendo que foram localizadas drogas em um dos estabelecimentos.Diante dos fatos, o local foi novamente interditado e lacrado, e o proprietário foi autuado por descumprimento de ordem judicial. Ele responderá pela autuação na Justiça. (JC)

quinta-feira, 15 de outubro de 2009

RJ-Guardas apreendem cosméticos e 28 pares de sapatos no Centro

Agentes do Grupamento de Ações Especiais (GAE) da Guarda Municipal do Rio de Janeiro apreenderam, na tarde desta sexta-feira (18), cinco malotes de cosméticos e 28 pares de sapatos, no Centro do Rio, em duas operações Por volta das 16h, os guardas encontraram um camelô, que vendia cosméticos numa calçada na Rua do Passeio, durante patrulhamento de rotina. Já a segunda apreensão, segundo a Guarda Municipal, ocorreu na Rua Santa Luzia. Neste ponto, um camelô vendia 28 pares de sapatos falsificados. O material foi levado para um depósito da prefeitura. Ninguém foi preso durante as operações.

RJ-Guarda Municipal apreende medicamentos em camelô na Zona Sul

Cerca de 70 caixas de amostra grátis foram apreendidas.Entre os remédios estavam anticoncepcionais, antibióticos e analgésicos.
A Guarda Municipal apreendeu cerca de 70 caixas de amostra grátis de remédios que estavam sendo vendidas por um camelô, no Catete, na Zona Sul do Rio. Entre os remédios estavam anti-inflamatórios, analgésicos, antibióticos, anticoncepcionais e comprimidos para tratamento de radioterapia. As informações são da assessoria de imprensa da Guarda Municipal. De acordo com a GM, a apreensão ocorreu quando os agentes retornavam de uma operação Choque de Ordem, em conjunto com a Secretaria especial da Ordem Pública (Seop), na última terça-feira (6). Ao perceber a aproximação da Guarda Municipal, o suspeito fugiu deixando para trás a mercadoria. Todo o material foi encaminhado para o depósito da Prefeitura.

Guarda Municipal prende 3 suspeitos de crime ambiental em Niterói

Prisões ocorreram nesta quarta (14) na Estrada Pacheco de Carvalho. Todos os presos tinham passagem pela polícia. Guardas municipais prenderam nesta quarta-feira (14) três homens por crime ambiental em Niterói, Região Metropolitana do Rio. Segundo informações da assessoria da imprensa da Guarda, as prisões ocorreram na Estrada Pacheco de Carvalho. Os homens estariam desmatando a floresta da região com motosserras. Os três foram encaminhados para a Delegacia do Meio Ambiente, no Rio. No local, a polícia informou que os presos tinham passagem pela polícia por crime ambiental. A delegacia informou ainda que havia mandado de prisão preventiva contra um deles.

BA-Guarda Municipal volta ao trabalho após oito dias de paralisação

Os agentes da Guarda Municipal encerraram nesta quarta-feira (14) a paralisação das atividades que foi iniciada no dia 6 deste mês. A principio, os guardas ficariam 72 horas sem trabalhar, porém, eles só conseguiram entrar em acordo com a Prefeitura Municipal de Salvador na manhã de hoje. A partir de quinta-feira (15), as atividades serão retomadas. A categoria reclamava do não cumprimento do acordo coletivo feito em maio, que dá o direito aos guardas a terem um pagamento adicional de risco de vida. Segundo o Sindicato dos Servidores da Prefeitura do Salvador (SINDSEPS), o retroativo de maio e as gratificações por risco de vida serão pagos em cota única no dia 31 de outubro. Mas, segundo a assessora do sindicato, Beatriz Rosa, a Prefeitura ainda não entrou em acordo quanto as reivindicações estruturais dos guardas. Eles reclamam da falta de falta de infra-estrutura para o cumprimento de suas funções nas ruas da cidade e também da falta de ticket-alimentação, plano de saúde e da mudança de escala de serviço.

Guarda Municipal disponibiliza telefone 153 para atender questões de segurança

A Guarda Municipal oferece aos maringaenses mais um dispositivo de segurança. Através do telefone 153 é possível acionar patrulheiros para averiguar situações suspeitas durante as 24 horas do dia.O gerente de Defesa Social, Paulo Mantovani, explica que este número é para atender questões de segurança. “Quem verificar alguma situação suspeita pode nos acionar. Contamos com patrulheiros treinados e viaturas equipadas para atender o chamado da população”.Outro telefone disponível pela Guarda é o Disk Denúncia – 3901-2222, que atende exclusivamente casos de depredação ao patrimônio público

quarta-feira, 14 de outubro de 2009

RJ-Guarda Municipal apreende mais de 6 mil DVDs e CDs no feriado

Durante o fim de semana prolongado, a Guarda Municipal do Rio apreendeu 6.498 DVDs e CDs piratas e ainda diversos produtos que eram vendidos irregularmente por ambulantes nas ruas da cidade, além de deter três guardadores de carros sem licença para atuar - um na Quinta da Boa Vista e dois em Copacabana.As mais de 6 mil mídias foram apreendidas durante operações nas zonas Norte e Oeste da cidade. Na sexta-feira, dia 9, guardas da 13ª Inspetoria da Guarda Municipal (Campo Grande) recolheram 5.578 DVDs piratas que estavam em um depósito clandestino na Avenida Albertina, em Campo Grande. A mercadoria havia sido escondida num estacionamento, usado pelo transporte alternativo.Também na sexta-feira, uma equipe da 6ª Inspetoria (Madureira) recolheu 55 DVDs piratas na Rua Américo Brasiliense e na Estrada do Portela. Além desse material "pirata", foram apreendidos 34 guarda-chuvas na Avenida Edgard Romero e mais 310 capas de celular e nove fones de ouvido na Rua Américo Brasiliense. Também foram retirados 35 brinquedos na passarela de Madureira, na altura da estação de trem ... Durante o patrulhamento especial montado para o feriado do Dia das Crianças, na segunda-feira, dia 12, a GM deteve três "flanelinhas" por exercício ilegal da profissão. ... Já na Quinta da Boa Vista, durante ação especial para a festa pelo Dia das Crianças realizada nessa área pública de lazer, Fábio Ramos Cordeiro, 29 anos, foi preso e encaminhado à 17ªDP (São Cristóvão) por agentes do Grupamento de Ações Especiais (GAE). Fábio foi flagrado quando abordava motoristas na Rua General Herculano Gomes, em frente ao portão principal do parque, oferecendo vagas de estacionamento.

Aberta seleção de estágio para Guarda Municipal e Defesa Civil

A+ A- Mudar tamanho Imprimir Corrigir Oportunidade Aberta seleção de estágio para Guarda Municipal e Defesa Civil As inscrições estarão abertas até o dia 16 de outubro na sede da Guarda Municipal, das 8h às 12h e das 14h às 17 13 Out 2009 - 11h56min A Guarda Municipal e Defesa Civil de Fortaleza (GMF) estão com vagas abertas para estágio para estudantes dos cursos de Jornalismo, Turismo, Economia, Serviço Social, Administração e Educação Física. Para se candidatar a uma das vagas, os candidatos deverão comprovar que cumpriram no mínimo, o 4º semestre ou o equivalente a 80 créditos e no máximo, o 7º semestre; e ter um índice de rendimentos nas disciplinas já cursadas, igual ou superior a seis ou conceito equivalente. Além disso, não podem possuir mais do que duas reprovações, seja por nota ou por falta, e ter tempo disponível para estagiar em um dos turnos ofertados. As inscrições estarão abertas até o dia 16 de outubro na sede da Guarda Municipal, das 8h às 12h e das 14h às 17. Os interessados deverão apresentar cópias da carteira de identidade, carteira de reservista (no caso de homem) e do CPF; uma foto 3x4, comprovante de residência, histórico escolar atualizado e comprovante de matrícula, além de currículo com seus respectivos comprovantes. As cópias devem ser acompanhadas dos documentos originais para conferência. A seleção contará com análise dos dados curriculares e entrevista com o candidato. A duração do estágio é de um ano, com a possibilidade de ser prorrogado pelo mesmo período uma única vez. A carga horária é de 20 horas semanais. A título da bolsa-estágio será pago R$ 350 e vale transporte

BA-Proteção das equipes da SAMU será feita pela guarda municipal de Feira, visando conter atos de vandalismo

Mediante os constantes atos de vandalismo perpetrados por alguns segmentos da população feirense contra a ambulância do Serviço de Atendimento Móvel de Urgência (SAMU), como apedrejamento e outras agressões. Por decisão do chefe do executivo feirense, Tarcízio Pimenta, a guarda municipal passará a dar segurança às ambulâncias, tendo como objetivo preservar a integridade física dos profissionais de saúde lotadas neste Serviço durante atendimento externo no período da noite e dos veículos, estes considerados bem público. A decisão foi tomada mediante fato ocorrido às 22:30 horas, de domingo (11), no bairro Conceição II, local para o qual a ambulância de placa JRE - 7013 foi deslocada com uma equipe de profissionais visando atender a um chamado para socorrer uma vítima de espancamento. Ao chegar ao seu destino, o veículo foi atingido por uma enorme pedra na traseira do veículo, quebrando a vidraça de uma das portas da unidade móvel. De acordo com o chefe de Transporte do SAMU, Perivaldo da Silva, o projétil foi arremessado por um homem enquanto a vítima recebia assistência médica

terça-feira, 13 de outubro de 2009

Guarda Municipal prende flanelinhas por exercício ilegal da profissão em Copacabana

RJ - O Grupamento de Apoio ao Turista da Guarda Municipal prendeu, nesta segunda-feira, dois flanelinhas por exercício ilegal da profissão, em Copacabana, Zona Sul do Rio. Bruno Monroe Martins de Melo, de 29 anos, foi capturado na altura do número 900 da Avenida Atlântica (em frente ao hotel Meridien). Já Rubens de Jesus Ribeiro, de 56 anos, foi pego em frente ao número 111 da Rua Toneleiro.Os dois foram levados para a 12ª DP (Copacabana). Bruno já tinha passagem pela polícia por roubo. Rubens já tinha sido preso antes também por exercício ilegal da profissão.

Ladrões agem na Feira do Livro de Caxias do Sul

Furtos foram registrados entre a tarde de sexta-feira e a madrugada de sábado A Guarda Municipal reforçou a segurança na Praça Dante Alighieri após uma série de furtos registrados na Feira do Livro. Os ataques ocorreram entre a tarde de sexta e a madrugada de sábado. Ladrões agiram em bancas e contra frequentadores. Apesar da presença de guardas municipais, policiais militares e funcionários da Secretaria Municipal da Cultura, nenhum suspeito foi preso ou identificado. O diretor da Guarda Municipal, Sebastião Freitas da Silva, garante que a situação está sob controle. Por precaução, o diretor colocou uma moto na praça para agilizar o patrulhamento durante a madrugada

Polícia procura acusado de matar guarda municipal em SP

A Polícia Civil de São Paulo procura o acusado de matar um guarda municipal e ferir outro na noite de sexta-feira, em São Paulo. O crime aconteceu após a apreensão de produtos de vendedores ambulantes em uma feira clandestina na praça Armênia, zona norte de São Paulo. De acordo com a Secretaria de Segurança Pública (SSP-SP), depois da apreensão, um grupo da guarda civil voltava para as viaturas quando um tiro foi ouvido. Logo em seguidao, o guarda W.S.M foi visto caído. Outro guarda foi baleado no ombro. Os policiais conseguiram avistar o homem que atirou, mas ele se misturou à multidão e fugiu. Os guardas correram atrás do suspeito, mas ele conseguiu fugir, misturando-se à multidão. O homem baleado no ombro foi socorrido ao Hospital do Servidor. O outro, W.S.M, foi levado ao Hospital do Mandaqui, onde morreu. A Guarda Municipal levou dois suspeitos ao 2º Distrito Policial, no Bom Retiro, mas eles não foram reconhecidos. A delegada que registrou a ocorrência esteve no lugar em que guardas foram baleados e constatou que não há monitoramento de câmeras ao redor. Ela solicitou perícia de local de crime e carro de cadáver. Um inquérito será instaurado e a polícia investigará o autor do crime que, se preso, irá responder por homicídio simples consumado e homicídio tentado.

quinta-feira, 8 de outubro de 2009

Dia Nacional do Guarda Municipal é comemorado nesta sexta

Para comemorar o Dia Nacional do Guarda Municipal – 10 de outubro –, a Prefeitura Municipal de João Pessoa (PMJP) vai realizar uma série de atividades cívicas e sociais na próxima sexta-feira (9). A programação, organizada pela Guarda Municipal, começa com um desfile e será desenvolvida durante toda a manhã na praça Vidal de Negreiros (Ponto de Cem Réis). Cerca de 120 homens vão participar do desfile, que sai às 7h45 da área em frente ao Tribunal de Justiça da Paraíba, na praça João Pessoa, e segue até o Ponto de Cem Réis. Às 8h está previsto o hasteamento da Bandeira Nacional, seguido de homenagens com a distribuição de medalhas de honra ao mérito. Segundo o superintendente do órgão, José Bernardino, haverá nesse dia a entrega de 25 certificados para os guardas municipais de João Pessoa que concluíram o último curso em 'Introdução ao Direito', ministrado pela própria Guarda. Além disso, a população vai contemplar apresentações de grupos temáticos da Guarda Municipal como rapel, armamento não letal e técnicas de defesa pessoal. De acordo com José Bernardino será distribuído um lanche para as pessoas que estiverem participando, que vão contar também com um stand de saúde preventiva, através da Secretaria Municipal de Saúde (SMS). “O serviço de segurança pública prestado pela Guarda Municipal é fundamental para o município. Hoje temos um efetivo de 600 homens, que fazem a segurança em 220 postos. Eles ficam espalhados em pontos estratégicos de grande concentração de pessoas, como o Restaurante Popular, postos médicos, hospitais, praças e em campanhas de vacinação”, disse José Bernardino.

Guarda Municipal estoura três barracas usadas como depósitos de camelôs na Urca

Três barracas que serviam como depósitos de mercadorias e produtos alimentícios vendidos por camelôs foram apreendidas por uma equipe do Grupamento Especial de Praia (GEP) da Guarda Municipal na Praia Vermelha, na Urca. Ninguém foi preso. Na operação, os fiscais recolheram 293 cocos verdes, 61 cadeiras de praia, 60 latas de cerveja, 51 garrafas de água, 36 latas de refrigerante, 26 guarda-sóis, seis bancos de plástico, duas mesas de PVC, duas garrafas de guaraná natural e três copos de mate, além de uma churrasqueira e três facas. Ninguém foi preso. Os alimentos perecíveis foram doados para uma instituição social da região. O restante do material foi encaminhado ao depósito da prefeitura.

terça-feira, 6 de outubro de 2009

Guarda Municipal de Belo Horizonte abre seleção com 600 vagas

A Guarda Municipal de Belo Horizonte (GMBH) divulgou edital do certame que preencherá 600 vagas para o cargo de guarda municipal. Do total de oportunidades, 570 são reservadas para homens e 30 para mulheres. A remuneração varia de R$ 512 a R$ 1.152. Os interessados podem se inscrever entre os dias 7 de dezembro às 14h do dia 5 de janeiro no site da Fundação Guimarães Rosa, empresa responsável pela seleção. As incrições presenciais podem ser feitas em um dos espaços do programa BH Digital, com os endereços disponibilizados no anexo II do edital. No dia 1° de fevereiro, estará disponível na página da organizadora, o cartão definitivo de inscrição (CDI), contendo o local e o horário das provas. A taxa de participação é de r$ 45. Para se inscrever, o interessado deve possui o nível fundamental completo, ter no mínimo 18 anos e altura mínima de 1,65m, para o sexo masculino, e de 1,60m, para o sexo feminino. O vencimento inicial para uma jornada de 36 horas semanais é de R$ 512, mas a carga horária poderá ser alterada para 44 horas semanais. Neste último caso, o servidor terá uma gratificação por desempenho de atividade especial de segurança no valor de R$ 640. Além disso, o servido terá direito a vale- transporte, vale-refeição, vale-lanche. O processo seletivo constará de seis etapas. A data de aplicação da prova objetiva está prevista para 7 de fevereiro. As próximas fases serão análise de títulos, capacitação física, exame psicológico, sindicância social e médico.

Guarda Municipal explica como funciona o patrulhamento na Tijuca

Em resposta ao Eu-Repórter enviado pelo leitor Erick Van Erven, sobre a falta de educação de motoristas que estacionam nas calçadas da Tijuca (clique aqui para reler), a Guarda Municipal do Rio informou que seis guardas realizam o patrulhamento e o ordenamento do trânsito, circulando em duas viaturas e duas motocicletas, em vários pontos da Tijuca. A assessoria da Guarda garantiu também que há dois pontos fixos no bairro: um na Rua Conde de Bonfim, esquina com a Rua General Roca e outro na Rua Conde de Bonfim com a Rua das Flores, altura da Saens Peña. De acordo com a nota, a Guarda Municipal atua com um efetico de 25 homens para coibir ambulantes e outras ações ilegais na Tijuca. A assessoria da Guarda informou também que somente de janeiro até 5 de outubro de 2009, 11.167 carros foram multados na Tijuca. Entre as infrações estão: 4.786 por estacionamento irregular e 309 por avanço de sinal. O Comando da GM-Rio ressaltou ainda que o trânsito também é reflexo das ações dos motoristas. Só com a colaboração de todos haverá declínio nos índices de infrações. Solicitações, denúncias e até mesmo sugestões podem ser encaminhadas à Ouvidoria da Guarda pelo www.rio.rj.gov.br/gmrio, pelo telefone 3295-5640 (segunda a sexta, das 9h30m às 17h) ou ainda pelo Disque Ordem 153, que funciona 24 horas

domingo, 4 de outubro de 2009

CURSO DE FORMAÇÃO TEMPORARIAMENTE SUSPENSO

CURSO DE FORMAÇÃO TEMPORARIAMENTE SUSPENSO Para todos os GMs escalados para a 3º turma do Curso de Formação um aviso importante. O curso foi suspenso temporariamente. Portanto todos os GMs devem continuar trabalhando normalmente em seus postos de serviço até a confirmação da nova data para o início do curso.

sexta-feira, 2 de outubro de 2009

SP-Brotas define ter guarda civil armada a partir de outubro

A Guarda Civil Municipal da Prefeitura de Brotas é composta por 25 homens, que utilizam uma viatura e duas motos. Os guardas que receberão as armas foram anteriormente treinados e capacitados com profissionais credenciados pela Polícia Federal e pelo Exército Brasileiro Em outubro, os homens da Guarda Civil Municipal de Brotas (100 quilômetros de Bauru) vão receber armas de fogo para utilização durante período de serviço. A sugestão do uso das armas apreendidas pelas polícias Civil e Militar foi apresentada durante reunião de segurança pública em 16 de setembro, no Paço Municipal. A Prefeitura de Brotas enviou ofício ao Poder Judiciário e após cumprimento de algumas formalidades, a liberação do armamento aconteceu através de documento assinado pelo juiz de Direito, Reginaldo Siqueira. Dez armas de fogo foram cedidas, sendo revólveres calibre 38 e pistolas 380 mm. Outros cinco homens trabalharão com armas particulares, também totalmente legalizadas. A aprovação para o armamento da Guarda Municipal também foi autorizada pelo promotor de justiça, Marcus Patrick de Oliveira Manfrin e pelo prefeito Antônio Benedito Salla. A administração municipal estuda comprar armamento e o custo é de aproximadamente R$ 70 mil porém, a previsão é que esse dinheiro seja liberado no próximo ano. Desta forma, os homens trabalharão armados enquanto a Prefeitura de Brotas não tiver recurso disponível para adquirir em definitivo as armas de fogo.

AGMGO PROMOVE CURSO DE FORMAÇÃO PARA SEUS SERVIDORES

Na próxima segunda-feira, 5, a Agência da Guarda Municipal de Goiânia – AGMGO, promove a aula inaugural da terceira turma do Curso de Formação de seus servidores. O evento, que tem início as 7h30, será realizado no auditório da Câmara dos Vereadores e terá a presença do Presidente-Comandante da AGMGO, Coronel Gercy Joaquim Camelô, do Comandante da Academia da Polícia Militar do Estado de Goiás, Magno Antônio Mariani e de representantes da Secretaria de Segurança Pública do Estado e da prefeitura de Goiânia. A Banda de Música da Agência também irá prestigiar o evento, fazendo uma tocata do Hino Nacional. Curso De acordo com o Centro de Formação da Agência, o curso terá duração de 50 dias letivos e o encerramento está previsto para 15 de dezembro. Serão contemplados os guarda municipais que não fizeram as duas últimas formações, que acorreram em 2007 e 2008. Em nota informativa, o Centro de Formação ainda esclarece que o curso “será gerido pela Secretaria Estadual de Segurança Pública e ministrado pela Polícia Militar do Estado de Goiás na Academia da instituição. Os reprovados das turmas anteriores estão automaticamente inseridos na quarta turma, que está prevista para começar no início de janeiro”. Serão utilizados os seguintes uniformes: camiseta branca com identificação do nome do GM e calça jeans de cor azul”. As aulas serão ministradas de segunda a sexta-feira no período entre as 7:30 e 17:30, com intervalo de 2 horas para almoço.
SE VOCÊ GM, QUER QUE SEJA PUBLICADO AQUI ALGUMA MATERIA , PODE SER SUA; OU UMA SUGESTAO ,MANDE PRA O MEU E-MAIL- bloggmgo@gmail.com É UMA FORMA DEMOCRATICA DE PARTICIPAREM DO BLOG. QUE É NOSSO E LIVRE!