Cadastre seu Email

domingo, 19 de agosto de 2012

Acusado de espancar os pais é posto em liberdade no Piauí


O pai sofreu fratura em uma das clavículas e hematomas no corpo e foi levado para o HUT





Após pagamento de fiança, estipulada pela justiça de José de Freitas, foi posto em liberdade o desempregado Francisco Alves da Silva, 41 anos de idade, preso pela Polícia Militar e Guarda Municipal na tarde da última quarta-feira (15) que teria espancado os próprios pais e em seguida provocado um quebra-quebra no interior da rescendência dos idosos destruindo vários objetos da casa.



O pai sofreu fratura em uma das clavículas e hematomas no corpo e foi levado para o Hospital de Urgência de Teresina (HUT). A mãe foi atingida na cabeça e no braço com uma cadeira e foi atendida no Hospital Nossa Senhora do Livramento. Uma irmã do acusado também foi ferida no rosto durante a violência.



O acusado foi preso no local, minutos depois da violência, em seguida foi conduzido para Central de Flagrante em Teresina onde foi autuado, na tarde da última quinta-feira (16) ele foi liberado e responderá o processo em liberdade.



Aulas de tiro da Guarda Municipal de Londrina serão ministradas pela PM e podem começar este anoPauline Almeida A


A

A O novo secretário municipal de Defesa Social, major Raul Leão de Araújo Vidal, confirmou na tarde desta terça-feira (14) que as aulas de tiro da Guarda Municipal de Londrina serão ministradas pelo 5º Batalhão de Polícia Militar.





Notícias Relacionadas

12/08/2012 11:50:39Concurso da Guarda Municipal em Londrina tem inscrições prorrogadas

09/08/2012 17:29:00Inscrições para concurso da Guarda Municipal de Londrina terminam nesta sexta-feira; 9 mil já se candidataram

23/07/2012 11:29:00Guarda Municipal de Londrina deve comprar 24 armas de eletrochoque

05/07/2012 17:14:00Guarda Municipal inaugura central de monitoramento em Londrina

A antiga administração tentava firmar uma parceria com as forças policiais de Londrina, mas as negociações não evoluíram porque a Secretaria de Estado da Segurança Pública exigiu que os guardas fizessem as disciplinas que não foram dadas durante o curso de formação da corporação.



O treinamento teria sido marcado por irregularidades administrativas que culminaram com uma ação de improbidade contra agentes da administração Barbosa Neto (PDT), finalizada no último dia 30 de julho. Uma empresa teria recebido dinheiro indevido pelas aulas e algumas disciplinas, como a prática de tiros, não foram ministradas.



Divulgação / PML





Curso de tiro deve durar cerca de três meses

O major Vidal informou que as matérias deixadas de fora do curso não trazem prejuízos para a formação dos guardas, mas afirmou que a situação será corrigida. "Nós temos algumas pendências com o batalhão que temos que acertar, estamos acertando questões administrativas e financeiras", disse.



A expectativa do secretário é que o curso comece ainda em 2012. "Eu mandei fazer um levantamento, um check list de tudo o que deve ser cumprido e vamos fazer o cronograma inicial do curso. Eu quero começar ainda este ano, gostaria de entregar para o meu sucessor com o processo pronto", declarou.



O curso para a Guarda Municipal de Londrina deve durar cerca de três meses. Os profissionais aprenderão a manusear a arma e saber em que condições ela deve ser usada. Também devem passar por um novo exame psicológico antes de poderem sair às ruas com os objetos.



As pistolas e revólveres comprados pela prefeitura estão na base do Exército em Apucarana, enquanto a corporação ainda não está autorizada a andar armada.



Jovens drogados quebram viatura da Guarda Municipal


Trio atacou guardas com socos, murros e uma barra de ferro



.Do R7 MG
15/08/2012 às 08h19

...

.

...Reprodução/TV Record Minas.

.

Publicidade..Três jovens enfrentaram guardas municipais em frente a uma escola, no bairro Granja de Freitas, na região leste de BH, na terça-feira (14). Segundo o órgão, os suspeitos usavam drogas na praça em frente ao colégio e foram abordados por um guarda que fazia vigilância.



Os suspeitos pularam o muro da escola, enfrentaram o guarda e quebraram os vidros traseiro e lateral da viatura. Dois agentes chegaram para ajudar e foram recebidos com socos, murros e uma barra de ferro.



Um dos suspeitos, de 24 anos, foi imobilizado pela arma de choque dos guardas e detido. Os outros fugiram e ainda não foram identificados.









.
RJ: guardas municipais realizam curso para combater pirataria


14 de agosto de 2012 • 17h23 • atualizado às 23h33 Para dificultar a circulação de mercadorias piratas na cidade do Rio de Janeiro, 500 guardas municipais participam nesta terça-feira e amanhã de um treinamento de combate ao contrabando. No curso promovido pelo Conselho Nacional de Combate a Pirataria e Delitos contra a Propriedade Intelectual (CNCP), do Ministério da Justiça, 250 agentes em cada dia aprendem como identificar as características e a procedência de produtos duvidosos.



O comandante da Guarda Municipal, coronel Henrique Lima de Castro, explicou que o treinamento consiste em aulas em laboratórios e salas de oficina para que o agente saiba diferenciar um produto verdadeiro de um outro falso. De acordo com ele, esse tipo de abordagem é uma forma de sofisticar o trabalho da Guarda Municipal, já que indústrias piratas se aprimoram vez mais.



"Hoje, se a pessoa não tiver informações técnicas, ela vai comprar um tênis falsificado pensando estar comprando um original", disse. Segundo o coronel, o curso permite ainda que, além de identificar os produtos, os agentes possam ter uma visão geral de como esse tipo de mercadoria pode atrapalhar o fomento do mercado global.



"Nós sabemos que as grandes cidades do mundo têm esse tipo de problema. É importante que as pessoas que estão trabalhando no ordenamento da cidade, na segurança, possam também reconhecer esses materiais e saber do problema econômico que é gerado pela decadência das indústrias em função desses produtos paralelos que circulam pelo município", afirmou.



O coronel Henrique Lima de Castro lembrou ainda das constantes operações realizadas pela Guarda Municipal em parceria com a Secretaria Especial de Ordem Pública no combate ao ordenamento do município. Ele antecipou que, para o ano que vem, as unidades de Ordem Pública (UOPs), criadas para ordenar o município, serão ampliadas. O Rio conta hoje com quatro: Tijuca, Centro, Leblon e Ipanema.



As aulas são ministradas por técnicos do Ministério da Justiça no Colégio Pedro II, em São Cristóvão, zona norte da capital fluminense. A capacitação para agentes públicos é uma ação do Plano Nacional de Combate à Pirataria, lançado em 2008. Em abril deste ano, o Rio de Janeiro incorporou-se ao grupo de cidades que fazem parte do Programa Cidade Livre de Pirataria.



A ação, que tem finalidade de ampliar a repressão ao comércio de produtos falsificados nos municípios brasileiros, tem a participação de São Paulo, Belo Horizonte e Curitiba, além do Distrito Federal. Desde 2010, já foram capacitados cerca de três mil profissionais, entre guardas municipais, fiscais de controle urbano e integrantes de associação comercial.



/08/2012 05:38


Motoristas querem guarda em terminaisAgressão de casal contra funcionário idoso da Setransp leva demanda por segurança também ao Situ: VÍDEO agência bom dia

O vídeo da confusão de sábado no Terminal Vila Arens que deixou um idoso de 75 anos ferido foram divulgadas na tarde desta terça-feira pela Transurb. O caso levou muitos profissionais do setor a pedirem medidas de segurança para os terminais de ônibus de Jundiaí.



VEJA O VÍDEO DA AGRESSÃO



O gerente da Transurb, Élcio Donizeti Sofiati, concorda com a avaliação de que a falta de patrulhamento policial nos terminais de Jundiaí contribua para o risco de violência. Segundo ele, a Guarda Municipal cumpre parte desse papel ao ficar pela manhã e no fim da tarde na porta dos terminais.



“Mas isso deveria ser efetivo nas 20 horas de funcionamento de transporte da cidade. Daria mais segurança aos usuários e também a quem trabalha”, diz.



O caso /A confusão aconteceu por volta das 16h30 de sábado, quando o casal acompanhado de duas meninas, uma de três e outra de oito anos, tentou entrar sem pagar a passagem da garota mais velha. O fiscal Agenor Rodrigues negou a entrada da garota, pois apenas crianças até cinco anos não pagam o bilhete (ou idosos com mais de 60 anos). O boletim de ocorrência diz que “ ambas partes vieram a se desentender e se agrediram multuamente.”



A imagens mostram a cozinheira V. N. F., 38 anos, nervosa com a negativa do idoso e começando o bate boca. Em seguida, ele reage com um soco do idoso no marido dela, o técnico de informática J.R, 34. A partir disso Agenor é empurrado e agredido por ambos.



Ele foi levado ao Hospital São Vicente com ferimentos na cabeça, olhos, braços e pernas. Mas passa bem. O casal fugiu depois da agressão mas foi encontrado pela Guarda Municipal, levado ao plantão policial e depois liberado. O casal não foi encontrado nesta terça pelo BOM DIA para comentar a confusão.



12% têm gratuidade

Dos cerca de 130 mil passageiros que usam o transporte urbano de Jundiaí, a Transurb diz que cerca de 12% não precisam pagar a passagem de R$ 3,00. São os maiores de 65 anos, os menores de 5 e os deficientes.



Agressões verbais são comuns

Quem trabalha como fiscal nos terminais do Situ diz que é comum o bate-boca por causa de pessoas que tentam passar a catraca sem pagar. Agressões como a do fim de semana são raras.



..Zona Portuária vai ganhar inspetoria da Guarda Municipal


Por Isabela Bastos (isabelab@oglobo.com.br)
Agência O Globo – qui, 16 de ago de 2012.. RIO - Inauguradas há quase dois meses, as 24 ruas e avenidas da Zona Portuária reurbanizadas na primeira fase do projeto Porto Maravilha receberam um reforço no policiamento. A área vem sendo patrulhada por 40 guardas municipais, 34 a mais do que antes das obras. A medida visa a proteger bens públicos recuperados, como o Cais, o Jardim do Valongo e a Pedra do Sal, e fazer frente ao aumento da frequência de visitantes na área. O maior contingente é o primeiro passo para a transferência para a região da 1ª Inspetoria da GM-Rio, com 350 guardas.



Embora tenha como atribuição vigiar todo o Centro (à exceção da área da Unidade Ordem Pública do Centro) e a Zona Portuária, a 1ª Inspetoria funciona dentro do quartel general da corporação, em São Cristóvão. Uma sede provisória está sendo erguida para a inspetoria num terreno próximo à Cidade do Samba. A mudança deverá acontecer até outubro. Segundo o secretário especial da Ordem Pública, Alex Costa, o horário de trabalho também foi mudado. A região, que tinha vigilância apenas de dia (das 6h às 21h), agora também terá guardas durante as madrugadas.



Além de facilitar o policiamento, uma vez que os guardas passarão a estar baseados dentro da área de atuação, a transferência de endereço prepara ainda o caminho para a implantação de UOPs na área.



- A mudança da inspetoria faz parte de um projeto maior que estamos desenvolvendo para toda a Zona Portuária. No futuro levaremos o projeto das UOPs para lá. Será mais de uma UOP para cobrir toda a área - explica Costa, sem no entando fixar datas.



As obras de revitalização da Zona Portuária recuperaram pontos históricos da região, que emprestaram beleza e atraíram visitantes para a área. Um roteiro especial de visitação está sendo criado pela Subsecretaria de Patrimônio Cultural, Intervenção Urbana, Arquitetura e Design na região do Porto Maravilha. O Circuito Histórico e Arqueológico da Celebração da Herança Africana destaca marcos históricos da memória africana na cidade. O Cais do Valongo, o Jardim Suspenso do Valongo, a Pedra do Sal, o Largo do Depósito, o Cemitério Pretos Novos e o Centro Cultural José Bonifácio serão transformados em áreas de visitação. Dois deles foram já foram inaugurados e receberam sinalização especial: o Cais e o Jardim do Valongo.



A área de atuação da 1ª Inspetoria da Guarda Municipal é delimitada pelas avenidas Francisco Bicalho e Rodrigues Alves, pela Lapa e pela Avenida Presidente Vargas, à exceção do polígono de ruas vigiado pela UOP do Centro (sobretudo o núcleo financeiro do bairro). A sede provisória da 1ª Inspetoria deverá funcionar no Pátio da Marítima, um terreno em frente à Cidade do Samba. De acordo com o assessor especial da presidência da Companhia de Desenvolvimento da Região do Porto, Alberto Silva, a ideia é que a Unidade de Ordem Pública da Zona Portuária comece a funcionar num prazo máximo de dois anos, a medida que as obras de reurbanização forem sendo entregues.



- As instalações definitivas da UOP da Zona Portuária deverão ficar, muito provavelmente, dentro do terreno de Praia Formosa, onde serão construídas as instalações do Porto Olímpico, para receber as vilas de Mídia e de Árbitros dos Jogos Rio 2016 - explica Silva.



Aberta primeira rua para projeto Porto Olímpico



No terreno de Praia Formosa, nas imediações da Rodoviária Novo Rio, uma nova rua já está sendo aberta. Batizada inicialmente de Rua D1, ela fará a ligação da Zona da Leopoldina ao bairro do Santo Cristo. De acordo com a Companhia de Desenvolvimento Urbano da Região Porto do Rio (Cdurp), toda a infraestrutura da via está pronta e este mês começará a ser feito o pavimento da rua. É nessa área que será construído, a partir de janeiro de 2013, o projeto Porto Olímpico, conjunto de prédios e hotéis que servirão de vilas de Mídia e Árbitros durante os Jogos Olímpicos Rio 2016.



Após os jogos, em 2017, os empreendimentos residenciais serão entregues aos seus verdadeiros donos, já convertidos em apartamentos de dois ou três quartos. As 1.330 unidades habitacionais serão vendidas prioritariamente a servidores municipais a partir de outubro, quando a Previ-Rio lança uma linha de crédito especial para a aquisição dos imóveis.



- O terreno é muito grande e será integrado aos bairros que ficam no entorno. No futuro, após os jogos, toda aquela área será um grande condomínio e é preciso haver vias públicas para acesso. As obras dos hotéis e prédios residenciais estão em fase de licenciamento e a previsão é que comecem a subir em janeiro do ano que vem - explica o assessor especial da presidência da Cdurp, Alberto Silva.



Além das obras no Porto Olímpico, a segunda fase do Porto Maravilha já soma 24 frentes de trabalho. Em uma das principais, na Rua Primeiro de Março, as escavações do túnel que passará sob o Morro de São Bento, deverão começar ainda este mês.



- Uma tubulação da Cedae que existia na região já foi deslocada, e já começamos a fazer as paredes da rampa de acesso ao túnel - complementou Silva.

Homem morre ao ser baleado por guarda municipal dentro de escola


Vítima seria ex-aluno e estaria afastado da instituição de ensino por ameaçar diretora

Da Agência Record....

.
Publicidade..Um homem morreu depois de ser baleado por um guarda municipal, na noite da última sexta-feira (17), dentro do Centro Educacional da Vila Humaitá, em Santo André, no ABC Paulista.


Segundo a GCM, a vítima seria um ex-aluno de 24 anos, que possui passagem pela polícia por tráfico de drogas e estava afastado da instituição de ensino por ter ameaçado matar a diretora e uma professora.


eia mais notícias de São Paulo



Ainda de acordo com a GCM, na noite de sexta-feira, o aluno foi até a escola com um simulacro de pistola calibre 9 mm. Como apresentou atitude suspeita, o rapaz foi seguido por um guarda municipal que fazia ronda. Ele teria tentado se esconder no banheiro da unidade e, ao ser localizado, teria exigido o revólver do guarda, que atirou contra ele.



O homem chegou a ser levado para um hospital da região, mas morreu. O caso será investigado pelo DHPP (Departamento de Homicidios e Protecao a Pessoa).



Leia os destaques do dia

Faça seu e-mail do R7
SE VOCÊ GM, QUER QUE SEJA PUBLICADO AQUI ALGUMA MATERIA , PODE SER SUA; OU UMA SUGESTAO ,MANDE PRA O MEU E-MAIL- bloggmgo@gmail.com É UMA FORMA DEMOCRATICA DE PARTICIPAREM DO BLOG. QUE É NOSSO E LIVRE!