Cadastre seu Email

quinta-feira, 5 de abril de 2012

terça-feira, 3 de abril de 2012

GUARDA MUNICIPAL DE SÃO CARLOS PRECISA DE APOIO

Olá colegas, venho através deste email solicitar, aos colegas
que ajudem os GMs de São Carlos-SP, depois que eu dei uma
entrevista na Rádio InterSom FM, defendendo que nós
GMs temos que trabalhar armados, um site local lançou uma
Enquete, para saber a opnião do povo.
Peço que votem a favor, votem sim, para o armamento de
nossa GM.
vote nesse link, no lado direito da tela: http://www.rotadasnoticias.com.br/
desde já agradeço

Agentes terão novos uniformes para atuar no trânsito da cidade

Fonte: Assessoria de Comunicação Institucional em 03 de Abril de 2012

Equipamentos vão aprimorar o serviço realizado no trânsito da cidade.

Kleverton Velasques

Os 27 agentes de trânsito de Corumbá receberam nesta terça-feira (03) novos uniformes adquiridos com recursos próprios do Município. Cada um dos servidores recebeu duas calças, duas camisetas, duas camisas, dois bonés, colete, cinto, apito, porta-talão, casaco e capa de chuva. De acordo com o diretor-presidente da Agência Municipal de Trânsito e Transporte (Agetrat), Gerson Moraes, os equipamentos vão aprimorar o serviço realizado no trânsito da cidade.

"Os novos uniformes facilitam a identificação dos agentes, permitindo que eles possam realizar seu serviço de forma mais eficaz e segura", afirmou. Os integrantes da equipes de Educação no Trânsito, Engenharia e Manutenção também receberam identificação específica. "Em qualquer atividade que estiver sendo realizada nas vias, esses funcionários estarão uniformizados e identificados, oferecendo mais tranquilidade aos condutores", complementou Gerson.

O comandante da Guarda Municipal, tenente-coronel da Polícia Militar Ubiratan Bueno, também destacou os investimentos realizados no setor. "Os agentes tem um papel muito importante nesse processo de municipalização do trânsito. O recebimento de novas viaturas e uniformes é prova dessa relevância, fruto do trabalho desempenhado por vocês", comentou. Segundo o coronel, o objetivo do prefeito Ruiter Cunha de Oliveira (PT) é aumentar consideravelmente o número de agentes nas ruas da cidade.

"A intenção é quase dobrar o efetivo até o final deste ano. Para isso o Município está investindo em capacitação. Na próxima segunda-feira, mais dois agentes iniciam em Campo Grande o intercambio com a Ciptran (Companhia Independente de Trânsito da Capital. Outros quatro já realizaram essa etapa", destacou Ubiratan, detalhando que outros dois agentes farão um curso de instrutor de trânsito, também na Capital do Estado.

Viaturas No último mês de fevereiro, o prefeito Ruiter Cunha de Oliveira (PT) entregou três carros e duas motos, todos zero quilômetros, à Agetrat. As viaturas, também adquiridas com recursos próprios, estão atuando na fiscalização das vias públicas e no trabalho de prevenção e educação para o trânsito. Com o investimento, a frota da Agência de Trânsito passou a contar com sete automóveis e sete motocicletas.

Uma das novas motocicletas é equipada com bafômetro, aparelho que permite determinar a concentração de bebida alcoólica em uma pessoa, analisando o ar exalado dos pulmões. Entre os automóveis, um deles é equipado com giroflex, rádio operador para comunicação interna e sistema de auto falantes.

Na mesma época, A Guarda Municipal também recebeu reforço motorizado para auxiliar nas ações de prevenção de danos ao patrimônio público e fiscalização das vias públicas de Corumbá. Foram entregues seis motos, de 150 cilindradas, e três carros que foram adquiridos com recursos próprios, provenientes da arrecadação de impostos do Fisco Municipal. Os novos carros e motos da Guarda Municipal contam com giroflex e sirenes e padronizadas na cor azul, a mesma dos uniformes dos guardas.

CÂMARA DE PORTO ALEGRE Notícia da edição impressa de 03/04/2012

Vereadores tentam agilizar votação de 30 projetos

Bárbara Gallo, especial para o JC

ANTONIO PAZ/JC
Servidores lotaram as galerias do plenário Otávio Rocha para acompanhar uma das sessões de ontem
Servidores lotaram as galerias do plenário Otávio Rocha para acompanhar uma das sessões de ontem

Enquanto procuradores do município, servidores do Departamento Municipal de Águas e Esgotos (Dmae) e da Guarda Municipal lotavam as galerias do plenário Otávio Rocha na sessão na tarde de ontem, os projetos sobre o quadro de cargos e as funções gratificadas eram discutidos em regime de urgência pelos vereadores. Para vencer a Ordem do Dia, foi estabelecida reunião conjunta das comissões que avaliariam os pareceres das propostas simultaneamente. O esforço realizado pelos parlamentares busca dinamizar o processo de apreciação dos textos e agilizar as atividades programadas. “Há um grande número de projetos do Executivo que devem ser aprovados antes dos últimos seis meses para a eleição. Também tivemos um acordo no sentido em que pudéssemos garantir projetos de lei dos vereadores, principalmente daqueles suplentes que estão saindo da Casa, e outras iniciativas legislativas”, disse o presidente da Casa, Mauro Zacher (PDT), que também ressaltou o corte na quantidade de solenidades feitas durante as plenárias, que, segundo ele, ajudam a acumular os trabalhos. “É uma maratona, estamos fazendo sessões extraordinárias hoje (ontem) e amanhã (hoje) e adiamos reuniões das comissões para que pudéssemos enfrentar essa pauta de mais de 30 projetos que estão aguardando. Quase todos são propostas que mudam carreiras, que criam funções gratificadas e que esperam uma resposta rápida, por isso a Câmara está se mobilizando”, destacou Zacher. O projeto de lei que institui o Fundo de Apoio e Fomento ao Viaduto Otávio Rocha como uma ferramenta de preservação, revitalização e humanização da área foi aprovado ontem na sessão da tarde. Conforme o texto, os recursos do fundo visam a promover a obra através da reforma de sua infraestrutura, a capacitação de seus permissionários e o desenvolvimento de ações de marketing e publicidade. Os vereadores Airto Ferronato (PSB) e Sofia Cavedon (PT), juntamente com o atual titular da Secretaria de Produção, Indústria e Comércio (Smic), Valter Nagelstein (PMDB), são os autores da proposta. Para eles, é preciso resgatar o Viaduto Otávio Rocha para a Capital, moradores e usuários do Centro Histórico, incrementando significativamente as condições de dinamização do patrimônio. Pela iniciativa, a contribuição mensal dos permissionários do viaduto será deduzida da locação paga mensalmente ao município. Juntamente com moradores do local, elaborarão o regimento em assembleia geral, o qual estabelecerá a composição para assembleias gerais e o funcionamento do conselho de administração e do conselho fiscal. Serão definidos nos encontros o valor da contribuição, os representantes dos permissionários e a constituição do conselho fiscal. Duas outras matérias também foram apreciadas. Foi aceita a moção de solidariedade requerida pelos parlamentares Pedro Ruas e Fernanda Melchionna, ambos do P-Sol, em apoio aos projetos que caracterizam a homofobia como crime e estabelecem a pena de prisão nestes casos, bem como o projeto que propõe ajustes na redação da lei que criou o Portal Transparência de Porto Alegre, apresentado pelo petista Mauro Pinheiro. A mudança determina que o uso da palavra entidades faça referência ao conjunto de autarquias, empresas públicas, sociedades de economia mista e fundações públicas que componham ou venham a compor a administração indireta. Paralelamente, foi sancionada emenda do peemedebista Idenir Cecchim que dispõe sobre o fornecimento no sítio da relação de todos os servidores municipais pertencentes aos órgãos da Administração Direta e Indireta cedidos para outros órgãos. Esses arranjos pretendem ampliar o serviço de accountability (prestação de contas) do governo para a população, considerando o ano eleitoral.

Estado abre discussões para orçamento de 2013

Alexandre Leboutte O governador Tarso Genro (PT) dá a largada, na tarde de hoje, às discussões para a elaboração do orçamento estadual para 2013, que deve articular um conjunto de instrumentos de participação da sociedade. O Plano Plurianual (PPA) Participativo 2012-2015 servirá de ponto de partida para a realização de um ciclo de debates, com audiências públicas, assembleias e votação de prioridades por parte da população. É um processo que começa neste mês e se estende até 15 de setembro, quando o Executivo envia a proposta de Lei Orçamentária à Assembleia Legislativa. O orçamento de 2012 ficou em R$ 40 bilhões e ainda não há estimativa para o do próximo ano. De acordo com o secretário-adjunto do Planejamento do Estado, Davi Schmidt (PT), a sistemática prevê audiências públicas nas 28 regiões dos Conselhos Regionais de Desenvolvimento (Coredes), em abril; assembleias nos 496 municípios gaúchos, em maio, onde serão escolhidos delegados (um para cada 30 participantes, sendo, no mínimo, um representante por município); fóruns regionais, em junho, nas nove macrorregiões do Estado, com os delegados escolhidos no mês anterior; a votação de prioridades, em julho; e em agosto, o encontro do Fórum Estadual de Participação Popular e Cidadã. Este fórum também vai se reunir na cerimônia de hoje. “São os cidadãos que foram escolhidos no ano passado, nas regiões, tanto nas discussões do PPA Participativo quanto do orçamento de 2012. Eles representam as pessoas que participaram dos diferentes espaços de debate. O PPA foi um deles, que reuniu 6 mil pessoas, 350 entidades - durante os meses de março, abril e maio -, em nove seminários, em cada uma das macrorregiões do Estado”, descreve Schmidt. O secretário-adjunto afirma que, embora o nome do “Orçamento Participativo” não esteja sendo utilizado, ele serve de inspiração para todas as políticas adotadas no governo e está integrado à Consulta Popular, que no ano passado definiu a aplicação de R$ 165 milhões em prioridades escolhidas pela população. Educação, saúde, segurança e agricultura familiar foram as mais votadas. Quanto à efetiva execução orçamentária do programa, Tarso fará hoje uma prestação de contas descrevendo os percentuais já aplicados e os que deverão ser executados no decorrer do ano. Schmidt descreve que o sistema de participação utilizado pelo Executivo é dividido em quatro dimensões. Na primeira delas, estão as decisões orçamentárias, com o PPA Participativo e o processo de discussão anual do orçamento. O modelo tem, ainda, os controles sociais, através dos conselhos setoriais, dos Coredes, da internet - nowww.participa.rs.gov.br; os diálogos sociais, com as interiorizações do governo, o Conselhão e as conferências estaduais; e a participação digital, com vários instrumentos disponibilizados pelo Gabinete Digital.

02/04/2012 20:03

Chefe do tráfico do Parque Laranjeiras é preso

Jovem de 18 anos vendia entorpecentes em plena luz do dia em uma ciclovia na avenida Ulysses GuimarãesFERNANDA IKEDO fernanda.ikedo@bomdiasorocaba.com.br

Atualizado às 21h50

A GCM (Guarda Civil Municipal) de Sorocaba prendeu, na tarde desta segunda-feira (2), Robério Gonçalves Gomes, 18 anos. Ele é acusado de traficar entorpecentes, em plena luz do dia, na ciclovia da avenida Ulysses Guimarães, Parque das Laranjeiras, zona norte. Nesta segunda-feira (2), às 16h30, o jovem ele foi surpreendido por uma viatura Blazer da Romu (Ronda Municipal) e tentou fugir a pé. “Nós fizemos uma volta na avenida e o encontramos novamente, entrando na residência”, conta o guarda Alison. Neste momento, o apoio via rádio foi solicitado para que pudessem fazer a averiguação na casa. Duas motocicletas e mais duas viaturas foram encaminhadas ao local. O GCM Cantídio, que estava sozinho, de moto, foi fechado por um caminhão e acabou sofrendo algumas lesões leves no corpo. O caminhoneiro não parou e a placa do veículo não foi anotada pelo guarda. Apreensão/ Na casa de Robério foram encontradas 840 porções de crack, que estavam espalhadas pelos móveis. Também foram apreendidos objetos que, segundo Alison, eram trocados pelas drogas, como seis chapinhas para cabelo, quatro relógios de pulso, uma câmera fotográfica, um rádio e uma furadeira, além da quantia de R$ 440. “Antes era comum tráfico de drogas à noite, às escondidas. Mas hoje em dia, os traficantes ficam em ciclovias e parques públicos em plena luz do dia”, afirma a GCM Angela Tavares, responsável pela comunicação da corporação. Quando os guardas entraram na casa de Robério, encontraram a namorada dele, I. F. F., 16, que também foi levada para a delegacia do plantão da Zona Norte, como testemunha. Conforme a GCM, cada porção de crack é comercializada por cerca de R$ 10. “Ele [Robério] era um dos gerentes do tráfico do bairro e fornecia drogas para menores venderam”, afirma o GCM Alison.

Lugares públicos Conforme os guardas civis municipais a prática do tráfico de drogas, em Sorocaba, está generalizada em locais públicos, como ciclovias e parques. O GCM Alison pontua que há sempre ocorrênica na ciclovia do Laranjeiras, onde ocorreu a apreensão nesta segunda-feira (2). Outro local recorrente é o Parque da Vila Formosa. Na noite de domingo (1º), durante o patrulhamento, na rua Nelson Herdy Barbosa, a equipe da Romu-GCM se deparou com um homem vendendo drogas a um ciclista, que conseguiu fugir, mas o traficante, que tentou se livrar de um pacote jogando-o por cima do muro de uma residência particular, foi detido pelos guardas.

vc repórter: Guarda do Rio fará fiscalização e usará smartphones 03 de abril de 2012 16h35

Guarda Municipal do Rio terá novas funções e fará fiscalização com smartphones. Foto: José Carlos Pereira de Carvalho/vc repórter

Guarda Municipal do Rio terá novas funções e fará fiscalização com smartphones Foto: José Carlos Pereira de Carvalho/vc repórter

A Guarda Municipal do Rio de Janeiro terá novas funções na cidade e passará a trabalhar também na fiscalização de buracos nas ruas, postes sem luz e vias públicas em mau estado de conservação. Após identificar as irregularidades, o órgão utilizará aplicativos em smartphones para entrar em contato com a prefeitura e encaminhar o problema.

A ação é uma iniciativa das secretarias municipais de Ordem Pública e Conservação e Serviços Públicos, que criaram o Programa Integrado de Ordem e Conservação para agilizar o processo de comunicação entre os órgãos.

"Entre as solicitações de reparos estão: passeios em piso de concreto e em pedras portuguesas e jardineiras danificadas, remoção de balizadores e grampos irregulares, postes sem uso, entre outros", afirmou a prefeitura, que publicou a nota no Diário Oficial.

Os trabalhos de fiscalização terão início em maio, na região da Unidade de Ordem Pública (UOP) da Tijuca e, até o fim de 2012, devem ser levados a todas as áreas da cidade que possuem UOPs.

O internauta José Carlos Pereira de Carvalho, do Rio de Janeiro (RJ), participou do vc repórter, canal de jornalismo participativo do Terra. Se você também quiser mandar fotos, textos ou vídeos, clique aqui.

quarta-feira, 4 de abril de 2012 6:44

Vice-presidente do PSDC em Sto.André é preso por racismo

Agência Estado

29 comentário(s)

O vice-presidente do diretório municipal do Partido Social Democrata Cristão (PSDC) em Santo André, Adriano Giovanni Pieroni, de 48 anos, foi preso, às 21h30 de ontem, após xingar dois guardas civis municipais e chamar um deles de "macaco", em frente ao velório municipal de São Caetano, localizado na Rua Rio Grande do Sul, no bairro Santo Antonio, próximo ao centro da cidade.

Os guardas Edemir Edinor da Silva e Jucélio Silva, que trabalham na base localizada na Alameda São Caetano, no bairro Santa Maria, estavam de serviço desde as 18h em frente ao velório, onde cinco pessoas eram veladas naquele momento, entre elas o primo de Pieroni, assassinado com vários tiros no rosto. Segundo os guardas, a namorada de Adriano disse que ele, momentos antes, havia tomado três doses de vodca na padaria localizada a 70 metros do velório.

Revoltado com a morte do primo, o político, ao ver a viatura parada em frente ao velório, dirigiu-se até os dois guardas e começou a ofendê-los com palavrões. "Ele estava transtornado. Ainda me chamou de 'preto' e 'macaco'", disse o guarda civil Jucélio Silva, de 38 anos.

Sem ser algemado e dominado sem uso de truculência, Pieroni foi colocado dentro da viatura e levado para o Distrito Policial Sede de São Caetano. "Cinco velórios ocorriam naquele momento e várias pessoas saíram para ver o que ocorria", acrescentou Silva.

Ao chegar na delegacia, Adriano disse ao delegado Sérgio Vidal que havia sido agredido pelos guardas, o que, segundo a Polícia Civil, não ocorreu, Até as 2h15 desta madrugada, o acusado ainda estava no Hospital Municipal Central, na Avenida Kennedy, onde passou por exame de corpo de delito - para averiguar se havia alguma marca de agressão - e por exame de sangue, para medir o teor de álcool no sangue.

O político, até o término desta reportagem, segundo a polícia, havia sido autuado por injúria racial e desacato. Não havia sido confirmado pela polícia se Pieroni já atuou como policial militar (ele dissera ter sido da corporação). Pelo fato do racismo ser um crime inafiançável, Adriano deve ficar preso e aguardar decisão judicial.

Tentativa de assassinato - Em junho de 2011, Adriano Giovanni Pieroni foi preso ao invadir, armado com uma faca, a mesma base da guarda civil onde Edemir e Jucélio trabalham. A esposa de Adriano, após discutir com o marido, foi perseguida por ele e se refugiou dentro da base.

Horas antes, a vítima já havia registrado boletim de ocorrência contra Adriano por violência doméstica. Ao retornar para a casa, teve início uma nova discussão entre o casal. A mulher, acompanhada da mãe e duas filhas, entrou num dos carros da família e foi embora, mas acabou perseguida por Pieroni, que ao volante do outro carro, bateu contra a traseira do veículo da esposa.

Ao ver a base da Guarda Civil Municipal (GCM), ela parou o carro e entrou no posto para pedir ajuda aos agentes municipais, momento em que o político invadiu o local armado com uma faca. Dominado com uso de spray de pimenta, Pieroni, visivelmente embriagado, ainda chutou a viatura da GCM e foi levado para a delegacia, onde parentes registraram boletim de ocorrência acusando-o de agressão também contra a sogra. Na ocasião, ele foi autuado por violência doméstica, ameaça, desacato, injúria, dano ao patrimônio e embriaguez ao volante.

segunda | 02/04/2012 21:57:00

Textos: Colaboração / Daniela Niero Fotos: Divulgação

Câmara discute a "fábrica de multas"

Câmara discute a Ampliar Imagem

A “fábrica de multas” referida pelo presidente da Câmara, vereador Toninho da Imbralit, motivou presença da ASTC na noite desta segunda-feira na sessão do Legislativo. O presidente da autarquia, arquiteto Giuliano Colossi, informou que, entre janeiro e março deste ano, 13.526 multas foram aplicadas na cidade. “No mesmo período do ano passado foram 19.998 infrações registradas. Ou seja, diminuiu mais de 6,4 mil multas em 2012”.

O presidente da ASTC lembrou que, com 200 mil habitantes, Criciúma tem uma frota de 122.782 veículos e com ruas de 25 anos atrás. “Só é autuado aquele que comete infrações de trânsito. O número de multas está diretamente ligado à conduta dos motoristasda cidade”, argumentou Colossi.

Da tribuna, o vereador Toninho disse que a convocação do presidente tem por motivo evitar abuso de autoridade por guardas municipais. “Nos jogos do Criciúma, enquanto as pessoas assistem os jogos os guardas municipais deveriam orientar e não multar, como ocorre”, disse.

O parlamentar citou ainda o caso da Henrique Lage, onde falta sinalização por conta das obras mas, mesmo assim, autuações tem sido lavradas. Em seguida, o vereador apresentou foto de guardas municipais em um veículo da ASTC sem cinto de segurança. “Será que eles não deveriam também ser multados?”.

A vereadora Tati Teixeira (PSD) perguntou sobre o montante arrecadado com multas. O presidente Giuliano não soube responder. O vereador Douglas Mattos (PCdoB) lembrou a opção da Prefeitura, de contratar segurança terceirizada em vez de chamar os concursados da Guarda Municipal. “Isso é uma opção política”, acentuou.

O presidente da ASTC concluiu informando que a autarquia perdeu servidores em relação ao ano passado. Eram 50 guardas municipais, agora são 45, e trabalhavam 15 agentes de trânsito em 2011 e hoje são 12.

SE VOCÊ GM, QUER QUE SEJA PUBLICADO AQUI ALGUMA MATERIA , PODE SER SUA; OU UMA SUGESTAO ,MANDE PRA O MEU E-MAIL- bloggmgo@gmail.com É UMA FORMA DEMOCRATICA DE PARTICIPAREM DO BLOG. QUE É NOSSO E LIVRE!