Cadastre seu Email

segunda-feira, 30 de abril de 2012


Polícia Civil e Guarda Civil realizam "Operação Touro"em Cotia



Por Fau Barbosa
A Polícia Civil de Carapicuíba realizou nessa quinta-feira(26), a Operação denominada Touro.
A Operação foi realizada das 9:00 às 17:00hs, no âmbito dos oito municípios de abrangência da Seccional de Carapicuíba. Em Cotia, a Operação foi realizada em conjunto com a Guarda Civil.
O objetivo da operação foi coibir a prática de Furto, Roubo, Furto de Veículo, Roubo de Veículo, Tráfico de Drogas, Jogos de Azar, Pirataria, etc. Para tanto foi utilizado um efetivo de 180 Policiais Civis e 60 viaturas.
Confira os resultados da Operação em Cotia, realizada em conjunto com a Guarda Civil:
(Delegacia Central, 1º DP de Caucaia, 2º DP da Granja Viana e Delegacia da Mulher -DDM).
E dos municípios vizinhos à Cotia, pertencentes à Seccional de Carapicuíba:
(Barueri e Carapicuíba)
(Itapevi, Jandira, e Vargem Grande Paulista)
Resultados:
A Operação Touro teve um total de 2.536 pessoas abordadas, sendo 23 presos em flagrante, 71 presos por mandado (preventiva/temporária), 27 capturas de procurado (titalizando 121 prisões), 12 menores apreendidos, sendo ainda apreendidos 104 veículos, 4 armas de fogo, e 27 máquinas caça-níqueis/video poker, além da apreensão de drogas, como 14g de maconha, 12g de crack e 5.736,89g de cocaína.

Polêmica sobre armas de choque fazem GC substituí-las por spray

Segundo informações, atualmente a Guarda Civil Municipal não está fazendo mais uso da pistola de eletrochoque
Segundo informações, atualmente a Guarda Civil Municipal não está fazendo mais uso da pistola de eletrochoque
Adriel Arvolea

O choque causado pela pistola de eletrochoque taser anula a capacidade de reação da vítima e pode levá-la a uma parada cardíaca, segundo a Sociedade Brasileira de Cardiologia (SBC). Em seu trabalho científico publicado no American Heart Journal, que fez uma revisão de 50 estudos sobre a segurança do equipamento que hoje é usado pela polícia de vários estados brasileiros, a conclusão é que o equipamento não é confiável.

“O estudo analisou 32 pesquisas do uso da taser em humanos e 18 em animais. Enquanto 96% das pesquisas feitas por encomenda do fabricante ou pesquisadores a ele ligados concluem que o aparelho é seguro ou bastante seguro, apenas 55% das pesquisas desenvolvidas por fontes independentes concluem pela segurança do ‘taser’”, explica o diretor do Comitê de Emergências Cardiovasculares da SBC, Sergio Timerman, especialista em ressuscitação cardíaca. Diz, ainda, que o choque causado pela pistola efetivamente leva à perda do controle neuromuscular e insiste na necessidade de mais pesquisas sobre a segurança do dispositivo, que pode levar a uma parada cardíaca, como ocorreu na Austrália e em Florianópolis, recentemente.

A Anistia Internacional, que pede aos governos que suspendam o uso dessas armas ou as limitem a situações de perigo de vida, alerta que os estudos existentes – muitos fornecidos pelo próprio setor de armamento – concluíram que o perigo dessas armas é geralmente baixo em adultos sãos. Entretanto, tais estudos têm um alcance limitado e alertam para a necessidade de se conhecer mais profundamente os efeitos desses dispositivos em pessoas vulneráveis, como as que estão sob efeito de drogas estimulantes ou as que têm problemas de saúde. Na prática, o aparelho usa o ar comprimido para atirar os dardos elétricos no agressor e uma mira a laser garante pontaria acurada até 15 metros. O choque provocado leva à perda do controle neuromuscular.

A Secretaria de Segurança e Defesa Civil de Rio Claro esclarece que neste momento a Guarda Civil Municipal (GCM) não está fazendo uso das pistolas taser. “Atualmente, os guardas utilizam os sprays espargidores de gás de pimenta. O recurso foi incorporado na atual gestão para adequar a GCM aos padrões internacionais, sendo uma das poucas organizações de segurança pública no Brasil que preenchem os requisitos nacionais e internacionais do uso progressivo da força não letal”, reforça.

São onze armas sob o poder da GCM (modelo M-26) preparadas para agir, eventualmente, no domínio de pessoas que ofereçam resistência ativa. Com tensão emitida de 50 mil volts, é capaz de imobilizar um adulto por alguns segundos. Em operação desde 2007 no município, é usada por guardas civis que passaram por treinamento. “A taser é utilizada conforme instruções do treinamento e para proteção do próprio guarda civil e a de terceiros”, comenta José Sepúlveda, comandante da GCM. Para o devido uso do equipamento, o treinamento foi ministrado por técnico da AA & Saba Consultants, empresa fornecedora do material. O curso de manuseio foi destinado a 33 guardas municipais. Segundo norma técnica, pode-se dispor de uma taser para até três profissionais. À época, o investimento da prefeitura foi de R$ 49.577,50.


9/04/2012 -- 15h59
Guardas encontram R$ 1 milhão em porta-malas de van no PR
Redação Bonde




 
Guardas municipais de Foz do Iguaçu encontraram, na manhã de sábado (28), R$ 1 milhão escondido no porta-malas de uma van com placas do Paraguai. A abordagem aconteceu depois que os agentes viram o motorista falando ao celular enquanto dirigia, na Vila Portes.

As notas de dinheiro estavam enroladas em pacotes. Na van, estava o motorista paraguaio e um casal de São Paulo. Os três foram encaminhados para a Polícia Federal de Foz do Iguaçu e deverão comprovar a licitude do dinheiro.

O trio tentou subornar os guardas municipais, que não aceitaram o dinheiro e encaminharam os suspeitos para a delegacia. (com informações CGN Notícias)

28/04/2012 13h03 - Atualizado em 28/04/2012 13h03

Três pessoas estavam com o dinheiro, que seria levado ao Paraguai.
Eles foram encaminhados à Delegacia da Polícia Federal na cidade.

Do G1 PR com informações da RPC TV Foz do Iguaçu
Comente agora
Dinheiro apreendido (Foto: Divulgação/Guarda Municipal)Carro foi parado porque motorista falava ao
telefone (Foto: Divulgação/Guarda Municipal)
Guardas municipais de Foz do Iguaçu, no oeste do Paraná, apreenderam mais de R$ 650 mil em dinheiro. A apreensão aconteceu por volta das 10h deste sábado (28), no bairro Vila Portes, próximo à Ponte da Amizade, na fronteira com o Paraguai.
Os guardas pararam uma van após perceberem que o motorista estava falando ao celular. Quando foram vistoriar o veículo, encontraram todo o dinheiro, que estava escondido em uma sacola, no porta-malas do veículo. O motorista e um casal que estava dentro do carro foram encaminhados para a Delegacia da Polícia Federal.
Em depoimento, os três afirmaram que levavam o dinheiro para o patrão deles, que mora noParaguai. Segundo a Guarda Municipal, como a apreensão ocorreu fora da área de saída doBrasil, o caso não pode ser caracterizado como evasão de divisas.

Prevenção

Campinas lança plano de combate ao crack

da redação | 30-04-2012 13:14:44
A Prefeitura de Campinas lançou nesta sexta-feira, 27 de abril, o Plano Municipal Integrado de Enfrentamento ao Crack e outras drogas (PMIECrack). Com a medida, o município passa a ser o primeiro no Estado de São Paulo a implementar o projeto, com base no Decreto Federal nº 7179/ 2010.
prefeito Pedro Serafim explicou que se trata de um plano de gestão a ser desenvolvido por meio de metas de curto, médio e longo prazos. “É um plano marcado pela coragem. Não vamos expulsar usuários de drogas da cidade, vamos tratá-los”, disse.
Serafim explicou que as ações envolverão várias secretarias municipais, mas enfatizou a participação das pastas da Saúde, Cidadania, Assistência e inclusão Social, além de Trabalho e Renda. “Vamos tratar o usuário de crack e outras drogas. Num segundo momento, ele será recebido pelos programas de assistência social por um prazo de seis a 12 meses. Por fim, a Secretaria de Trabalho e Renda ficará responsável pela reinserção no mercado de trabalho”, completou o prefeito.
Plano
O Plano Municipal segue as diretrizes e os objetivos federais para as ações que serão executadas de forma descentralizada e integrada entre as secretarias, além da participação da sociedade civil e controle social.
No geral, o projeto está fundamentado na integração e articulação progressiva e permanente entre as políticas públicas de saúde, assistência social, segurança, educação, esporte, cultura, juventude, comunicação e demais áreas afins.
Segundo o secretário de Assistência Social, Dimas Gonçalves, o Plano Municipal será encaminhado ao Governo Federal para análise, principalmente do Ministério da Saúde. Dessa forma será possível captar recursos financeiros. “Estamos em contato com representantes do governo federal para apresentarmos nosso plano de maneira correta”, disse.
Saúde
O secretário da Saúde, Fernando Brandão, disse que a Pasta trata o crack como um problema social. “A Secretaria de Saúde oferecerá todos os seus equipamentos e em especial aqueles dedicados
à saúde mental, além de se comprometer a criar outros tantos que se façam necessários, para que juntos possamos ajudar as vítimas das drogas, com respeito ao direito de cada um e sem preconceito”, disse.
Brandão destacou ainda a implementação de novos projetos, entre eles o Consultório na Rua.
Segurança
O secretário de Cooperação nos Assuntos de Segurança Pública, Sinval Dorigon, destacou que a Guarda Municipal se integrará ao esforço que a Prefeitura está fazendo para combater o crack. “O plano de enfrentamento ao crack será uma política muito bem-sucedida porque contempla um trabalho integrado, a união dos esforços do município para uma questão urgente e que precisa ser imediatamente combatida”, garantiu.
Trabalho e Renda
O vice-prefeito e secretário municipal de Trabalho e Renda, Francisco Soares de Souza, também ressaltou a integração das várias pastas.
“A secretaria de Trabalho e Renda vai fechar o ciclo, com a reinserção do ex-usuário. Estamos prontos para colaborar e para enfrentar esse desafio que preocupa toda a sociedade brasileira”, disse Souza.
Coitê Gestor
A estratégia metodológica da construção do PMIECrack têm como concepção o princípio integrativo e de diálogo entre os diferentes órgãos públicos, entidades da sociedade civil.
Cada ente deverá, ao seu curso e estrutura, planejar ações, que objetivem a intervenção necessária ao enfrentamento das drogas, que será analisado pelo Grupo Executivo do Comitê Gestor.
A coordenação geral do Plano será efetuada pelas secretarias municipais de Saúde, Assistência Social, Trabalho e Renda e Segurança Pública que atuará integrada ao Comitê Gestor que envolve, além de representantes das secretarias municipais, de conselhos, organizações não governamentais, entidades religiosas, igrejas entre outros setores sociais.
Repercussão
O plano apresentado pela prefeitura foi elogiado por representantes das polícias Civil, Militar e Federal, além dos integrantes de entidades ligadas à assistência social e representantes da sociedade civil.
“Fiquei contente com a lucidez do plano, porque é um assunto delicado e é necessária essa lucidez para tratar desse caso”, disse o delgado da Delegacia de Investigação sobre Entorpecentes, Oswaldo Diez Júnior.
A vice-presidente da Comissão Especial de Políticas Públicas de Combate às Drogas da Câmara dos Deputados, deputada Aline Correa, lembrou que a cidade está sendo pioneira.
“Campinas é uma das primeiras cidades a assinar as portarias para executar o Plano Municipal de Enfrentamento ao Crack. A questão da droga é uma ferida da alma e da carne e todos nós temos de discutir esse assunto e juntos trabalhar com a sociedade brasileira”, comentou.
O presidente da Câmara Municipal de Campinas, vereador Thiago Ferrari, garantiu o apoio do poder Legislativo ao plano.
“Viemos reafirmar nosso compromisso com essa questão. No Plano da Prefeitura já há uma diferenciação. O próprio nome - plano de enfrentamento - é um algo para mudar essa realidade. É preciso um compromisso de várias entidades para fazer esse combate; realmente é uma integração”, concluiu.

sábado, 28 de abril de 2012

Ladrão tenta roubar celular de jogadora 
de futebol americano e acaba linchado na zona norte

Rapaz foi detido por pessoas que passavam pela rua
Do R7 | 27/04/2012 às 18h23


Publicidade
Um rapaz, que estava em liberdade condicional, foi preso na tarde desta sexta-feira (27), após roupar o celular de uma jovem de 23 anos, na esquina das ruas Jaceguai e Deputado Soares Filho, na Tijuca, zona norte do Rio de Janeiro.
De acordo com a Guarda Municipal, o assaltante tentou roubar o celular enquanto a vítima entrava em um ônibus. A jovem, que é atleta da seleção brasileira de futebol americano, resistiu. Mesmo assim, o rapaz conseguiu arrancar o aparelho, mas a confusão despertou a atenção de quem passava pela rua.
Quando tentou fugir, o criminoso acabou sendo detido. Ele foi preso com fita adesiva até a chegada dos guardas municipais, que impediram que o rapaz continuasse sendo linchado em público.
O caso foi registrado na Delegacia da Cidade Nova (6ª DP).
7/04/2012 17:58

Garoto de 15 anos é detido por tráfico de drogas

Quando foi avistado pela Guarda Municipal de Jundiaí ele tentou fingir que trabalhava em uma construçãoREDAÇÃO
Um adolescente de 15 anos foi detido pela Guarda Municipal por tráfico de drogas, no Jardim Novo Horizonte, em Jundiaí, nesta quinta-feira (26). A informção é da TV TEM.
Os guardas faziam um patrulhamento de rotina pelo bairro, quando avistaram o garoto em atitude suspeita. Para disfarçar, o jovem se infiltrou em uma obra próxima e tentou passar por trabalhador, mas foi desmentido por um funcionário.

Em varredura pela área, o cão de faro da equipe do Canil localizou 97 pedras de crack e 35 porções de maconha, que estavam escondidas embaixo de entulhos. O adolescente, então, afirmou que havia chegado da Bahia há cinco dias, que era usuário de drogas e que não tinha emprego.

O menor foi encaminhado ao 5° Distrito Policial de Jundiaí e autuado por ato infracional de tráfico de entorpecentes. Ele foi liberado na presença de um responsável e o caso ficará aos cuidados da Vara da Infância e da Juventude.
ÚLTIMAS NOTÍCIAS
Publicada em 27/04/2012
 
Guarda Municipal de Porto Nacional realizará autuações de trânsito
 
 


A Guarda Municipal de Porto Nacional estará realizando autuações de infrações de trânsito, a partir da próxima semana, de acordo com a lei 9503/97 do CTB – Código de Trânsito Brasileiro.
Conforme o comandante da guarda, Sub Tenente Lira, a data provável para iniciarem as autuações é na próxima quarta-feira, dia 02, devido ao feriado prolongado. Ele esclarece ainda que “o objetivo da fiscalização é promover um trânsito seguro para todos, buscando também promover cidadania para que o espaço público seja um ambiente de convívio onde haja respeito mútuo e menor índice de acidentes”, comenta.
Lira explica que 19 guardas municipais estarão autuando no trânsito de Porto Nacional.
Procedimento de autuação:
•        A guarda municipal vai autuar o infrator de trânsito; 
•        O Departamento Municipal de Trânsito gera a notificação de autuação; 
•        O infrator tem o prazo de 30 dias para apresentar defesa prévia;
•        Após os 30 dias, se o infrator não apresentar a defesa, ou a mesma não for deferida, será gerada a penalidade de multa;
•        O infrator tem ainda um prazo de 30 dias para defesa da penalidade.
SE VOCÊ GM, QUER QUE SEJA PUBLICADO AQUI ALGUMA MATERIA , PODE SER SUA; OU UMA SUGESTAO ,MANDE PRA O MEU E-MAIL- bloggmgo@gmail.com É UMA FORMA DEMOCRATICA DE PARTICIPAREM DO BLOG. QUE É NOSSO E LIVRE!