Cadastre seu Email

terça-feira, 28 de junho de 2011

GPC DE GOIANIA EM AÇÃO

No dia 22 (quarta-feira), às 11h, na Rua 10, do setor Universitário, a equipe ALFA, do GPC, composta pelos GM's: Fabrício Ferreira (chefe), Albert, Wascheles, Patrício, Frazão, D. Fernando e Fabiano foi acionada pela jovem Andreza da Conceição Silva (20), que segundo ela "tinha acabado de ser molestada com gestos obsenos e segurada pelo braço direito", pelo senhor Marcos Ferreira Lima (36). A equipe conseguiu imobilizar o suspeito, onde foi reconhecido pela vítima. O mesmo foi conduzido à Delegacia Especializada de Atendimento à Mulher - DEAM, e enquadrado no Artigo 61, por Importunação Ofensiva ao Pudor. Segundo informações da DEAM, "haviam três meses que a PM estava a procura dele, pois o mesmo já havia mostrado anteriormente uma faca e feito com que a jovem colocasse a mão em sua genitália".

REUNIAO NO PAÇO MUNICIPAL

PREFEITO DE GOIÂNIA TEM REUNIÃO COM A CÚPULA DA POLÍCIA MILITAR, CIVIL E POLÍCIA JUDICIÁRIA Hoje pela manhã, aconteceu uma reunião no Paço Municipal entre o prefeito de Goiânia, Paulo Garcia e o secretário de Segurança Pública de Goiás, João Furtado. O objetivo da reunião foi tratar de assuntos pertinentes a segurança pública da capital e incluir a Guarda Municipal como parceira em várias atividades de combate à criminalidade em Goiânia. Segundo o secretário de Segurança Pública, “entendemos que é dever de todos sucumbir à violência e para isso é necessário contar com o esforço de todos os órgãos de segurança pública, e isso inclui a Guarda Municipal”, disse João Furtado. O prefeito citou que “para a prefeitura de Goiânia esta parceria inaltece a GM e mostra a importância da corporação neste contexto”, comentou Paulo Garcia. Na ocasião foi citado como exemplos de parcerias, alguns exemplos, como: a Campanha contra o Uso do Cerol, o policiamento em conjunto na Feira Hippie. O comandante da Guarda Municipal, João Augusto, ressaltou que “este convite é muito importante à Guarda Municipal e por isso nos colocamos à disposição aos esforços combinados em conjunto com as forças de Segurança Pública no combate à criminalidade em nossa cidade”, concluiu o comandante. Ao final da reunião foi oferecido à GM uma cabine de atendimento no Centro de Operações da Polícia Militar – COPOM, para trabalhar em conjunto com as forças de segurança da capital. COMANDANTES Participaram da reunião além do prefeito e do secretário, o presidente comandante da GM, João Augusto França Neto, o comandante da Polícia Militar, Raimundo Nonato Sobrinho, o comandante do Policiamento da Capital, Sérgio Katayama, o superintendente da Polícia Judiciária, Álvaro Cássio dos Santos, o coronel Carlos Helbingen Júnior, comandante do Corpo de Bombeiros Militar

Guarda Municipal recebe 500 armas da Polícia Civil

100% dos mais de 1,6 mil guardas municipais de Curitiba passam a contar com revólveres entre os equipamentos de segurança Quinhentas armas da Polícia Civil foram entregues para a Guarda Municipal, nesta segunda-feira (27). A entrega dos revólveres calibre 38 aconteceu no Quartel do Comando Geral da Polícia Militar. Com o novo armamento, 100% dos mais de 1,6 mil guardas municipais de Curitiba passam a contar com revólveres entre os equipamentos de segurança. Até então, 60% da corporação trabalhava com o armamento. As armas, que estão em perfeito estado de conservação e prontas para uso, foram repassadas para a Guarda depois que o governador Beto Richa autorizou a aquisição de novas pistolas para a Polícia Civil. A Operação Liberdade, no início de maio, culminou com a prisão de traficantes, fechamento de pontos de venda de drogas e apreensão de mais de 70 quilos de crack na região central de Curitiba. Preparo - Graças às parcerias com o Exército e com as polícias Civil e Militar, a Guarda Municipal tem passado por cursos constantes de aprimoramento no uso de armas. Até o final do ano, mais 500 guardas municipais terão concluído os cursos de capacitação para uso de pistola 380 e da espingarda calibre 12. O curso faz parte da parceria da Secretaria de Defesa Social com a Delegacia de Explosivos, Armas e Munições da Polícia Civil. Para atender a legislação (Estatuto do Desarmamento), o curso tem o total de 100 horas/aula entre exercícios teóricos e práticos. Entre outubro e dezembro de 2010, quatro turmas com 250 guardas já concluíram o curso de pistola. Também no final do ano passado, outros 50 guardas fizeram o curso de capacitação para uso de arma – calibre 12 – com munição não letal, de borracha. Este tipo de armamento é recomendado para controle de grandes aglomerações que podem acabar em tumultos, caso dos estádios de futebol. O curso teve o suporte do 5.º Parque de Regional de Manutenção do Exército.

Motoristas embriagados são detidos pela Guarda Municipal

O primeiro flagrante ocorreu na quinta feira (23), quando uma guarnição da Guarda Municipal fazia rondas, pela Avenida Joaquim T. Alves quando no cruzamento com a rua Quintino Bocaiúva presenciou E.R.A de 28 anos, morador no bairro Altos do Indaiá realizando manobras perigosas “ Cavalo de Pau” com o veículo Ford Ka, placas NHR-4509. Na abordagem o condutor apresentava visíveis sinais de embriaguez e recusou-se a realizar o teste de alcoolemia. O veiculo foi encaminhado ao DETRAN e o acusado recolhida a Delegacia Policial. O segundo flagrante ocorreu no domingo (26) por volta das 01h na Vila Industrial. Uma equipe da GMD abordou M.S.L de 29 anos, conduzindo o veículo VW Passat, placas AFV – 5306 de Rosana-SP. Na averiguação os GMs constataram que o condutor estava visivelmente embriagado, além de estar com a CNH vencida e o documento do veículo atrasado. O condutor realizou o teste de alcoolemia sendo reprovado com o resultado verificado de 0,61 mg/l. O veículo foi removido ao pátio do DETRAN e o jovem encaminhado a Delegacia de Policia

Beto Richa entrega 500 armas para a Guarda Municipal de Curitiba

governador Beto Richa entregou ao prefeito de Curitiba, Luciano Ducci, nesta segunda-feira, quinhentas armas da Polícia Civil do Paraná para uso da Guarda Municipal. Na solenidade, realizada no quartel geral da Polícia Militar do Paraná, Beto Richa reforçou a importância das parcerias entre as esferas de governo para garantir o bem estar e a segurança das famílias. Segundo o governador as parcerias, o diálogo e a união de esforços são ações constantes nesse novo modelo de governar.// SONORA BETO RICHA Para o prefeito Luciano Ducci, este é mais um fruto da parceria da Prefeitura de Curitiba com o Governo do Estado. De acordo com ele, ações conjuntas geram bons resultados de combate a criminalidade.// SONORA LUCIANO DUCCI As armas estão em perfeito estado de conservação e prontas para uso. Foram repassadas para a Guarda Municipal depois que o governador autorizou a aquisição de novas pistolas para a Polícia Civil. De acordo com a prefeitura de Curitiba, agora todos os mais de 1.600 guardas municipais passam a contar com revólveres entre os equipamentos de segurança. Até então, 60% da corporação tinha o armamento à disposição para trabalhar.// (Repórter: Juliane Silva) -

Limite de idade nas Forças Armadas deverá ser fixado por lei, diz STF

A partir de 2012, restrição só valerá após votação de lei pelo Congresso. Tribunal assegurou a quem entrou na Justiça o direito de assumir a vaga O Supremo Tribunal Federal (STF), por votação unânime, reconheceu na quarta-feira (9) a exigência constitucional de uma lei que fixe o limite de idade para ingresso nas Forças Armadas. Mas, como o Congresso Nacional ainda não votou norma sobre o assunto, a Corte decidiu validar, até 31 de dezembro deste ano, todas as admissões ocorridas em função de regulamentos e editais que, até agora, vinham estabelecendo as condições para ingresso nas diversas carreiras militares, entre elas o limite de idade. Mas, a partir de janeiro de 2012, o limite de idade só será aceito nas Forças Armadas após a votação de uma lei que fixe o limite pelo Congresso. As informações são do site do STF. O STF decidiu ainda assegurar aos candidatos que ingressaram na Justiça contra o limite de idade e que passaram nos concursos o direito de assumir a vaga. A decisão foi tomada no julgamento do recurso extraordinário, interposto pela União contra acórdão do Tribunal Regional Federal da 4ª Região, sediado em Porto Alegre (RS), que considerou contrária à Constituição Federal de 1988 regra de edital que limitou em 24 anos a idade para ingresso nas Forças Armadas. Essa decisão favoreceu um candidato que pediu anulação da cláusula do edital para assegurar sua inscrição no curso de formação de sargentos do Exército 2008/2009. Houve unanimidade no reconhecimento de que o artigo 10 do Estatuto dos Militares (Lei 6.680, de 1980), uma norma pré-constitucional que admitia que regulamentos da Marinha, do Exército e da Aeronáutica fixassem requisitos para ingresso nas Forças Armadas, não foi recepcionado pela Constituição de 1988. Em seu artigo 142, parágrafo 3º, inciso X, a Constituição remete a fixação do critério da idade a uma lei a ser votada pelo Congresso Nacional
SE VOCÊ GM, QUER QUE SEJA PUBLICADO AQUI ALGUMA MATERIA , PODE SER SUA; OU UMA SUGESTAO ,MANDE PRA O MEU E-MAIL- bloggmgo@gmail.com É UMA FORMA DEMOCRATICA DE PARTICIPAREM DO BLOG. QUE É NOSSO E LIVRE!