Cadastre seu Email

quinta-feira, 29 de setembro de 2011

GM NO `´O HOJE´´

quarta-feira, 28 de setembro de 2011

GM ARMADA COMENTARIO DE UM DELEGADO DE POLICIA


terça-feira, 27 de setembro de 2011

HOMEM BATE EM MULHER 27-09-2011

GUARDA MUNICIPAL PRENDE ACUSADOS 27-09-2011

Guarda Municipal vira quintal de desmandos de PM reformados

Ex-policiais reformados que exercem cargos de confiança usam o órgão para privilegiar parentes e amigos, direcionar contratos e beneficiar fundação de assistência social da PM

Sede da Guarda Municipal na avenida dos Andradas, onde trabalha a maior parte dos militares reformados


Instituição civil com orçamento de R$ 83 milhões, a Guarda Municipal de Belo Horizonte virou um quintal de militares reformados da PM mineira, acusados de direcionar contratos, empregar parentes e vigiar subordinados com escutas clandestinas. Aposentados, mas ainda em idade produtiva, pelo menos 20 ex-policiais ganharam cargos de livre nomeação no órgão e, alçados a postos de comando, importaram regras de sua corporação de origem, além de assegurar privilégios a colegas e familiares. As irregularidades são investigadas pelo Ministério Público de Minas Gerais (MPMG), que cobra explicações à prefeitura.


O caso foi denunciado por comissão especial da Câmara Municipal , que concluiu relatório sobre o esquema montado pelos militares. Uma das principais beneficiadas é a Fundação Guimarães Rosa, criada pela Ação Feminina de Assistência Social da Polícia Militar, que obteve, sem licitação, pelo menos nove contratos da Secretaria Municipal de Segurança Urbana e Patrimonial (SMSEG). Responsável pela guarda, a secretaria é comandada pelo ex-policial Genedempsey Bicalho Cruz. Os contratos, que totalizam R$ 13.043.843,07, previam a organização de concurso público, capacitação dos guardas e prestação de serviços técnicos.

As investigações da Câmara concluíram que os militares da guarda atuavam dos dois lados do balcão. Pelo menos dois conselheiros da Fundação Guimarães Rosa (FGR) ocupavam, ao mesmo tempo, cargos na guarda: o atual corregedor, Roberto Rezende, e o coronel José Martinho Teixeira, então comandante. Rezende já era nomeado na secretaria quando a instituição assinou contrato com a FGR, da qual era também conselheiro, em 24 de maio de 2004, de R$ 290.801,39, para seleção, treinamento e capacitação de 180 guardas. Já Martinho comandava a guarda, quando a fundação foi novamente contratada, por R$ 539.329,92, para “prestações de serviços técnicos”, em 16 de julho de 2008.

Outras irregularidades envolveriam também a Fundação Guimarães Rosa. Contratada pela secretaria para ministrar um curso de reciclagem dos guardas municipais, a instituição passou a tarefa para a academia Buto K Dojo, pertencente a um militar reformado, no Bairro Prado, na Região Oeste da capital. “Qualquer rápido estudo que se faça sobre a Lei 8.666/93 – Lei das Licitações – constata-se que a empresa contratada tem de ter capacidade de executar, com sua própria estrutura e de acordo com suas competências, o objeto do contrato”, registra trecho do relatório assinado pela vereadora Elaine Matozinhos (PTB).

Documentos Segundo relatório da Câmara, quando os primeiros contratos foram assinados a Fundação Guimarães Rosa não tinha alvará de funcionamento e localização e não era "sequer declarada de utilidade pública". “Claro parece ficar a violação aos princípios constitucionais da legalidade, impessoalidade, igualdade, moralidade e eficiência", aponta o relatório. Os vereadores reclamaram ainda sobre a dificuldade em obter documentos sobre os contratos entre a Guarda Municipal e a Fundação Guimarães Rosa junto à Prefeitura de Belo Horizonte.

Mesma reclamação feita pelo Ministério Público. Na última quinta-feira, o promotor João Medeiros encaminhou nova solicitação de documentos que tragam o procedimento administrativo que culminou na dispensa de licitação para os contratos. "É preciso que a prefeitura explique por que não houve a licitação para os contratos", justificou o promotor. O primeiro pedido foi enviado em 1º de julho, quando a prefeitura solicitou um prazo maior para prestar as informações. Dois meses já se passaram e ainda não houve qualquer resposta.

"As informações que estou pedindo já foram postergadas uma vez, mas prefiro acreditar que seja por causa do acúmulo de requisições que a prefeitura recebe", afirmou João Medeiros. Desta vez o pedido é para entrega imediata dos documentos. Um descumprimento por parte da prefeitura pode sujeitar o prefeito Marcio Lacerda a responder a um inquérito civil público.

Pai de garoto que se matou pode receber perdão judicial

FOLHA.COM 24/09/2011 09h30




A delegada Lucy Mastellini Fernandes disse na sexta-feira (16) que ainda não sabe o que fará em relação ao guarda-civil municipal Milton Evangelista Nogueira, 42 --pai de D., 10, que atirou em uma professora e se matou em seguida dentro de uma escola em São Caetano do Sul, na quinta-feira (22).



Ela afirma que Nogueira pode ser indiciado sob a suspeita de negligência ou omissão na guarda de arma de fogo, mas ainda não está certa disso.



"Esse pai já está sofrendo muito. Preciso analisar o Estatuto do Desarmamento e estudar o que poderá ser feito contra ele. Se é que será feito alguma coisa", afirmou.



Futuramente, quando o inquérito policial chegar a um juiz, Nogueira poderá receber o perdão judicial, que é quando o Judiciário reconhece que aconteceu um crime, mas que as consequências dele foram tão severas que não é necessário aplicar uma pena.



É o mesmo procedimento que costuma ocorrer nos casos em que um pai esquece um bebê dentro de um carro e ele morre. Ou seja, a perda de um filho é maior do que a privação de liberdade ou qualquer outra punição que a Justiça possa determinar ao acusado pela morte.



À polícia familiares e amigos do guarda-civil Nogueira disseram que ele é uma pessoa conciliadora e que dialoga muito com seus filhos -além do menino de dez anos, o casal tem outro filho, de 14 anos de idade.



Arma escondida



Sabendo do perigo em possuir uma arma em casa, ele sempre dizia aos garotos que, se tivessem curiosidade em ver o revólver, deveria procurá-lo que ele mostraria.



A arma particular ficava guardada em uma caixa de papelão na parte alta de um armário no quarto do casal.



Na Guarda Municipal, Nogueira não teve nenhuma advertência oficial. O secretário municipal de Segurança, Moacir Rodrigues, disse que ele tem uma carreira exemplar.



Nas horas de folga, o guarda fazia bico como vigilante em uma lanchonete de São Caetano. Era lá que ele usava esse revólver particular.

Arma do futuro poderia ter salvo a vida de Davi e evitado tragédia

Pistola só dispara depois que o sistema de radiofrequência identifica um chip implantado na mão do proprietário do artefato
Se a arma do guarda municipal Milton Evangelista Nogueira só pudesse ter sido disparada ao toque de sua mão, talvez seu filho Davi, de 10 anos, não tivesse conseguido cometer suicídio ou balear a professora Rosileide Queiros de Oliveira, de 38, dentro da melhor escola pública do estado, em São Caetano do Sul, no ABC, na última quinta-feira. Parece utópico, mas um protótipo desta arma do futuro já foi desenvolvido em São Paulo. E funciona.




O pesquisador Mário Gazziro, do ICMC (Instituto de Ciencias Matemáticas de Computação) da USP (Universidade de São Paulo), em São Carlos, a 255 quilômetros da capital, desenvolveu um sistema de radiofrequência que bloqueia armamentos que não forem usados por seus proprietários. Para ser identificado, o dono da arma tem de implantar um chip sob a pele da mão.



Clique na imagem para ampliá-la



Gazziro foi cobaia de sua própria experiência e hoje tem um chip subcutâneo (do tamanho de um grão de arroz) na mão (veja foto). "Ele é envolto em vidro e revestido de um polímero. Depois, é introduzido na pele com uma agulha de seringa. Não tem contraindicação e é rápido", revelou. "O teste de bloqueio foi feito em uma pistola e é possível realizar em outras armas", garantiu.



Uma das justificativas para a criação do invento é a de preservar vidas de crianças e adolescentes, evitando acidentes domésticos com armas, ou que alguém não habilitado utilize o artefato, justamente como na tragédia de quinta-feira da escola Alcina Dantas Feijão.



O protótipo já teve interesse da polícia de Belo Horizonte (MG). O pesquisador explicou que o chip subcutâneo também pode rastrear hora, dia e autor do disparo da arma, em caso de ser adquirida pelas polícias brasileiras. "Facilitaria o controle e fiscalização", afirmou.



Uma antena foi instalada no cabo da pistola para fazer captação do sinal do chip. "Desenvolvemos o sistema baseado em radiofrequência, a mesma tecnologia usada em bilhetes de ônibus e metrô", disse. A distância para o reconhecimento do chip é de 5 cm.



Filme de ficção 'Distrito 9' inspirou o pesquisador da USP

O professor Mário Gazziro revelou que sua inspiração para iniciar o projeto da "arma inteligente", como a batizou, foi o filme de ficção científica "Distrito 9". A trama conta a história de extraterrestres que aterrisam no Planeta Terra e ficam isolados em uma favela, nas proximidades de Joanesburgo, na África do Sul. Humanos descobrem o segredo sobre o poderio bélico dos alienígenas: suas armas só podem ser ativadas pelo próprio dono, numa relação direta com o DNA de seu usuário não humano.



Gazziro admite que a sua criação, de fato, foi a antena, instalada no cabo da pistola. "O resto da tecnologia já existia no mundo. A gente não patenteou a ideia e, portanto, qualquer fabricante interessado poderá produzir a arma inteligente", adiantou. Gazziro revela, entretanto, que a arma do futuro não é à prova de sabotagem. "Se o criminoso abrir a arma, ele pode desativar o sistema", afirmou. "Uma alavanca elétrica móvel, conhecida como silenóide, é que vai permitir ou não o acionamento do cão (dispositivo da arma responsável pelo disparo do tiro). Se a silenóide for arrancada, não haverá necessidade de leitura do chip", explicou o especialista da USP. "A menos que a arma seja blindada", ressalvou.



Associação de PMs aprova tecnologia

O presidente da Associação de Assistência Social dos Policiais Militares de São Paulo, tenente Dirceu Cardoso,

diz que uma arma assim pode evitar problemas que uma convencional não conseguiria.



Evitar acidentes é ponto alto do modelo. Para o oficial, a possibilidade de evitar acidentes com crianças

e adolescentes é o ponto alto do protótipo.



Sempre há ressalvas às engenhocas

Porém, ele ressalta que, além de treinamento, não se pode esquecer do fator humano: as artimanhas criminosas para driblar a lei e o avanço das atividades das polícias.

Glock 17 Explosive Ammo!

SHOOTING WHILE PEPPER SPRAYED

Audiência pública discute o importante papel das Guardas Municipais da Bahia

Irmãos (as) de farda,


Esta será a primeira audiência pública realizada, na capital Baiana,

na Assembléia Legislativa tratando do assunto Guarda Municipal..

Entre os momentos mais esperados, será o pronunciamento do

secretario de segurança pública , falando sobre o tema “Papel

da Guardas Municipais nas Políticas Pública de Segurança” .

É importante apresentarmos bem nossos projetos

para torná-los públicos.

Promoveremos um impacto imediato sobre a regulamentação

das atividades e a ampliação de competência das Guardas

Municipais , estamos cada vez mais mobilizados e organizados,

com o objetivo principal de promover a discussão perante a

opinião pública pela o importante papel das Guardas

Municipais na segurança pública

Será entregue ao Governo do Estado a Carta de Mobilização pela

regulamentação das atividades das Guardas municipais, e o

documento contendo informações sobre o balanço da atual

situação das Guardas Municipais de todos o estado.

Tenho plena certeza de que daremos um Show , a participação

de todos é fundamental

Temas:

1. Atual situação das Guardas Municipais da Bahia .

2. Criação do conselho estadual das Guardas Municipais da Bahia

3. Prisão especial para Guardas Municipais

Abraço a todos,







GM - Ubirajara Azevedo

Guarda Municipal de Salvador



Salto: Polícia apreende 13kg de cocaína

[Blog do Guarda Municipal de Tubarão] Guarda Municipal: armamento próximo de ser autorizado

A lei que altera o regime jurídico da Guarda Municipal de Tubarão, de celetista para estatutário, será sancionada pelo prefeito interino, Pepê Collaço, na Secretaria de Segurança e Patrimônio da Prefeitura.


O projeto foi aprovado por unanimidade na última segunda-feira, na câmara de vereadores. Este era o último requisito que faltava para a Polícia Federal expedir o porte de armas aos servidores. “No início da semana, irei a Florianópolis protocolar a documentação. Daí, daremos os próximos passos. Não temos como dar uma previsão certa, mas está perto de nossos guardas usarem as armas”, afirmou o secretário de segurança e patrimônio da prefeitura, Carlos Eduardo de Bona Portão, o Preto.

A expectativa é que, após esta etapa, uma vistoria seja programada pela Polícia Federal para analisar as instalações físicas da secretaria. Algumas adaptações são feitas, como medidas de proteção. Um dos ambientes foi transformado em sala-cofre (para armazenar armas e munições), o muro é reformado, pois será mais alto e, futuramente, a intenção é instalar câmeras de monitoramento.

Quanto às armas, alguns procedimentos serão tomados. “Iremos cautelar as armas e elas permanecerão sob os cuidados e manutenção de cada um, a exemplo dos coletes balísticos”, informou o secretário.

Fonte-Notisul.

stf começa a entender sobre gm no transito



Supremo Tribunal Federal




Segunda, 19 de setembro de 2011



.



O recurso foi proposto pelo Município do Rio de Janeiro contra decisão do Tribunal de Justiça do estado (TJ-RJj), que considerou não ser atribuição da guarda municipal a aplicação de multas de trânsito, tendo em vista o disposto no artigo 144, parágrafo 8º, da Constituição Federal






Para o TJ-RJ, os municípios não têm poder de polícia de segurança pública e, por conseguinte, as autuações de trânsito lavradas pelos guardas municipais cariocas são nulas de pleno direito






O município sustenta que a segurança e a fiscalização do trânsito incluem-se no chamado “interesse local”, artigo 30, inciso I, da Constituição. “Compete aos municípios legislar sobre assuntos de interesse local”






“Para o ministro, vale notar a circunstância de a atuação da guarda municipal no trânsito extravasar os interesses do Município do Rio de Janeiro, alcançando tantos outros que a mantêm na atividade”





.



sexta-feira, 23 de setembro de 2011

Guarda Municipal vai entrar em greve nesta sexta-feira

A Guarda Municipal vai entrar em greve à 0h desta sexta-feira (23). A informação foi confirmada nesta quinta-feira (22) pelo presidente do Sisguario (Sindicato dos Servidores da Guarda Municipal do Rio de Janeiro), Rogério Chagas. Eles reivindicam melhores condições de trabalho, o aumento do piso salarial de R$ 652 para R$ 1.200 e de 50% do adicional de risco, além da reestruturação do plano de carreira e do investimento nas 15 inspetorias do órgão no Rio.




Segundo Chagas, a situação é caótica, principalmente, na 6ª inspetoria de Madureira.



- Há 20 anos que não se prega um prego lá. A situação está caótica. Estamos reivindicando melhores condições de trabalho há seis meses e nada foi feito. Na 6ª inspetoria de Madureira, por exemplo, os trabalhadores têm reclamado de uma obra da Transcarioca que passa dentro da inspetoria e tem muito foco do mosquito da dengue.



Ainda de acordo com o presidente do Sisguario, durante o período da paralisação, o sindicato vai manter 30% do efetivo da Guarda Municipal para os eventos da cidade.



- Não temos o objetivo de prejudicar nenhum evento da cidade. Vamos cumprir a lei, mantendo o efetivo que devemos manter.

Sessão da Câmara | Segurança | GM | Tubarão - SC | 2011

Módulos da Guarda Municipal estão quase prontos

Os módulos da Guarda Municipal da praça central, praça do Tayrá, praça da Bíblia e do Tupy estão em reforma Foto: Carlos Poly/ACS







A reforma e a blindagem dos módulos da Guarda Municipal de Araucária (GMA) localizados na praça central, praça do Tayrá, praça da Bíblia e do Tupy que estão sendo realizadas estão prestes a serem finalizadas.






Os módulos passaram por uma reforma geral, incluindo reparos de fiação elétrica, melhorias estruturais e de pintura. A próxima etapa prevista para a empresa que está trabalhando nas obras é a blindagem dos locais, que será seguida dos acabamentos finais.






A Secretaria Municipal de Segurança Pública (SMSP) tem a previsão que ainda este ano os locais já estejam adequados para receber os guardas municipais, trazendo mais recursos para a categoria.






“Será um reforço para os profissionais, uma base a mais para atuarem nesses locais de grande circulação de pessoas. A descentralização ajuda a ter uma equipe mais próxima da população e pode inibir algumas situações de risco e de criminalidade nessas regiões”, comenta o diretor da SMSP, Adair Milani.









PREFEITURA DE GOIÂNIA


GABINETE DO PREFEITO
LEI Nº 8926, DE 07 DE JULHO DE 2010.


Concede revisão geral de remuneração

aos servidores públicos municipais, na

forma que especifica e dá outras

providências.

A CÂMARA MUNICIPAL DE GOIÂNIA APROVA E EU SANCIONO

A SEGUINTE LEI:
 
Art. 8º Fica instituído o Regime Especial de Trabalho Policial – RETP para os


ocupantes dos cargos efetivos de Guarda Municipal e Inspetor da Guarda Municipal, caracterizando-se

pelo efetivo cumprimento diuturnamente das atribuições do cargo, sem qualquer lapso de tempo,

inclusive em locais de difícil acesso, prestação de serviço em finais de semana e feriados, plantões

noturnos e outros, assim como pela sujeição a trabalho perigoso, insalubre e de risco da vida, em

horário e lotação definidos pelo Presidente Comandante da Agência da Guarda Municipal de Goiânia.

Art. 9º O servidor em Regime Especial de Trabalho Policial – RETP perceberá

Adicional na proporção de 100% (cem por cento) sobre o seu Padrão de Vencimento, desde que


cumprida a jornada de trabalho de 180 (cento e oitenta) horas mensais prevista para o cargo, conforme


Anexo I, da Lei nº 8.623/2008.

Parágrafo único. Do percentual estabelecido neste artigo, 70% (setenta por cento),

será pago a partir de 1º de julho de 2010, 80% (oitenta por cento), a partir de 1º de janeiro de 2011 e

100% (cem por cento), a partir de 1º de outubro de 2011.

Art. 10. O Adicional pelo Regime Especial de Trabalho Policial – RETP é

inacumulável com o Adicional de Insalubridade ou Periculosidade ou com qualquer outra vantagem

decorrente de jornada ou regime especial de trabalho.

GM NO O HOJE

PROGRESSÃO HORIZONTAL

A Divisão de Expediente e Despacho da AGMGO, informa aos servidores da Guarda Municipal que tem direito à Progressão Horizontal, que é necessário abertura de processo no Protocolo da AGMGO.


Informa ainda que é necessário cópia de documento com foto ( Habilitação, Funcional da AGMGO ou RG).



Mais informações: 3524 8661- Ramal 2

quarta-feira, 21 de setembro de 2011


A justiça vai decidir se os guardas municipais podem ou não aplicar multas de trânsito. Na sua opinião, os guardas municipais devem ter o poder de aplicar multas?

O Supremo Tribunal Federal (STF) vai decidir se os guardas civis municipais podem aplicar multas de trânsito. Os guardas têm atribuições destinadas à proteção dos bens da população, serviços e instalações, conforme dispuser a lei. Você acha que os guardas municipais devem ter o poder de aplicar multas? Vote.

Sim
94%
< td>
Não
6%
 VOTEM AJUDE A MELHORAR NOSSA PARTICIPAÇÃO NA ENQUETE DO SITE DO 

http://noticias.r7.com/jornal-da-record-news/enquete/a-justica-vai-decidir-se-os-guardas-municipais-podem-ou-nao-aplicar-multas-de-transito-na-sua-opiniao-os-guardas-municipais-devem-ter-o-poder-de-aplicar-multas/

segunda-feira, 19 de setembro de 2011

Decisão STF - TRÂNSITO


Agora se resolve de uma vez por todas

STF vai decidir se guardas municipais podem também aplicar multas de trânsito

Jornal do Brasil

Brasília

+A-AImprimir

PUBLICIDADE





O Supremo Tribunal Federal vai decidir, de uma vez por todas, se guardas municipais têm competência para aplicar multas de trânsito. A controvérsia foi reconhecida como de “repercussão geral” pelo plenário virtual do STF, por proposta do ministro Marco Aurélio, relator de um recurso extraordinário do Município do Rio de Janeiro contra decisão do Tribunal de Justiça estadual, que decidiu não ser atribuição das guardas municipais a fiscalização do trânsito, mas tão somente a “proteção” dos “bens, serviços e instalações” dos municípios (Artigo 144 da Constituição Federal, parágrafo 8º).



Ao entender que o tema “está a merecer o crivo do Supremo”, Marco Aurélio afirmou: “Está-se diante de controvérsia a envolver a Constituição Federal, cumprindo ao Supremo definir o alcance que lhe é próprio. Vale notar a circunstância de a atuação da guarda municipal no trânsito extravasar os interesses do Município do Rio de Janeiro, alcançando tantos outros que a mantêm na atividade”.



No recurso extraordinário ao STF, ajuizado em março último, a Prefeitura do Rio de Janeiro sustenta que a segurança e a fiscalização do trânsito incluem-se no chamado “interesse local”, previsto no artigo 30, inciso 1 da Constituição. Conforme tal dispositivo, “compete aos municípios legislar sobre assuntos de interesse local”.



A advogada do Rio de Janeiro, Marcia Vieira Marx Andrade, também dá ênfase à importância do pronunciamento do STF sobre a questão nos âmbitos social, político e jurídico, “haja vista estar em jogo a autonomia municipal e a possibilidade de desautorizar-se a polícia de trânsito local e, com isso, permitir-se a impunidade de um sem-número de motoristas”.

Viatura da Guarda Municipal de Goiânia é Alvejada

domingo, 18 de setembro de 2011

Quadrilha é presa em Cosmópolis acusada de tráfico de drogas - 2004/2011...

Quadrilha ameaçava GMs em Cosmópolis

Traficantes reagem e são baleados pelo GAT no Jd. Ypê Pinheiros .wmv

Canil da Guarda Civil Municipal de SCS, trabalho de cão guia

Canil da Guarda Civil Municipal de São Caetano do Sul

lha Solteira - SP A Guarda Municipal foi solicitada no dia 31/08/2011 as 16:10 min pela vítima S.J.O.C que é funcionário de um estabelecimento comercial "farmácia" informando que o autor C.A.F (31), chegou na farmácia e ficou olhando os produtos, sempre disfarçando, como se quisesse comprar alguma coisa, porém os funcionários ficaram de olho, pois se tratava de uma pessoa com atitudes estranhas, porém assim que o autor saiu da farmácia, foi constatado a ausência de uma loção pós barba, o funcionário acompanhou o autor e nas proximidades do passeio cabo viela de 100, solicitou o apoio da Viatura da Guarda Municipal que estava em rondas pelas proximidades composta pelo GM Renato e GM Roberto que em revista ao autor foi constatado que a loção pós barba estava com ele e o mesmo estava tentando vende-la. O autor que é operário hospedado em alojamento de empresa na cidade de Selvíria - MS, foi conduzido até a delegacia de Polícia Civil onde foi lavrado o Boletim de Ocorrência de natureza Furto (artigo 155) e em seguida foi liberado. Após quatro dias, o mesmo meliante cometeu outro crime na cidade de Selvíria - MS a quinze quilômetros da cidade de Ilha Solteira - SP, conforme publicação abaixo do Jornal Folha da Ilha. Fonte: Departamento Municipal de Segurança e Trânsito

sexta-feira, 16 de setembro de 2011

Guardas municipais fazem marcha pela regulamentação profissional

Cerca de 400 guardas municipais se reúnem na manhã desta sexta-feira (16) na Praça do Rádio Clube, em Campo Grande, para realizar a Marcha Azul Marinho. A manifestação tem o objetivo de conscientizar os políticos e a população sobre a importância da aprovação da PEC 534, que aumenta as atribuições da guarda municipal, fazendo com que os mesmos possam garantir de maneira mais efetiva a segurança das pessoas e patrimônios públicos. Os guardas também aproveitam o momento para solicitar mais investimentos, pedindo para que os prefeitos olhem melhor para a categoria e verifique se o salário é compatível com o trabalho realizado. Hoje, a guarda municipal de Campo Grande conta com um efetivo de 1.200 soldados. Na Capital a segurança ainda não é municipalizada e os guardas atendem as ocorrências e solicitam a presença da Polícia Militar. Atualmente, os guardas trabalham apenas com cassetetes. Entretanto, o Classe Distinta da Guarda Municipal de São Paulo, Maurício Naval, explica que o porte de arma é autorizado por uma lei de 2003. Porém, os mesmos ainda não andam armado por conta da falta de treinamento.

quinta-feira, 15 de setembro de 2011

A Condor apresentou em recente feira da Fundação de Amparo à Pesquisa do Estado do Rio de Janeiro (Faperj), no Museu de Arte Moderna, suas mais novas tecnologias e que em breve estarão no mercado à disposição das forças de segurança: uma arma de choque e uma pistola 9mm que dispara munição de borracha – projetos inéditos no Brasil. Além disso, a empresa começa a produzir, em dois meses, a matéria-prima do gás CS usado em equipamentos como granadas lacrimogêneas. É a nacionalização da produção do ortoclorobenzalmanonitrilo, substância estratégica para a área de segurança pública. Até então, a produção do insumo era exclusividade de EUA, França e China. O projeto foi desenvolvido com o apoio da Faperj e vai baratear, consideravelmente, os custos de produção. O estande da Condor foi um dos mais procurados, em função das novidades na área de segurança pública. Afinal, trata-se de uma empresa brasileira que investe em ciência e tecnologia a fim de criar produtos cada vez melhores. Dessa forma, reafirma seu posicionamento de vanguarda na concepção de tecnologias não letais, buscando incansavelmente a excelência em seus serviços – é dona de um portfólio com mais de 150 produtos reconhecidos mundialmente por sua qualidade.
http://www.condornaoletal.com.br/index.php?option=com_content&task=view&id=236&Itemid=32

quarta-feira, 14 de setembro de 2011

Guarda Municipal de Ilha Solteira apoia Polícia Civil em Mandado de Busca e Apreensão

Ilha Solteira -SP A Guarda Municipal foi solicitada no dia 31/08/2011 as 16:04 min pelo Delegado de Polícia Civil Drº Miguel Ângelo Micas para dar apoio a um mandado de busca e apreensão na Rua São Luiz viela de 100, onde havia denúncia de produtos de furto guardados dentro na residência. No local foram feitas várias vistorias sendo encontrados alguns produtos que foram recolhidos para averiguação pela Polícia Civil. Participaram da diligência o GM Santos, GM Gevanildo, GM Hércules, GM Rose, GM Moacyr, GM Francisco, Assessor Akira e a equipe de Investigadores da Polícia Civil, sendo todo procedimento coordenado pelo Delegado de Polícia Drº Miguel Ângelo Micas. Fonte: Departamento Municipal de Segurança e Trânsito.

gm de ilha bela escolta presas

Ilha Solteira - SP A Guarda Municipal foi solicitada no dia 05/09/2011 as 18:10 min, pelo Delegado de Polícia Civil Drº Miguel Ângelo Micas para dar apoio na Escolta de 18 (dezoito) presas que estavam na Cadeia Pública de Ilha Solteira para serem transferidas para a Cadeia Pública de Guaraçaí. As presas foram conduzidas em um ônibus da prefeitura municipal, sendo acompanhadas na parte interna pela equipe da Guarda Municipal GM André, GM Cristofoli, GM Francisco, GM Marilza e pela Carcereira Creusa. Durante o percurso duas Viaturas da Polícia Civil efetuaram o acompanhamento até o destino final. No local as presas foram apresentadas ao responsável pela Cadeia Pública de Guaraçaí que tomou as demais providências de praxe. Durante o deslocamento não houve nenhuma alteração. Fonte: Departamento Municipal de Segurança e Trânsito. nosso blog - gcmilhasolteira.blogspot.com

PROGRAMA PRAÇA DA PAZ GM GOIANIA

MULHER AGREDIDA EM GOIANIA E POPULAÇÃO CHAMA GM

http://youtu.be/yOyCkHlWky8

segunda-feira, 12 de setembro de 2011

LIMITE DE IDADE NAS FORÇAS ARMADAS EM 2012

22 de fevereiro de 2011 Por Blog Aprova Concursos 165 Comentários O Supremo Tribunal Federal (STF) decidiu recentemente que, a partir de janeiro de 2012, as Forças Armadas não poderão mais exigir, em edital, limite de idade para admissão em concurso. Órgãos como Exército, Marinha e Aeronáutica, que costumam convocar candidatos entre 16 e 24 anos, dependendo do cargo, serão obrigados a contratar os candidatos aprovados, independente da idade que eles possuam. Os ministros entenderam, por unanimidade, que a imposição de limite idade por intermédio de ato administrativo é inconstitucional , uma vez que a Constituição determina que só uma lei pode fazer isso. Além de inconstitucional, o limite de idade por meio de edital esbarra na súmula 14, vinculante do STF, a qual determina que “não é admissível por ato administrativo restringir em razão da idade inscrição em concurso para cargo público”. Quem entrou na Justiça contestando o limite de idade nos concursos das Forças Armadas terá esse direito assegurado, afirmaram os ministros. Fonte: Agência Brasil

sábado, 10 de setembro de 2011

OPERAÇÃO RESTAURAÇÃO GM E PM

Na madrugada de sexta – feira, por volta de 05h00min, a PM em operação conjunta, com efetivo de 3 viaturas do RPMON, 2 viaturas do Batalhão Escolar, 4 viaturas do 1º BPM, 13 viaturas do 9º BPM, e um ônibus do Batalhão de Choque, num total de cerca de 48 policiais, com apoio de 3 viaturas da guarda municipal e 3 educadores da SEMMA, realizaram uma operação denominada RESTAURAÇÃO, afim de retirar usuários e traficantes de drogas da área Central. A referida operação aconteceu pelas ruas do Centro onde se reuniam usuários e traficantes, pela Praça do Trabalhador, e Hotel Sagrada Família. Foram abordados cerca de 60 pessoas, dentre eles 14 mulheres, todos viciados em drogas ou álcool, que se reunião ao longo da madrugada usando álcool, drogas,e cometendo delitos como roubo e furtos. Foram apreendidos 1 pedra de crack com cerca de 100 gramas, várias pedras de crack em pequenas porções, 1 toca cd produto de furto, 4 aparelhos celulares, vários cachimbos para uso do crack, uma faca e outros materiais. Dentre os abordados 9 possuíam mandado de prisão em aberto, alguns de outros estados como, São Paulo, Sergipe e Piauí. Foram encaminhados à Delegacia de Capturas. Todos foram encaminhados ao Gabinete de identificação,e ali mesmo eram identificados, registrados, e submetidos a uma consulta com orientadores da SEMMA, afim de oferecer tratamento para que os viciados em drogas e álcool, abandonem o vício. Porém apenas 4 pessoas concordaram em receber apoio e foram encaminhados para tratamento. Através de operações como esta, a PM demonstra que está empenhada na captura de infratoras da lei, e na retirada de usuários de drogas das ruas, e ainda desempenha um importantíssimo papel social, de oferecer àqueles que querem abandonar o vício, uma orientação e encaminhamento, para que estas pessoas estejam livres desse mal que vem devastando toda uma geração e destruindo milhares de famílias. Fonte: Cap Heloísa - 1º BPM Plantão CPC: Hiram Gomes

Guarda Municipal em Parceria com PM na Praça

Guarda Municipal em Parceria com PM na Praça

terça-feira, 6 de setembro de 2011

gm de jose de freitas piaui Polícia prende acusados de assassinato em José de Freitas

A Polícia Militar e a Guarda Municipal prenderam na tarde desta segunda-feira (05), quatro elementos acusados do assassinato do desempregado Carlos Augusto Nonato, crime ocorrido no último domingo (04), no bairro Santa Luzia em José de Freitas. Os acusados foram identificados como sendo: Fabrício Alves da Silva, vulgo Dirrinha (autor dos disparos); Fabiano Alves da Silva, vulgo Novim; Flávio Vieira Gomes e Marcelo Loló. Um revolver calibre 32, que foi usado pra cometer o crime, foi encontrado em posse dos meliantes. Os autores do assassinato foram encontrados em uma residência, na Rua José Candido Gayoso, no lugar conhecido como Favela. Os elementos foram conduzidos para a Central de Flagrantes em Teresina, onde foram autuados por homicídio.

Patrulhamento no centro do Rio será

A Guarda Municipal do Rio de Janeiro ganhou um reforço para melhorar sua atuação no centro da cidade. Agora os agentes vão trabalhar com 30 bicicletas, 15 carros e três motos no bairro. O comandante da Guarda Municipal, Coronel Lima Castro, esclareceu que além desse equipamento, que vai facilitar a atuação dos guardas e a circulação no trânsito da cidade, os agentes também vão usar smartphones para registrar problemas no bairro. - Por exemplo, ele se depara com uma lâmpada que está queimada, se depara com uma poda de árvore que não foi feita, com um buraco, ele vai ter um smartphone e com esse smartphone ele fotografa, aciona uma central, que manda essa imagem para a secretaria do município que pode resolver esse problema. O equipamento também vai permitir acompanhar a posição dos agentes, dando agilidade na hora de encaminhá-los para uma ocorrência e monitorando sua atuação.

gm de barra mansa recebe equipamentos

Guarda Municipal realiza capacitação em Barra Mansa

Barra Mansa A Guarda Municipal iniciou, manhã de hoje (5), uma capacitação voltada aos agentes e líderes comunitários. A formação segue até janeiro de 2012 e foi denominada "Guarda Cidadã", prevendo a ação de agentes de segurança na comunidade. A aula inaugural foi realizada no Salão Nobre do UBM (Centro Universitário de Barra Mansa). Durante o evento, o gestor de Segurança Pública Jefferson Mamede, apresentou o Plano Municipal de Prevenção à Violência, focado na prevenção, no estabelecimento de diretrizes e desenvolvimento de ações visando a segurança preventiva, a ordem pública e o combate ao crime, como a criação de fóruns de prevenção à violência, treinamento de líderes comunitários, apresentação de resultados, captação de projetos, entre outros. Acompanhe as notícias do DIÁRIO DO VALE também pelo Twitter. O gestor ainda falou de ações que também serão implantadas no município e divulgou um balanço da Guarda Municipal nos últimos anos, como a reestruturação do órgão, capacitação dos agentes e ampliação do monitoramento urbano e nas escolas. Segundo Mamede, foram investidos cerca de R$ 2 milhões em recursos federais e do município. - E como culminância dessa capacitação será realizado um fórum regional ou uma conferência municipal de segurança pública - informou. De acordo com o comandante da Guarda Municipal, Carlos Natanael Geremias, a "Guarda Cidadã" é um novo modelo de policiamento nas comunidades, no qual o guarda municipal também é um agente social. - Como estamos em mais áreas na cidade do que outros departamentos da prefeitura, podemos alertar sobre lâmpadas queimadas ou outras necessidades das comunidades aos órgãos competentes. E assim conseguimos atender colégios, postos de saúde e o Programa Saúde da Família, entre outros - falou. A agente Larissa Teixeira da Silva entrou para a Guarda há cerca de um ano e se disse animada com a capacitação. - Eu espero me qualificar melhor como guarda para prestar um bom serviço à população - comentou. Atuando há 19 anos como guarda municipal, Marcelo de Lima Silva afirmou ter boas expectativas para o curso: - Sempre que tem capacitação eu participo. Existem coisas que só aprendemos na prática, mas os cursos vêm para acrescentar algo ao nosso conhecimento, para aperfeiçoar. Não sabemos tudo e precisamos atualizar sempre a realidade. Leia mais: http://diariodovale.uol.com.br/noticias/4,45722,Guarda-Municipal-realiza-capacitacao-em-Barra-Mansa.html#ixzz1XDMMROYy

Casal é detido durante ato sexual em estacionamento

A Guarda Municipal de Dourados deteve um casal por ato libidinoso (sexual), desacato e ameaça, na entrada do estacionamento do Estádio Douradão. O caso aconteceu no início da madrugada de hoje (05) quando uma guarnição estava em rondas pelas proximidades, e se deparou com um veículo VW/Gol de Dourados, parado no estacionamento do estádio. Dentro do referido veículo estava um casal nu. Os guardas pediram para que os dois se vestissem, quando o motorista desceu do veículo com apenas uma camiseta, deixando parte de seu órgão genital exposto. A acompanhante retirou os documentos pessoais de uma bolsa e jogou no rosto dos guardas, perguntando se eles não tinham o que fazer, pois estavam atrapalhando. Os guardas pediram para a mulher pegar os documentos no chão, e então, ela cuspiu no rosto deles. A mulher foi detida e encaminhada até a Delegacia de Pronto Atendimento Comunitário, porém durante o percurso, ela passou a proferir xingamentos, como: “seus policinhas vagabundos, ladrões, vão estudar pra arrumar um emprego melhor”, além disso ela ainda fez ameaças, onde dizia ter ligação a uma determinada familia da cidade de Naviraí, e que a guarnição sentiria na pele o que estavam fazendo com ela. Devido à agressividade da acusada, foi necessário o uso de algemas para contê-la.

segunda-feira, 5 de setembro de 2011

gm de mogi mirim retorna escala normal

Uma assembleia promovida na última quarta-feira, 31, definiu o retorno do esquema de escalas para os funcionários do Departamento de Segurança de Mogi Mirim. Os servidores decidiram retornar ao trabalho no antigo sistema, em turnos de 12x24, 12x36 e 12x48, com uma folga por mês. Em julho, os servidores haviam decidido e a prefeitura acatou a mudança para a jornada de oito horas diárias, como é comum no funcionalismo. Porém, os guardas municipais, brigadistas e vigilantes, tentam há um mês o retorno ao esquema de escala, justificando que o pedido à época era para a regulamentação da jornada já estabelecida. Agora resta a regularização por parte da prefeitura com relação ao acordo coletivo para que os funcionários comecem a trabalhar no sistema de escalas. A nova alteração afeta cerca de 140 servidores municipais e, dentre os votantes, contou apoio de 43 e parecer contrário de outros 32. Assim, a discussão reaberta no final de julho foi encerrada nesta semana. As discussões em torno das reivindicações dos funcionários devem se prolongar, já que há um descontentamento por parte de diversos membros do departamento com relação ao plano de carreira e principalmente os baixos salários. Antonio Maciel de Oliveira, presidente do Sindicato dos Servidores Municipais de Mogi Mirim, acredita que o retorno do antigo horário favorece os funcionários e a população, uma vez que o efetivo nas ruas aumenta com o uso de escalas de trabalho.

sábado, 3 de setembro de 2011

GCM de Cotia prende sequestradores da filha do Silvio Santos

Guarda Municipal recebe armamento

02/09/2011 Guarda Municipal recebe armamento Na última semana a Guarda Municipal recebeu novo armamento, são pistolas automáticas modernas, a prefeitura vem reaparelhando a Guarda constantemente e tem por objetivo combater a criminalidade em alta na Cidade. Cidadãos estão protestando em número cada vez maior da insegurança constante em seus bairros, novas viaturas devem chegar em breve e o patrulhamento reforçado, segundo o prefeito Hamamoto. Ainda segundo o prefeito, todos os munícipes podem ficar tranquilos, a Prefeitura está atenta a esse problema e tem procurado solução dentro dos limites para atuar na segurança pública que o Município dispõe.

Prefeitura do Rio forma mais 316 guardas municipais

Rio - A Prefeitura vai formar nesta quinta-feira, 316 guardas municipais, em solenidade na sede da GM, na Avenida Pedro II, 111, em São Cristóvão, Zona Norte do Rio. O evento acontece partir das 10h. Atualmente a corporação atua com um total de 5.828 guardas. Durante o curso de formação, os guardas aprenderam a atuar de acordo com o Manual de Procedimento Operacional Padrão (POP). Elaborado pelos profissionais da Guarda Municipal, em parceria com consultores, o POP padroniza as ações, e define método de atuação do guarda para cada situação de desordem. Os novos guardas também conheceram o Manual de Gestão, que define regras de aplicação do efetivo e supervisão, níveis hierárquicos de decisão. Além disso, todos os candidatos receberam treinamento com destaque para condutas de atendimento ao cidadão e ética, além dos conhecimentos básicos de 38 disciplinas imprescindíveis à profissão, tais como Noções de Direito, Técnica Operacional, Primeiros Socorros, trânsito, e Defesa Pessoal

Vereadora propõe criação da Guarda Municipal Ambiental

VOLTA REDONDA O presidente da Câmara Municipal, Paulo Conrado, anunciou na reunião de segunda-feira que promulgou a Lei 4799/11, criando a Guarda Municipal Ambiental, projeto da vereadora Neuza Jordão. O presidente da Casa parabenizou a vereadora do PV. Neuza se disse envaidecida com os elogios e agradeceu a iniciativa do vereador Paulo Conrado. "Já disse que a Guarda Ambiental vai favorecer, e muito, toda a comunidade de nossa cidade. É uma grande conquista para a nossa sociedade", salientou a vereadora. Neuza Jordão explica que a criação da GMA tem como finalidade a proteção do patrimônio ambiental do município, buscando vigiar e proteger as áreas de proteção ambiental e também os mananciais hídricos da cidade. No artigo 2° do projeto, compete à Guarda Municipal Ambiental, entre outras coisas, as seguintes atribuições: ações de fiscalização visando impedir ações depredatórias, ocupações irregulares e proteger o patrimônio ambiental do município, bem como proceder a realização de apuração de denúncias oriundas da população visando prevenir a ocorrência de qualquer ilícito penal contra o meio ambiente; garantir os serviços de responsabilidade do município, sua ação fiscalizadora no desempenho da atividade de polícia administrativa, em especial os serviços de urbanismo e meio ambiente; fiscalizar índices de poluição industrial e sonora, áreas e ações de desmatamento e animais em situação de cativeiro.

Guardas detêm grupo que fazia arrastões no centro do Rio

Membros do Grupamento de Operações Especiais (GOE) da Guarda Municipal do Rio de Janeiro apreenderam, na tarde de terça-feira, quatro adolescentes e prenderam um jovem no centro da capital fluminense. O grupo é suspeito de realizar arrastões na avenida Rio Branco e no Largo da Carioca. Conhecido na área por seus assaltos e violência, Fabrício Alexandre Moreira, o Magrão, 18 anos, era o líder do grupo e possuía cinco passagens na polícia. O bando era procurado na área. Por volta das 16h, duas vítimas avisaram aos guardas que foram atacadas em um arrastão por cinco pessoas, que aparentavam ser adolescentes e roubaram seus cordões de ouro com pingente. Imediatamente, os guardas iniciaram as buscas pelas redondezas. Todo o grupo foi localizado pela Guarda Municipal em pontos diferentes do centro e reconhecido pelas vítimas. Entre os adolescentes havia duas meninas. O caso foi registrado na DPCA, onde ficou comprovado que todos os adolescentes possuíam diversas passagens na polícia. Alguns, inclusive, por roubo a mão armada. Fabrício foi encaminhado para a Polinter.

ENSAIO PARA O DESFILE 7 DE SETEMBRO

A Guarda Municipal fez o ensaio geral para o desfile do Dia da Independência, hoje, 2, pela manhã, na Marginal Cascavel. Praticiparam todos os convocados para o dia do desfile: todas as UCRs, DGA, Câmara Municipal, SEDEM, GPC, Paço. A tropa foi comandada pelo Inspetor Olair Morais. Ao todo são 200 GMs, além de contar com a participação da Banda de Música da AGMGO. O desfile acontecerá no dia 7, às 8h, na Avenida Tocantins.
SE VOCÊ GM, QUER QUE SEJA PUBLICADO AQUI ALGUMA MATERIA , PODE SER SUA; OU UMA SUGESTAO ,MANDE PRA O MEU E-MAIL- bloggmgo@gmail.com É UMA FORMA DEMOCRATICA DE PARTICIPAREM DO BLOG. QUE É NOSSO E LIVRE!