Cadastre seu Email

segunda-feira, 30 de maio de 2016

Notícias do TJGO

Convênio com Polícia Civil vai proporcionar cursos de segurança a magistrados

A Comissão Permanente de Segurança do Tribunal de Justiça do Estado de Goiás (TJGO) vai oferecer cursos a magistrados em parceria com a Polícia Civil. Serão aulas de segurança pessoal, direção veicular defensiva, armamento, tiro e manuseio de pistola, entre outras, uma vez que a classe detém porte de arma funcional.
O assunto foi tema de reunião nesta segunda-feira (30), na sede da Escola Superior da Polícia Civil. O presidente da comissão, desembargador Luiz Cláudio Veiga Braga, e o integrante juiz Hamilton Gomes Carneiro foram recebidos pelo delegado Deusny Aparecido Silva Filho e pelo instrutor Ricardo Fernandes da Silva.
“A capacitação vai propiciar aos magistrados conhecimentos de como se comportar diante de manifestações de agressões de terceiros. A Comissão Permanente de Segurança acredita que é importante oferecer instruções sobre esse tipo de defesa”, explicou o desembargador.
Durante a visita institucional, o delegado afirmou que a corporação tem “as portas abertas para criar formas de colaboração com o Poder Judiciário e, ainda, adequar os cursos conforme as necessidades dos magistrados”.
Segundo Hamilton Carneiro, há cerca de 40 juízes interessados nas capacitações, que, provavelmente, serão divididos em duas turmas de igual quantidade. As aulas devem começar em breve, conforme adianta.
A estrutura da Escola Superior da Polícia Civil foi, inclusive, elogiada pelos integrantes da comissão. O estabelecimento conta com galpões com programas e tecnologia para simular tiros, cenários e labirintos que conferem noções de realidade às aulas práticas e instrutores qualificados para repassar as técnicas. (Texto: Lilian Cury / Fotos: Hernany César – Centro de Comunicação Social do TJGO)

sábado, 28 de maio de 2016

28/05/2016 17h47 - Atualizado em 28/05/2016 17h47

Adolescente envenena pai após ser proibida de ir a uma festa, diz GCM

Homem de 37 anos está internado na UTI em estado grave, em Goiânia.
Menina de 15 anos colocou veneno para matar rato na sopa da vítima.

Murillo VelascoDo G1 GO
Caso foi registrado na Central de Flagrantes da Polícia Civil em Goiânia (Foto: Rodrigo Mansil/TV Anhanguera)Caso foi registrado na Central de Flagrantes da Polícia Civil  (Foto: Rodrigo Mansil/TV Anhanguera)
Uma adolescente de 15 anos foi apreendida neste sábado (28) suspeita de envenenar o pai, um vigilante de 37 anos, após ser proibida de ir a uma festa em Goiânia. De acordo com a Guarda Civil Metropolitana (GCM), a menina colocou chumbinho, um veneno usado para matar ratos, na sopa do homem. Após ingerir o alimento, ele passou mal e foi levado para um posto de saúde. Depois de constatado o envenenamento, ele foi transferido em estado grave para o Hospital Santa Bárbara.
O guarda civil metropolitano Ernani Benício de Carvalho disse ao G1 que uma médica do Centro de Atendimento Integral à Saúde (Cais) do Bairro Goiá chamou a Guarda Civil depois que suspeitou que pudesse ser um crime. A esposa, a filha e uma testemunha foram levados à Central de Flagrantes da Polícia Civil onde a adolescente confessou o crime e foi encaminhada à Delegacia de Apuração de Atos Infracionais (Depai).

O homem passou mal no início desta manhã após chegar de um plantão da empresa da qual é vigilante. De acordo com a Guarda Civil Metropolitana, a menina premeditou o crime comprando o veneno, colocando na sopa do pai e o convidando para comer assim que ele chegou do trabalho. Segundo Carvalho, a adolescente deu detalhes à polícia sobre as motivações e como ela executou o crime.
“Assim que ela [médica] constatou que o homem tinha sido envenenado, nossa equipe foi acionada. Chegando lá, conversamos com a família e uma testemunha e os convencemos a ir até a Central de Flagrantes para que fosse registrada a ocorrência. Chegando lá a menina confessou que colocou veneno na comida do pai porque ele não deixou ela ir em uma festa”, disse.
“Ela disse ao delegado que queria matá-lo porque ele estava podando a liberdade dela, levando e buscando ela na escola, não estava a deixando ir às festas dos amigos. A partir disto ela planejou o envenenamento, comprou o chumbinho e, assim que o pai entrou em casa, o chamou para comer o alimento que já havia sido envenenado por ela”, contou o guarda civil.
De acordo com informações da Polícia Civil, a adolescente deve permanecer apreendida até que o Ministério Público e Juizado da Infância e Juventude tomem as providências legais.
tópicos:

guarda civil

Guarda civil prende menor que envenenou o pai que e vigilante.
Alega a menor que o pai ia busca la no colegio e nao ha deixa ir para festas.
Filha isso
Pra mim uma aberracao que nem teveria ter vindo ao mundo.
Parabens a guarda civil metropolitana de Goiania.
Lema servi.
Homem de 37 anos está internado na UTI em estado grave, em Goiânia. Menina de 15 anos colocou veneno para matar rato na sopa da vítima.
G1.GLOBO.COM

quarta-feira, 25 de maio de 2016

30/04/2016

LDO pode contemplar Guarda Municipal para 2017


Em audiência pública realizada ontem pela manhã na Câmara, autoridades da região e moradores discutiram a possibilidade de criação de Guarda Municipal em Jaú. O evento foi promovido pela Frente Parlamentar em Defesa das Guardas Municipais, criada na Assembleia Legislativa do Estado.
O vereador Wagner Brasil (PROS), que intermediou a audiência, cogitou incluir dispositivo na Lei de Diretrizes Orçamentárias (LDO) para garantir recursos para a criação da guarda a partir de 2017. A lei que embasa o orçamento começa a tramitar na Câmara na segunda-feira.
O encontro contou com a participação do presidente da frente, deputado estadual Chico Sardelli (PV) e dos advogados Marcos Paulo Jorge de Sousa e Luiz Gustavo Cordeiro Gomes, que falaram sobre o funcionamento das guardas municipais. Representantes de Dois Córregos, Brotas, Bocaina, Botucatu e Tabatinga também compareceram.
“Hoje já não se faz mais segurança pública sem as guardas, considerando inclusive que o efetivo de guardas municipais geralmente é maior que da Polícia Militar”, disse Sardelli, por meio da assessoria de imprensa.
Atualmente, Jaú não possui Guarda Municipal. O setor de Segurança Municipal, formado por funcionários públicos não-armados, é o responsável pela vigilância do patrimônio. (JGD)

 
Foto: Colaboração.
Publicidade
O susto do dono de uma casa na Rua Miguel Abraão, no Portão, na manhã desta quarta-feira (20) foi grande ao perceber que bandidos tentavam arrombar a residência. Ele saiu, chamou a Guarda Municipal (GM) e houve até confronto com os suspeitos. Um deles, de 21 anos, foi preso e os outros dois fugiram.
 
Segundo a GM, o dono da residência estava chegando em casa quando viu os três rapazes com alicates tentando entrar no imóvel. "Ele deu a volta na rua, encontrou uma viatura da GM e pediu ajuda", disse o GM Fernando Ribas.
Os guardas foram até a casa do homem e ao serem vistos pelos suspeitos, foram recebidos a balas. Dois fugiram correndo e um deles ficou no local. Com ele, os guardas municipais apreenderam os alicates usados na tentativa de arrombar a residência e também um Sandero preto que era roubado.
O rapaz foi encaminhado, junto com o carro, à Delegacia de Furtos e Roubos de Veículos (DFRV). Segundo apurou a GM, o Sandero foi tomado em assalto e já teria sido usado até em um sequestro.
POLÍCIA 21/04/2016 08:26:03 - Atualizado em 21/04/2016 08:26

Mais de 30 guardas municipais farão segurança durante o jogo de domingo

0 comentários

VOLTA REDONDA
A Guarda Municipal já está com esquema de segurança e de fluidez de trânsito pronto para o jogo deste domingo, dia 24, no Estádio da Cidadania Raulino de Oliveira, no bairro Aterrado. Fluminense e Botafogo se enfrentam às 19 horas, pelo Campeonato Carioca. Assim como ontem, no jogo entre Flamengo e Confiança (SE), a Rua 558, que serve como saída de emergência do estádio, será interditada a partir das 8 horas e liberada após 21 horas.
Ao todo, uma equipe composta por 35 agentes trabalharão no local para garantir a tranquilidade dos torcedores e moradores do entorno. Os guardas ficarão na área externa do Estádio e ainda farão repressão a ações de flanelinhas e vendedores ambulantes sem autorização prévia da prefeitura para comercialização de produtos.
ze: 11.0pt;font-family:"Times New Roman","serif"'>Funcionários terceirizados do Detran  já voltaram aos pontos de trabalho. Em greve por cerca de uma semana, eles reinvidicavam a falta de pagamento dos salários. De acordo com a assessoria de imprensa do órgão, os serviços de identificação civil, habilitação e vistoria já funcionam normalmente. Estavam paralisados os serviços de Resende, Barra do Piraí, Barra Mansa e Angra dos Reis.

Hoje, por conta do feriado de Tiradentes, não haverá expediente em nenhuma unidade do Detran, inclusive na sede, no sábado, as unidades também nao funionam. Na sexta-feira, todos os postos de Vistoria, Habilitação e Identificação Civil funcionarão normalmente, não havendo, porém, expediente na sede do departamento, devido ao ponto facultativo decretado pelo Governo do Estado.
:p>

Ainda de acordo com o diretor da FBG, no polo do Padre Josimo são oferecidos os cusos de violão, manicure, costura, cabeleireira, evento e capotaria, e no do bairro Santa Cruz serão disponibilizadas aulas de manicure, costura, barbeiro, violão, percussão, eventos, mangá, elétrica predial e cabeleireiro.

Diadema recebe mais 40 guardas-civis

Comentários2 Comentário(s)Comunicar errosComunicar erros
AddThis Sharing Buttons
4

Yara Ferraz
Do Diário do Grande ABC
Claudinei Plaza/DGABC Diário do Grande ABC - Notícias e informações do Grande ABC: Santo André, São Bernardo, São Caetano, Diadema, Mauá, Ribeirão Pires e Rio Grande da Serra
Diadema ganhou ontem mais 40 guardas-civis municipais. Após passarem por treinamento, o intuito é que atuem principalmente na segurança de escolas municipais. Além disso, 60 guardas-civis patrimoniais que trabalham na segurança de prédios públicos também foram apresentados pela manhã.
Conforme o secretário de Segurança da cidade, coronel Eduardo José Félix de Oliveira, a ideia que já vem sido trabalhada há um tempo é a criação de uma inspetoria de Segurança Escolar. “Estamos atualmente com 16 homens na nossa ronda escolar, que faz a segurança das instituições municipais. Vamos direcionar esse efetivo a mais para isso e para criação de uma inspetoria especializada nesse tipo de segurança.”

“Após os quatro meses de treinamento, vamos iniciar o trabalho nas escolas. Além do horário de entrada e saída dos alunos, vamos priorizar a madrugada e todo o período após o fechamento”, explicou o comandante da GCM (Guarda Civil Municipal), Valdinar Sirilo da Hora.Os guardas-civis vão passar por três meses de treinamento no Centro Regional de Formação do Consórcio Intermunicipal do Grande ABC, localizado em São Bernardo, sendo a primeira turma de Diadema a treinar no local. Depois disso, um mês de estágio será feito nas ruas do município.
O prefeito Lauro Michels (PV), presente à cerimônia de boas-vindas na central da corporação, no Centro, afirmou que o aumento do efetivo é prioridade. Atualmente, Diadema conta com 211 guardas-civis municipais e 126 guardas-civis patrimoniais. “Esse é um compromisso do plano de governo. Até porque para acabar com as horas extras precisamos contratar mais guardas. A parte mais importante é que vamos auxiliar na área, mesmo sem ter essa responsabilidade, que é do Estado. A sensação de segurança nas ruas vai aumentar”, disse.
Até junho, a Prefeitura pretende homologar concurso para mais vagas na corporação. A expectativa é que sejam abertos 50 postos para homens e 30 para mulheres.

Prefeitura define comando da Guarda Municipal de Florianópolis nesta quarta-feira Cesar Souza Júnior e coronel Eliésio Rodrigues se reuniram por mais de duas horas na noite desta terça-feira [...] Veja mais em: http://www.ndonline.com.br/florianopolis/noticias/302471-prefeitura-define-comando-da-guarda-municipal-de-florianopolis-nesta-quarta-feira.html.
Depois de um dia de muitas reuniões, de conversas com a Associação da Guarda Municipal de Florianópolis e com o coronel Eliésio Rodrigues, ex-comandante da Polícia Militar de Santa Catarina e nomeado [...] Veja mais em: http://www.ndonline.com.br/florianopolis/noticias/302471-prefeitura-define-comando-da-guarda-municipal-de-florianopolis-nesta-quarta-feira.html.

Morto por guarda municipal tentou agredir agente, diz superintendência

Vítima tinha passagens por tráfico e roubo, segundo a Susprev.
Delegado informou que ele entrou em luta com policiais civis.

Do G1 BA
A Superintendência de Segurança Urbana e Prevenção à Violência (Susprev), órgão que gerencia a Guarda Municipal, informou nesta quinta-feira (14) que o homem que foi baleado e morto por um guarda, na tarde de quarta-feira (13), no Comércio, em Salvador, era traficante, estava sendo perseguido por policiais civis, entrou em luta corporal com os agentes e tentou agredir um dos guardas municipais.
De acordo com a Susprev, durante uma perseguição iniciada no Largo Dois de Julho, envolvendo policiais civis e o suspeito de tráfico Anderson Santos de Araújo, conhecido como "Demônio", que possui passagens por roubo e tráfico de drogas, o suspeito fugiu em direção ao bairro do Comércio. Na ocasião, guardas municipais que estavam no local viram Anderson entrar em luta corporal com os policiais e foram ajudar os agentes.
Segundo o delegado Adaílton Adan, titular da 1ª Delegacia (DT/Barris), nas proximidades do 2º Distrito Naval, o suspeito tentou efetuar fuga pelo mar, mas foi cercado pelos policiais civis e guardas municipais. "Como lá não tinha para onde ele ir, já que ele não iria para alto mar, o suspeito retornou e partiu para cima de um dos guardas municipais, que efetuou o disparo", afirmou.
Homem foi baleado no bairro do Comércio, em Salvador (Foto: Arquivo pessoal)Homem foi baleado no bairro do Comércio
(Foto: Arquivo pessoal)
A Susprev informou que agentes da Policia Civil e da Guarda Municipal foram ouvidos na 1ª Delegacia, nos Barris, onde fato está sendo apurado.
Caso
Um homem foi baleado na tarde de quarta-feira (13), na região da Praça Cayru, no bairro do Comércio, em Salvador. De acordo com testemunhas, a vítima era usuária de drogas na região e, ao ver guardas municipais, correu e pulou no mar. Por volta das 21h, a Central de Polícia (Centel), informou que o homem chegou a ser levado para o Hospital Geral do Estado (HGE), mas já chegou na unidade sem sinais vitais.
Segundo a versão de um guardador de carros da região, os guardas teriam pego a vítima usando drogas. De acordo com relato de testemunhas, ao sair do mar, o homem foi visto pelos guardas e um deles atirou.
SE VOCÊ GM, QUER QUE SEJA PUBLICADO AQUI ALGUMA MATERIA , PODE SER SUA; OU UMA SUGESTAO ,MANDE PRA O MEU E-MAIL- bloggmgo@gmail.com É UMA FORMA DEMOCRATICA DE PARTICIPAREM DO BLOG. QUE É NOSSO E LIVRE!