Cadastre seu Email

terça-feira, 27 de março de 2012

ARROMBAMENTO

Ladrões violam caixas na Câmara

26.03.2012

ARROMBAMENTO

Ladrões violam caixas na Câmara

26.03.2012

Clique para Ampliar
A Polícia só foi avisada do crime depois que os ladrões foram embora. A quadrilha usou revólveres e pistolas para dominar os dois guardas municipais que faziam a segurança do prédio, logo no começo da manhã de domingo
FOTO: FRANCISCO VIANA
Clique para Ampliar
Utilizando maçaricos e outras ferramentas, os criminosos conseguem violar os equipamentos e retirar todo o dinheiro existente nas gavetas
FOTO: ALEX PIMENTEL
Durante seis horas, o grupo permaneceu no interior do prédio com cinco reféns, entre eles, dois guardas municipais Uma quadrilha armada invadiu, no começo da manhã de ontem, a sede da Câmara Municipal de Fortaleza, situada no cruzamento da Avenida Rogaciano Leite com a Rua Thompson Bulcão, no bairro Patriolino Ribeiro, e arrombou dois caixas eletrônicos do Banco do Brasil. Os ladrões tomaram como reféns cinco pessoas, entre elas, dois guardas municipais responsáveis pela segurança do prédio. Também foram dominados dois funcionários e o filho de um deles. Durante cerca de seis horas, os criminosos agiram de forma planejada e paciente. Utilizaram maçaricos e outros apetrechos para abrir os caixas eletrônicos e roubar todo o dinheiro que havia nas gavetas. O valor roubado ainda não foi divulgado pela Polícia. Porém, sabe-se que os dois terminais haviam sido abastecidos na última sexta-feira. Quadrilha O ataque teve início por volta de 6h30 e se estendeu até quase o meio-dia, sem que ninguém percebesse o que estava acontecendo na sede do Legislativo estadual. Os primeiros dominados foram os guardas municipais que estavam de serviço em uma guarita junto ao portão da entrada principal, que dá acesso ao estacionamento e ao Plenário. Rendidos e desarmados, os dois guardas foram algemados e levados para uma sala, onde também ficaram os outros reféns. Segundo apurou a Polícia, ninguém ficou ferido. Com os reféns colocados na sala, e sendo vigiados por dois dos ladrões, o restante da quadrilha teve o tempo suficiente que precisou para agir com calma. Utilizando maçaricos e outras ferramentas como martelos, eles fizeram buracos nos caixas. "Ficamos como reféns por mais de seis horas. Eles disseram que tinham informações sobre os caixas", contou um dos funcionários. "Mandavam o tempo inteiro que a gente ficasse de cabeça baixa", completou um dos guardas municipais. Os assaltantes praticaram o crime ´de cara limpa´, isto é, não usavam máscaras ou outros disfarces. Alguns portavam revólveres e pistolas. Porém, nenhum tiro foi disparado durante a ação. "Fizeram muitas ameaças", disse um guardas, preso com suas próprias algemas. Somente depois da fuga dos ladrões, os reféns puderam, então, ligar para a Polícia. Logo, várias patrulhas do Ronda do Quarteirão e da 4ª Companhia do 5º BPM (Tancredo Neves) se dirigiram para o local. Segundo o relato dos guardas municipais, aparentemente, os ladrões chegaram à pé. Mas, para a Polícia, certamente havia pelo menos um veículo dos bandidos nas proximidades. A ação dos assaltantes na manhã de ontem se assemelhou a outros furtos e roubos em caixas eletrônicos ocorridos já neste ano e em 2011. Outros Na manhã do último dia 7, uma quadrilha atacou um posto de combustível localizado na Praia do Icaraí, em Caucaia, às margens da rodovia de acesso ao Cumbuco, dominou o vigia do estabelecimento, e furtou todo o dinheiro que havia nas gavetas do terminal do BB, instalado em um quiosque. Já no dia 13 passado, a ação dos ladrões foi na cidade de Choró (155Km de Fortaleza). Os bandidos violaram um caixa do Banco do Brasil instalado na sede da Prefeitura daquele Município, depois de fazer o único vigia do prédio como refém. Quadrilhas agem na Capital e no Interior A ação de quadrilhas especializadas em arrombamento de caixas eletrônicos vem sendo investigada pela Delegacia de Roubos e Furtos (DRF), em Fortaleza, com o apoio da Coordenadoria Integrada de Inteligência (Coin) e do Serviço Reservado do Comando Geral da PM. No ano passado, vários grupos acabaram sendo desarticulados. Os ladrões agem sempre em bandos, formados por, no mínimo, quatro integrantes, e usam técnicas já conhecidas das autoridades; o uso de maçaricos. No ano passado, os criminosos conseguiram violar diversos caixas, na Capital, Região Metropolitana e no Interior. Um deles ocorreu nas dependências da Secretaria Estadual de Saúde (Sesa), na Praia de Iracema. O fato aconteceu na manhã do dia 7 de setembro, em pleno feriado da Independência. Faculdade Já no dia 18 de outubro, o ´alvo´ foi a Faculdade Rainha do Sertão, na cidade de Quixadá (158Km de Fortaleza). Na manhã do dia 31 de outubro, os arrombadores agiram contra um caixa do banco Santander, na Aldeota. Depois, no dia 2 de novembro, outra ação criminosa aconteceu nas dependências da Empresa Municipal de Limpeza Urbana (Emlurb). FERNANDO RIBEIRO EDITOR DE POLÍCIA

Guarda Municipal faz paralisação e reivindica uso de armas de fogo no trabalho

Guardas municipais se reuniram na manhã de ontem em frente à sede da Guarda Municipal

Guardas municipais de Fortaleza suspenderam as atividades na manhã de ontem, 2a.feira (26/03) em protesto pela situação de trabalho dos agentes. Eles reivindicam o uso de armas de fogo pelos agentes, além da distribuição de coletes à prova de bala e do aumento do número do efetivo dos guardas em terminais de ônibus e hospitais. Durante a manhã, o Presidente do Sindicato dos Guardas Municipais (Sindiguardas/Ce), Márcio Cruz, esteve em reunião com o diretor da Guarda Municipal, Arimar Rocha. Segundo Márcio Cruz, o diretor da Guarda afirmou que, nesse primeiro momento, está fora de cogitação armar a Guarda Municipal. De acordo com o presidente do Sindiguardas, a paralisação será mantida. Na 3a.feira (27/03) os agentes se reunirão em frente à Câmara Municipal de Fortaleza a partir das 9h. Situação de risco No manhã do domingo (25/03), agentes da Guarda Municipal que faziam a segurança da Câmara Municipal de Fortaleza foram feitos reféns por bandidos que invadiram o local e assaltaram o caixa eletrônico.

Durante a tarde, outros dois agentes foram baleados, no terminal do Antônio Bezerra, quando tentavam organizar as filas nas plataformas dos ônibus que fazem a linha para o estádio Presidente Vargas. Fonte: O Povo OnLine

Mais Segurança em Anchieta: Guarda Municipal com novos agentes
Na manhã desta sexta-feira (23), aconteceu a solenidade de formatura de cerca de 52 novos Agentes da Guarda Civil Municipal, aprovados no último concurso público, na Avenida Rauta. Os novos Agentes foram empossados em dezembro e passaram por um rigoroso t
Foto: Assessoria de Comunicação PMA
Leia Também
Autoridades como o prefeito, Edival Petri; a vice-prefeita e secretária de Educação, Paula Louzada; o gerente municipal de Segurança Pública e Social, Leonardo Abrantes; o comandante da 1ª Companhia Independente de Anchieta, major Caus, além de outros secretários, gerentes, e sociedade civil organizado, estiveram presente no evento. Agora, com a renovação do fardamento, a Guarda Civil Municipal conta com o uniforme operacional e o de passeio, que é usado em solenidades. Hoje, todos os Agentes, novos e envolvidos na solenidade, usaram pela primeira vez. Para o paraninfo da turma, Heraldo Lanzone de Freitas Júnior – da Guarda Municipal de Cachoeiro de Itapemirim –, esse foi o melhor efetivo que ele já treinou. “Ao iniciar os trabalhos com essa nova turma, percebi nos olhares bastante ansiedade e vontade de aprender, praticar. Hoje, esse grupamento está totalmente apto a estar nas ruas do município. Que todos continuem com a determinação de sempre e que vistam a farda como se fosse a segunda pele”, disse. O gerente de Segurança Pública e Social, Leonardo Abrantes, disse que o município está dando mais um passo importante no quesito segurança. “Agora, Anchieta conta com um efetivo de cerca de 100 Guardas Civis Municipais. Os novos Agentes já estão nas ruas, realizando patrulhamento e outros serviços. Após treinamento físico e cursos, vocês, profissionais da segurança, poderão colocar em prática tudo o que aprenderam”, disse. Os três melhores alunos classificados, os Agentes Elias da Silva Rodrigues, Katrini Marvila Fernandes e Kênnya Correa Bichi, no Curso de Formação receberam certificados das autoridades presentes. A vice-prefeita e secretária de Educação, Paula Louzada, enfatizou o compromisso da administração em todas as áreas, mas com uma preocupação no quesito segurança. “Hoje, vocês, homens e mulheres, assumem um compromisso perante a administração e a população. Falar em segurança é muito complexo, mas temos de lembrar que vai além do que vermos patrulhamento nas ruas. Oferecer segurança física e patrimonial é o que desejamos. O sucesso de vocês é o sucesso da população”, disse. “Parabéns a todos vocês, novos Agentes Civis Municipais! Superação e determinação são as palavras que os definem, depois da trajetória de palestras e treinamento físico. Implantamos a Guarda Municipal de Anchieta em 2007 e, até hoje, fizemos grandes investimentos na área da segurança, seja na contratação de novos Agentes ou na aquisição de novos equipamentos, frotas de veículos, renovação do fardamento, para que possam executar as tarefas que lhes são determinadas. Segurança é muito mais do que vermos policiais ou guardas municipais nas ruas. Que, a partir de hoje, vocês trabalhem dentro dos direitos e deveres e que executem com êxito”, disse o prefeito, Edival Petri. Mais segurança A Gerência Municipal de Segurança Pública e Social está ampliou a frota de veículos e rádios comunicadores para atender o novo quadro de servidores, para atuarem com mais eficiências nas ruas. Todos os Agentes receberam fardamento, equipamentos e materiais para auxiliá-los nas atividades. Segundo o gerente municipal de Segurança Pública e Social, Leonardo Abrantes, os novos Agentes irão dar mais segurança à população. “Acreditamos que, com a nomeação dos novos servidores, a cidade ganhará maior segurança, uma vez que a Guarda Municipal tem a nobre missão de zelar pelo nosso patrimônio e pela nossa vida”, disse. Com o efetivo de novos Agentes Comunitários de Segurança nas ruas, o município passará a contar com 100 Agentes, responsáveis pela segurança dos moradores e turistas.
Fonte: Assessoria de Comunicação PMA
Médico afirma que uso de armas taser pode matar Redação do DIARIODEPERNAMBUCO.COM.BR 27/03/2012 | 10h19 | Choque
Quanto maior a frequência dos choques ou quanto mais próximo do coração, maior a probabilidade de morte, diz médico. Imagem: Alexandre Gondim/DP/D.A Press/Arquivo
Imagem: Alexandre Gondim/DP/D.A Press/Arquivo

A pistola taser entra aos poucos no cenário da segurança pública em Minas Gerais como grande inovação em armamentos. São 560 equipamentos nas mãos de policiais militares de BH e da região metropolitana e 200 com a Guarda Municipal. Em breve, o interior do estado também receberá a pistola de eletrochoque cuja finalidade é imobilizar suspeitos. Mas a nova arma considerada não letal é alvo de controvérsia depois de dois casos recentes de morte. Segundo especialistas, ela pode matar, sim. Na madrugada de domingo, um homem de 33 anos morreu em Florianópolis (SC) depois de ser imobilizado por uma pistola taser durante ocorrência policial sobre briga doméstica. No dia 18, um turista brasileiro morreu na mesma circunstância em Sydney (Austrália). As primeiras armas do estado foram entregues ano passado pelo Ministério da Justiça. Além da PM e da Guarda Municipal, Varginha, no Sul do estado, recebeu 30 pistolas. Em Uberaba, a Guarda Municipal também recebeu 100 pistolas taser. A assessoria da Guarda de BH informou que o taser é usado em último caso, depois de frustradas todas as tentativas de parar o suspeito com outros métodos, como a força física e spray de pimenta. Acrescentou que a arma já foi usada na capital, mas sem registro de excessos. O chefe do Centro de Treinamento Policial, da PM, major Márvio Cristo, afirma que o taser é tema dos treinamentos constantes na corporação. “É uma tendência mundial e alternativa operacional, usada dependendo da necessidade”, afirma. Desde a chegada das armas, em julho de 2011, foram usadas sete vezes, das quais quatro pela Guarda Municipal. “Elas têm um chip que registra o uso”, informou o major. Para o coordenador do Departamento de Arritmologia do Hospital Vera Cruz, cardiologista Geraldo Magela Alvarenga Júnior, o correto seria tratar a arma como “menos letal”. “Ela tem um risco, sim e, dependendo do caso, pode matar, principalmente os cardiopatas ou quem tem arritmia cardíaca”, alerta. Ele explica que assim como os choques são usados nos pacientes com arritmia para tirá-los desse estado, podem também provocá-los. E adverte: quanto maior a frequência dos choques ou quanto mais próximo do coração, maior a probabilidade de morte. Em dois casos graves de arritmia, o coração pode parar instantaneamente: fibrilação ventricular e taquicardia ventricular sustentada. Em ambas as situações, o ventículo é atingido e para de contrair, não bombeando mais sangue para o cérebro e outros órgãos. “É como se ele fosse uma mão que se fecha. Na fibrilação, ele fica tremendo e, na taquicardia, nem isso”, relata. “Quando os ventrículos são atingidos a ponto de gerar uma parada, sem fluxo para o cérebro, a pessoa desmaia, tem uma síncope e se o coração continuar parado, sem manobras de ressuscitarão, como massagem cardíaca ou respiratória, começa a ter uma isquemia dos órgãos, inclusive do cérebro. A cada minuto nessa situação, tem 10% de chance a menos de se salvar.” Para o médico, os efeitos da arma em seres humanos deveriam ser mais bem estudados antes do uso pela segurança pública ou, onde ela já está presente, ser até mesmo suspensa, como cautela para evitar novas mortes. “Desconheço um trabalho científico para testar isso em humanos. Como usar uma pessoa para dar alguns choques e ver a repercussão? O trabalho para comprovar o malefício ou não do taser, do ponto de vista ético, é complicado.” Casos A 8ª Delegacia de Polícia de Florianópolis investiga A morte do assistente de controladoria Carlos Barbosa Meldola, de 33 anos, imobilizado pela polícia por uma taser. Na madrugada de domingo, ele morreu durante abordagem policial. A mulher dele, uma administradora de empresas de 31 anos, sentiu-se ameaçada e chamou a PM. Os policiais encontraram Meldola aparentemente sob efeito de drogas e descontrolado dentro do apartamento. Tentativas de diálogo não foram suficientes e os policiais decidiram usar as algemas. Como último recurso, eles usaram a taser que, segundo, a companheira, foi disparada três vezes até que o homem se escorou em uma parede, sem reação. Os policiais tentaram reanimá-lo sem sucesso. O delegado Antônio Cláudio Jóca, da 8ª Delegacia de Policia, sediada no bairro Ingleses, informou que pretende concluir o inquérito em 30 dias. Um caso semelhante ocorreu na Austrália no dia 18. O brasileiro Roberto Laudisio, de 21 anos, foi morto por policiais em Sydney. Ele teria entrado numa loja de conveniência pedindo ajuda, porque estaria sendo perseguido por ter supostamente furtado pacote de biscoitos. , Laudisio foi abordado pela polícia e teria reagido. Ele morreu na calçada, depois de receber os tiros de taser. Estudante da PUC-SP, morava na Austrália desde 2011, onde estudava inglês e jogava futebol. O corpo só deve chegar ao Brasil daqui a duas semanas. (Com agências) Anistia também condena a arma O taser é tema de acalorados debates mundo afora. Relatório da Anistia Internacional questiona o uso da arma no Estados Unidos – foram mais de 500 mortes no país desde 2001. Na França, ação judicial movida pela organização Raidh – Réseau d’alerte et d’intervention pour les droits de l’homme (Rede de alerta e de intervenção para os direitos do homem, na sigla em francês) – resultou na proibição do uso do taser pelas polícias locais. Na Austrália também se cogita abolir o equipamento depois da abordagem policial desastrada que resultou na morte do brasileiro na semana passada.

Do Estado de Minas

dia a dia25/03/2012 14:08 Menor morre durante troca de tiros com a políciaEle e outros três adolescentes tentaram assaltar um restaurante; quadrilha atuava na cidade redação Um menor de idade foi baleado e morreu durante uma troca de tiros com a polícia em Salto, região de Sorocaba. Segundo informações da Guarda Municipal, ele e outros três menores, armados com pistolas e usando capuzes, invadiram um restaurante no bairro Joana Leite e anunciaram um assalto. Dois policiais militares, que estavam no local à paisana, reagiram e os assaltantes começaram a atirar. Um dos adolescentes foi atingido e morreu na hora. Os outros criminosos conseguiram fugir. A Guarda Municipal foi acionada e realizou um patrulhamento pelo bairro, mas não conseguiu encontrar o restante da quadrilha imediatamente, como informa o portal G1. Cerca de uma hora depois, porém, um rapaz com as mesmas características de um dos assaltantes foi visto correndo por uma rua do centro. Abordado pelos guardas, ele confessou ter participado do assalto ao restaurante e indicou os endereços dos outros dois envolvidos. Um deles foi detido, mas o outro não estava em casa no momento em que a GCM chegou. Os dois adolescentes capturados foram encaminhados à Fundação Casa. A polícia continua à procura do outro menor. A quadrilha é suspeita de ter praticado outros roubos na cidade.
Paraná terá segurança reforçada durante a Copa Reunião para tratar sobre o assunto ocorreu na sexta-feira (23), na sede da Secretaria da Segurança Pública Crédito: Osvaldo Ribeiro/AENotícias Paraná terá segurança reforçada durante a Copa. A reunião, ocorrida nesta sexta-feira (23), na sede da Secretaria da Segurança Pública, contou com a presença do deputado estadual Mauro Moraes, presidente da Comissão de Segurança da Assembléia Legislativa, e do vereador Jorge Yamawaki, integrante da Comissão da Copa da Câmara Municipal de Curitiba Equipes do quadro de segurança pública - reunindo membros da Polícia Militar, Polícia Civil, Polícia Rodoviária, Polícia Federal, Polícia Científica, Guarda Municipal, Setran, Detran, Abin, Defesa Civil, Casa Militar e Corpo de Bombeiros - debateram temas que envolvem a preparação da Copa do Mundo 2014 no Paraná. A reunião, ocorrida nesta sexta-feira (23), na sede da Secretaria da Segurança Pública, contou com a presença do deputado estadual Mauro Moraes, presidente da Comissão de Segurança da Assembléia Legislativa, e do vereador Jorge Yamawaki, integrante da Comissão da Copa da Câmara Municipal de Curitiba. O deputado Mauro Moraes destacou o trabalho realizado pelo Governo do Estado. “Estamos recuperando o tempo perdido em termos de segurança e certamente até o final do mandato do governador Beto Richa teremos grandes avanços e resultados positivos para nossa segurança pública”, disse o parlamentar. “Este balanço que estamos fazendo dos preparativos da Copa é uma oportunidade para ampliar nossas ações, com projetos e programas que estão sendo debatidos na Câmara Temática”, ressaltou o secretário estadual para assuntos da Copa, Mario Celso Cunha. O presidente da Câmara Temática da Segurança, da secretaria da Copa, major Nelson Ademar Piske, fez uma apresentação dos planos de operação, cursos de qualificação e planejamento até o mundial 2014. “Já elaboramos um plano, com a criação da Comissão Estadual de Segurança para Assuntos da Copa que, junto com a Secretaria Extraordinária do Ministério da Justiça, estabelecerão o planejamento entre os órgãos e entidades envolvidos com a segurança do evento, conforme o regimento interno”, declarou Piske. O subcomandante da Polícia Militar do Paraná, coronel César Alberto de Souza, também participou da reunião. “Em Curitiba o nosso efetivo vai contar com o dobro dos policiais que existem hoje, ampliando a ação preventiva para a Copa. Também estamos implantando o sistema de serviço policial voluntário, que contribuirá nos serviços administrativos”, disse o subcomandante. “Todos os 76 bairros de Curitiba receberão serviços móveis de policiamento, garantindo mais tranquilidade à nossa população”, concluiu Souza. O assessor especial da Secretaria da Segurança Pública, Daniel Conde Falcão, representou o secretário Reinaldo de Almeida César, que estava acompanhando o governador Beto Richa no lançamento de novos programas no interior do Paraná. “Em abril será anunciado outro grande pacote para a segurança pública no Estado, e isto inclui programas que visam a segurança na Copa”, disse Daniel. secretário municipal de Trânsito, Marcelo Araújo, participou da reunião e garantiu importantes ajustes para melhor circulação e controle do trânsito na cidade. “Nós também estamos elaborando um plano para utilização de bicicletas, criando alternativas juntos aos pontos turísticos, rede hoteleira e outros pontos, com aluguel de bicicletas”, segundo Araújo. ambém participaram da reunião representantes do Instituto Médico Legal - IML, Celepar, Observatório das Metrópoles e outros setores da sociedade organizada. O encontro marcou o encerramento do primeiro ciclo de debates das nove Câmaras Temáticas em 2012. As próximas reuniões serão realizadas no mês de maio.
Bandidos rendem guardas da Câmara de Fortaleza e roubam caixa eletrônico Atualizada às 07h28min, do dia 26/03/2012 Agentes da Guarda Municipal que fazem a segurança da Câmara Municipal de Fortaleza, no bairro Luciano Cavalcante, foram feitos reféns na manhã deste domingo, 25, por bandidos que invadiram o local e assaltaram o caixa eletrônico. Ainda não há informação de qual valor foi roubado. Segundo informações repassadas por um dos guardas, os bandidos chegaram a pé e, armados, renderam os funcionários, que foram levados para a guarita da entrada dos vereadores. "Nós ficamos reféns por mais de seis horas. Eles chegaram por volta de 6h30min e ficaram até depois de 12h. Disseram que já tinham informação de que o caixa estava abastecido desde sexta-feira. Eles pediram que a gente ficasse com a cabeça baixa durante todo o tempo", informou uma das vítimas, que disse ter permanecido amarrado ao longo da ação. Ainda segundo o guarda, além dos seguranças, foram feitos reféns um funcionário da TV Câmara e outros dois s (pai e filho) que iriam fazer um serviço de manutenção. Pelo menos um assaltante ficava monitorando os reféns e se comunicava com os demais, que executavam o assalto aos caixas, por meio do celular. A CMF possui dois caixas eletrônicos do Banco do Brasil que ficam em uma sala na entrada principal do órgão. Em Chorozinho Uma quadrilha tentou roubar uma agência bancária no município de Chorozinho na manhã deste domingo, 25. O grupo causou um principio de incêndio no local e não conseguiu levar o dinheiro. De acordo com o Comando de Policiamento do Interior (CPI), dois homens e duas mulheres invadiram a agência do Banco do Brasil e usaram um maçarico para arrombar o caixa eletrônico. Durante a ação, houve um principio de incêndio e o Corpo de Bombeiros foi chamado para conter as chamas. Percebendo que não seria possível levar o dinheiro, o grupo fugiu em um veículo modelo Honda Civic de cor preta.
25/03/2012 21:52 Menor morre em tiroteio após tentativa de rouboAdolescente tentou assaltar restaurante em Salto. A quadrilha também é suspeita de roubar outros lugares Tatiane Patron tatiane.patron@bomdiasorocaba.com.br Quatro adolescentes participaram de uma tentativa de roubo em um restaurante neste fim de semana, no bairro Joana Leite, em Salto. Durante a troca de tiros com policias à paisana, um dos garotos morreu na hora. Os menores estavam encapuzados e armados. No estabelecimento, haviam dois policias militares, que viram a ação dos infratores e reagiram. Os adolescentes então começaram a atirar, sendo que um deles foi baleado e morreu. Os outros participantes do assalto conseguiram fugir. Um dos rapazes foi reconhecido no Centro de Salto. Ao ser abordado pela Guarda Municipal, ele confessou que estava no assalto e revelou o endereço dos seus comparsas. Dois adolescentes foram encaminhados à Fundação Casa. Já o quarto membro da quadrilha continua foragido. A polícia investiga se a quadrilha participou de outros roubos. Infração/ Quatro motocilistas andam em alta velocidade na rua Eclair Castilho e Silva, Jardim Esmeralda, na madrugada de domingo. A Polícia Militar abordou os rapazes, sendo um deles menor de idade, que foi encaminhado ao Nais (Núcleo de Atendimento Integrado de Sorocaba). Disparos em Sorocaba/ Um homem de 26 anos foi flagrado atirando na madrugada de sábado, na avenida Barão de Tatuí, em Sorocaba. A Força Tática abordou o veículo descrito na denúncia, onde haviam três jovens. Um deles admitiu ter disparado. Dentro do carro foi encontrado um revólver calibre 32. O autor foi preso por porte ilegal de armas e disparo de arma de fogo. Os demais ocupantes do veículo foram liberados
Um guarda municipal de Londrina foi baleado na noite de sábado (24), na rua Antônio Dias Adorno, no jardim Novo Bandeirantes, em Cambé. De acordo com a Polícia Militar do município, Elcio Macedo Santos, de 35 anos, estava fazendo a cobrança de um título de capitalização quando foi alvejado. De acordo com o boletim de ocorrência da PM, o rapaz informou que era guarda municipal e que fazia um trabalho extra cobrando títulos de capitalização. O guarda foi atingido na perna e socorrido pelo Siate. Ele foi encaminhado para a Santa Casa de Cambé, mas já foi liberado. Ainda segundo o boletim da polícia, Santos fazia a cobrança quando foi abordado por uma motocicleta com duas pessoas. A dupla teria rendido o guarda, atirado e fugido em seguida. Junto com Santos a polícia apreendeu uma pistola, porém, guardas municipais não tem autorização para andar armado. Segundo o Núcleo de Comunicação da Prefeitura de Londrina, o secretário municipal de Defesa Social, Jefferson Dias Chaves, só vai se pronunciar sobre o caso após ter acesso ao boletim de ocorrência. (Com informações da repórter Michelle Aligleri, da Folha de Londrina) (Atualizado às 18h09)
http://youtu.be/pY0Bl2Ba4Jg
SE VOCÊ GM, QUER QUE SEJA PUBLICADO AQUI ALGUMA MATERIA , PODE SER SUA; OU UMA SUGESTAO ,MANDE PRA O MEU E-MAIL- bloggmgo@gmail.com É UMA FORMA DEMOCRATICA DE PARTICIPAREM DO BLOG. QUE É NOSSO E LIVRE!