Cadastre seu Email

terça-feira, 30 de março de 2010

MT-Lucas do Rio Verde: Guarda Municipal realiza blitz nas ruas da cidade

A guarda municipal de trânsito de Lucas do Rio Verde vem realizando várias blitz em inúmeros pontos da cidade, o objetivo é fiscalizar veículos que estejam com a documentação atrasada, e a repreensão de jovens menores de idade que estejam conduzindo veículos.

Segundo o guarda Alex, que é responsável da guarda municipal de trânsito, as blitz estão acontecendo em pontos estratégicos da cidade e sem horário programado. O guarda também lembra que a maioria da apreensão de veículos está sendo por parte da documentação irregular.

PR-Futuros guardas municipais de Pinhais iniciam curso de formação

Os futuros guardas municipais de Pinhais iniciaram nesta segunda feira (27) o curso de formação profissional, e após o período de treinamento estarão aptos para reforçar a segurança pública do município. Após terem sidos aprovados nas provas de conhecimento e aptidão física, teste de avaliação psicológica, investigação de conduta e nos exames médicos, os candidatos vão passar pelo período de formação e capacitação. O prefeito Luizão Goulart deu inicio às aulas e enfatizou a importância que a Guarda Municipal terá para o município. “Sabemos que a melhoria na segurança pública é uma dos principais anseios da população e tenho a certeza que vamos contar com uma Guarda Municipal bem preparada para contribuir com a redução da criminalidade em nossa cidade”, destacou. O curso de formação teve início com a palestra do secretário municipal especial Antidrogas de Curitiba, o delegado da Polícia Federal, Fernando Francischini, sobre os aspectos da Lei de Tóxicos 11.343. Os candidatos também participaram de um debate sobre Comunicação Social e o relacionamento com a mídia, com os jornalistas Thiago Bonagura (assessor de Imprensa da prefeitura) e Fernando Saraiva (sala de Imprensa da Polícia Militar). “Além das palestras, o processo de capacitação ainda terá orientação, reconhecimento do município e treinamento prático, que será ministrado por profissionais das policias Militar, Civil e Federal do Paraná”, explicou o diretor do departamento de Segurança Pública e Patrimonial do município, Arildo de Oliveira. A princípio a Guarda Municipal de Pinhais contará com um efetivo de 80 guardas, sendo 40 do sexo feminino e 40 do masculino. Ela terá um papel importante para a prevenção da violência no município, pois terá contato diário com a comunidade. Com o trabalho da Guarda, Pinhais vai oferecer o serviço de vigilância no patrimônio público municipal, parques, jardins, praças, escolas e demais locais, além do policiamento preventivo e comunitário com o auxilio no trabalho das Polícias Militar e Civil no combate a criminalidade.

SP-Sozinho, guarda prende dupla que atacava em ponto de ônibus

Um patrulheiro da Gama (Guarda Municipal de Americana) prendeu, sozinho, domingo, dois homens acusados de atacar pessoas em pontos de ônibus na Avenida Carmine Feola, perto do estádio Décio Vitta, em Americana. Uma das vítimas ainda tentou ajudar o guarda a dominar os ladrões, porém, desistiu ao receber ameaças. Os acusados - Samuel Carlos dos Santos, de 27 anos, e um adolescente de 16 - que estavam dominados, foram finalmente rendidos por outros guardas que chegaram avisados, por telefone celular, pelo colega.

A dupla assaltou às 17h30 um caseiro de 55 anos e a mulher dele, de 51, que estavam no ponto de ônibus e pegou R$ 62 em dinheiro. Um dos ladrões estava com uma faca. Eles teriam feito ameaças também a outras pessoas que estavam na mesma avenida. O guarda municipal que seguia para o trabalho em uma moto e estava fardado foi avisado pelo motorista de um Gol sobre a ação dos criminosos. O guarda, então, achou as vítimas que indicaram a direção que os ladrões seguiram.

Os dois acusados foram alcançados na Rua Fioravante Chinelatto, na Vila Amorim, e receberam voz de prisão. O patrulheiro da Gama estava armado e ordenou que os dois deitassem no chão. Ao mesmo tempo avisou a Gama que precisa de apoio para fazer as prisões. Enquanto o "reforço" não chegava, o guarda aproximou-se dos homens que reagiram entrando em luta corporal. Tentaram tomar a arma do guarda.

O caseiro aproximou-se para prestar uma ajuda e foi ameaçado pelo adolescente. Em poucos minutos pelo menos três viaturas da Gama chegaram e os acusados foram presos e algemados. A faca usada nas ameaças foi apreendida. O dinheiro foi achado escondido na cueca do adolescente. Estava embrulhado por uma camiseta.

Santos foi autuado em flagrante por roubo e resistência. O adolescente foi colocado a disposição da Vara da Infância e Juventude.

No Parque Gramado, um comerciante de 22 anos entrou em luta corporal com um homem que tentou assaltá-lo. O ladrão fugiu. A 100 metros, na Rua Segundo Mori, policiais militares prenderam Diego Mozart Reischz, 27, acusado de ser o ladro. Ele foi identificado, também, como autor do roubo de R$ 30 de uma padaria no Jardim Europa, em Santa Bárbara d'Oeste.

MT-Guarda Municipal garante a segurança nas finais no mini-estádio do CPA I

Controlar tumultos de forma pacífica através do diálogo. Esse é o trabalho da Guarda Municipal (GM) de Cuiabá, que atuou durante as finais dos campeonatos de futebol, Peladão, Copa Batom e Bengalão, no mini-estádio do CPAI, durante o dia de ontem (28-03).

De acordo com o comandante Marlan, a GM possui o efetivo de 30 homens, que ficaram responsáveis pela segurança dentro de campo. “Tudo saiu nos devidos conformes. Teve momentos em que os ânimos se exaltaram entre as comissões técnicas e jogadores, mas tudo saiu a contento. A torcida também colaborou e está de parabéns”, disse.

O prefeito Wilson Santos, durante a entrega de premiações, fez questão de elogiar o trabalho da GM. “É uma guarda cidadã que não usa armas letais e age de forma pacificadora na base do diálogo. Gostaria de parabenizar o excelente trabalho desses homens comandados pelo coronel Marlan”, enfatizou Santos.

A Guarda Municipal foi implantada em 22 deste com o objetivo de fazer a segurança nas escolas municipais. Inicialmente, os trabalhos se dão nas 38 unidades de ensino localizadas na Regional Sul de Cuiabá.

SE-Prefeitura seleciona instrutores para cursos da Guarda Municipal

A Prefeitura de Aracaju pretende formar um corpo interno de instrutores para cursos de formação e aperfeiçoamento de pessoal da Guarda Municipal. Para isso, foram abertas inscrições para integrantes da corporação que tenham cursos de graduação de Ensino Superior devidamente comprovados e tenham interesse em repassar conhecimentos aos colegas durante as capacitações a serem realizadas.

Vamos dar prioridade àqueles profissionais que tenham experiência docente e desejem fazer parte do quadro de instrutores de futuros cursos promovidos no âmbito desta Guarda. Os interessados devem procurar a Diretoria Geral e entregar seus currículos até o dia 5 de abril, explica a tenente da Polícia Militar Jucimary Moura, coordenadora operacional da GM.

Mais informações podem ser obtidas na sede da Guarda Municipal de Aracaju, localizada no Parque Augusto Franco (Sementeira), ou pelo telefone (79) 3179-7073

quinta-feira, 25 de março de 2010

MG-POLICIA MILITAR DE MARIANA/MG NÃO ENTENDE QUE GUARDAS MUNICIPAIS VIERAM PRA FICAR

Policia Militar continua tentando repreender Guarda Municipal A Guarda Municipal de Mariana nestes dias tem enfrentado problemas reais de retaliação ao seu trabalho por parte da Policia Militar de Minas Gerais. Toda vez que os jornais locais noticiam alguma atuação de maior expressividade da Guarda Municipal dá-se início aquela novela da usurpação de função. Estes policiais que se dizem “experts” em segurança pública ainda insistem em dizer que guarda não pode prender, que guarda não pode conduzir, que guarda não pode confeccionar boletim de ocorrência e etc. Desta vez o estopim para a crise foi a apreensão de um revolver calibre 32 sem munição no centro da cidade pelos guardas municipais, fato ocorrido em 16 do corrente mês. Esta atuação rendeu uma pequena nota com direito a foto da arma apreendida num dos jornais da cidade. Rememorando os fatos, é fácil perceber que o problema está mais na divulgação do que na atuação, uma vez que nada é feito enquanto a Guarda Municipal trabalha de maneira silenciosa. Agora quando se abre o jornal, e por menor que seja a noticia, mas esta lá a atuação da guarda eles se enfurecem e voltam ao seu medíocre(ver video no youtube do Dr. Bismael de Moraes no forum de Jacobina/BA)repito, medíocre discurso de que a guarda é patrimonial e não pode fazer isso ou aquilo. E a briga é ferrenha, a ordem repassada pelos atuais superiores da PM local é de prender o Guarda Municipal que estiver atuando em alguma ocorrência que envolva prisão. São tão astutos, e não conhecem princípios básicos da constituição federal, código penal, código tributário e outras leis que dão este direito aos Guardiões dos Marianenses. Este ultimo episódio apresenta um desfecho nunca visto antes, glórias sejam dadas ao Tenente Tito, que realmente assumiu o papel de Comandante, ainda que interino, e não abaixou a cabeça para essa ordem ridícula e absurda. Enfrentando a situação de frente e não aceitando tal posicionamento dos militares. Este comandante se viu preocupado, pois os militares teriam que “prender” muitos guardas, e a resposta que recebeu foi firme: “Muitos não, todos – se mexerem com um, mexem com o grupamento inteiro”. A que ponto chegamos, apesar que passamos por isso também em São Paulo, quando fomos para as ruas, cumprindo ordem do então prefeito Jânio Quadros, mas isso foi em 1986! Os guardas estão trabalhando e os policiais militares tentam cercear-lhes do cumprimento de sua missão. E quem sai perdendo é a sociedade, que ao invés de ver suas forças policiais atuando em conjunto com o objetivo maior de garantir a segurança dos munícipes, vê a policia militar brigando para manter um status, que nem sequer existe mais. As Guardas Municipais só surgiram e ganharam força devido a incompetência do atual sistema de segurança pública em garantir a segurança, se eles oferecessem um serviço de qualidade os prefeitos não se veriam obrigados a criar as Guardas Municipais, futura Policias Municipais para defesa de seus munícipes, pautadas sempre pela prevenção e o respeito aos princípios básicos dos cidadãos. Fonte: www.guardasmunicipais.com.br -

domingo, 21 de março de 2010

MT-Guarda Municipal de Cuiabá será lançada nesta segunda-feira

A Prefeitura Municipal de Cuiabá, por meio da Secretaria Municipal de Esportes e Cidadania (Diretoria de Segurança), realiza amanhã (22/03), às 08h00 no auditório da Ordem dos Advogados do Brasil ( OAB) situado na Rua D, s/n, no Centro Político Administrativo a oficialização da Guarda Municipal a Comunidade Cuiabana.

A Guarda já estará equipada com motos, uniformes e capacitada para realizar a ronda escolar, que será sua missão específica.

Inicialmente terá como base a Administração Regional Sul, funcionando como Guarda Municipal Escolar, e logo após será implantado em todas as outras regionais.

RJ-O vale tudo pelo clamor público

Diariamente, no Centro do Rio, sob a égide de manter a cidade limpa e coibir venda de material ilegal, a Guarda Municipal reprime com rigor e, em muitas vezes, até com violência, os vendedores ambulantes que atuam na área. Na última quarta-feira, quando da realização da passeata, que contou com a presença do governador e do prefeito do Rio de Janeiro, estes mesmos repressores degustavam churrasquinhos que eram vendidos nas muitas barraquinhas que foram montadas ao redor da Câmara Municipal. Participantes do ato consumiam bebidas que eram vendidas, sem nenhuma repressão. Olhando por outro ângulo, leva-nos a pensar que, quando os políticos precisam do clamor público, até a bagunça é liberada. Só não liberaram o xixi. Não foi só do céu que caiu chuva, pois, por parte políticos, choveu oportunismo. O petróleo é nosso e os oportunistas também.

quarta-feira, 17 de março de 2010

PR-Carro da Guarda Municipal é atingido por tiros em tentativa de assalto

Uma tentativa de roubo a um caixa eletrônico da Caixa Econômica Federal (CEF) terminou em troca de tiros entre bandidos e uma equipe da Guarda Municipal de Curitiba, na madrugada desta terça-feira (16). De acordo com a Polícia Militar (PM), os bandidos tentaram roubar o caixa eletrônico no Terminal do Cabral, por volta das 3 horas.

Uma equipe da Guarda Municipal passava pelaAvenida Paraná e viu a movimentação suspeita no Terminal do Cabral. Ao chegar ao local aconteceu o tiroteio. Os bandidos atiraram contra os guardas e acertaram o carro dos servidores municipais, que reagiram também com tiros. Os ladrões desistiram de roubar o caixa eletrônico e fugiram em um carro modelo Tipo preto. O material que seria utilizado para o arrombamento e um veículo Uno foram abandonados no local.

A Polícia Federal (PF) foi chamada, pois a tentativa de assalto foi contra a Caixa Econômica. Ninguém ficou ferido. O carro da Guarda Municipal, atingido pelos tiros, foi levado para a sede da PF para ser periciado. O carro Uno e o material que seria usado para arrombar o caixa eletrônico também foram levados para a PF.

SP-Prefeitura começa a reorganizar as ações da Guarda Municipal

As secretarias de Segurança Comunitária e de Negócios Jurídicos iniciaram os trabalhos de revisão e redirecionamentos das atividades e ações da Guarda Municipal (GM) de Sorocaba. O objetivo é enquadrar suas atividades nos preceitos constitucionais e legais e corrigir possíveis distorções na forma como a corporação vem sendo conduzida. Para isso, técnicos das áreas envolvidas terão a missão de discutir o assunto e elaborar, até o final deste semestre, um projeto de regulamentação das ações da corporação, que na sua visão “terá de contar com normas mais claras”.

A informação foi dada pelo prefeito Vitor Lippi, com exclusividade ao Cruzeiro do Sul, e foi motivada depois de uma sucessão de fatos que provocaram discussão sobre o que a GM pode fazer e como. O mais recente deles foi a escolta oferecida pela corporação a uma celebridade do mundo religioso, o pastor Valdemiro Santiago Oliveira, da Igreja Mundial do Poder de Deus, no último dia 6, entre o aeroporto de Sorocaba e o Parque das Águas, no Jardim Abaeté. A pedido de um ex-vereador, o pastor Júlio César Ribeiro (PDT), pelo menos 20 guardas foram mobilizados para coordenar o trânsito e fechar as ruas à passagem da comitiva, sendo que quatro atuaram como batedores em suas motos.

Tal fato provocou discussão entre representantes da corporação, mas foi na Câmara onde surgiram as críticas e as cobranças mais ferrenhas. Tanto que o secretário de Segurança Comunitária, José Milton da Costa, foi chamado e terá de dar explicações aos vereadores, amanhã, sobre o fato e ainda sobre problemas ocorridos em festas em parques municipais, além de atentados por criminosos às bases comunitárias instaladas em bairros como Nova Esperança e Habiteto. “Isso (a escolta realizada pela GM) é um problema novo para nós. É óbvio que não teve má-fé de ninguém. O objetivo era preservar... evitar algum tumulto... problemas de trânsito. Então, começamos a discutir como disciplinar isso. Por enquanto, em nível de governo, com os secretários. Nós precisamos ter normas mais claras e como orientar melhor as ações da Guarda Municipal”, disse o prefeito.

De acordo com Lippi, os trabalhos tiveram início no começo desta semana, sendo que a forma com que ele será apresentado, após sua conclusão, ainda não está definida. “Isso pode ser via decreto ou por meio de projeto de lei a ser votado na Câmara. Estamos estudando ainda de que forma isso deve ser feito”, antecipou. Segundo ele, entre as mudanças em estudo estão o poder de polícia da GM, bloqueios, rondas, fiscalização e a segurança em eventos e shows de grande porte, mas particulares.

“Nesse último caso, por exemplo, nós temos algumas responsabilidades, mas as pessoas que vem para cá tem que ter responsabilidades também. Porém, não existe uma norma clara em relação a isso. Cada vez mais a Guarda Municipal tem uma importância na cidade. Isso é notório. Nós deixamos de fazer aquela questão patrimonial para uma ação muito mais extensiva na cidade. Então, nós queremos saber como que faz cada uma dessas coisas, para que nós não tenhamos dúvidas”, destacou.

MS-Prefeitura apresenta proposta de reajuste salarial a servidores

Em reuniões com o Sindicato dos Servidores Municipais de Dourados (Sinsemd), Sindicato da Guarda Municipal (GM) e Sindicato Municipal dos Trabalhadores em Educação (Simted), a prefeitura apresentou a proposta de reajuste salarial, conforme solicitação dos representantes. Estiveram presentes nas reuniões as equipes técnicas das secretarias de Governo, Administração e da Controladoria-Geral do Município. O índice apresentado é de 3,5%. “Os estudos foram limitados pelos atuais valores de arrecadação e de repasses do Fundo de Participação dos Municípios [FPM], conforme determina a lei de Responsabilidade Fiscal e as normas do Tribunal de Contas do Estado do Mato Grosso do Sul”, informou Alziro Arnal Moreno, secretário de Governo. Dourados é um dos poucos municípios do país que oferecem os vencimentos do magistério acima do previsto pela Lei n° 11.738, de 16 de julho de 2008, que é de R$ 950 por carga horária de 40horas/aula. Atualmente os professores do município têm o piso de R$ 1.638. O secretário reforça que questões pertinentes às categorias, como gratificações, adicionais, alterações nos Planos de Cargos, Carreiras e Remuneração (PCCR) ou tabelas, deverão ser discutidas em reuniões distintas após a finalização da negociação salarial de 2010. “Agradecemos o apoio e a compreensão dos servidores e a prefeitura está à disposição para esclarecimentos, além de estar aberta ao diálogo, sempre buscando o melhor pra seus funcionários”, afirmou Moreno.

RN-Ação da Guarda Municipal e Ibama apreende 15 gaiolas com aves

Uma denúncia anônima motivou uma ação conjunta do Grupamento de Ação Ambiental da Guarda Municipal do Natal (GAAM) com o Instituto Brasileiro do Meio Ambiente e dos Recursos Naturais Renováveis (Ibama) resultando na apreensão de diversas espécies de pássaros silvestres que estavam sendo criados em cativeiros no bairro de Felipe Camarão, zona Oeste de Natal. O proprietário da residência onde os pássaros foram encontrados, Marco Antônio Cavalcante, não tinha autorização do órgão competente para criá-los. A operação foi realizada no início da tarde de hoje (17) na Travessa São José. O Ibama foi quem recebeu a denúncia e, ao comprovar a veracidade do caso, solicitou apoio a Guarda Municipal. No momento da ação o acusado, Marco Antônio fugiu deixando na residência deixando pássaros e gaiolas para trás. Segundo o chefe de viatura do GAAM, Alexsandro Sales, no quintal da casa do acusado constava dois grandes viveiros, além de muitas gaiolas e objetos relacionados à criação de pássaros. “Podemos presumir que o número de aves que por aqui passaram tenha sido grande, julgando pela estrutura montada para acondicioná-las”, verificou o guarda municipal. Foram apreendidas 15 gaiolas com pássaros como Galo de Campina, Canário Belga, Sabiá e Graúna. O material foi devidamente catalogado e conduzido nas viaturas para o setor de animais apreendidos do Ibama. Segundo o responsável fiscal do Instituto, Zenilson Augusto Lima, o acusado, Marco Antônio Cavalcante, deve responder por crime ambiental discriminado na Lei 9.605, artigo 29, parágrafo 3º, que pune com detenção de seis meses a um ano, e multa, os delitos de utilizar em cativeiro espécimes da fauna silvestre, sem a devida permissão, licença ou autorização da autoridade competente. “O suspeito fugiu do local, mas temos endereço, nome completo e documentos pessoais, que vão ajudar na notificação para responder o processo na justiça pelo crime cometido”, afirmou o fiscal. Na operação, foi utilizada uma viatura do grupamento ambiental e outra de apoio da Ronda Ostensiva (ROMU 07) da Guarda Municipal, além efetivo de seis guardas municipais. O Ibama contou com 4 fiscais ambientais.

sábado, 13 de março de 2010

ES-Incêndio atinge prédio no Centro de Vitória

Um incêndio de grande intensidade atingiu o antigo prédio do INSS no Centro de Vitória. O edifício de sete andares teve o térreo atingido pelas chamas por volta das 6h30 deste sábado(13). Três viaturas do Corpo de Bombeiros atenderam a ocorrência. As chamas foram controladas por volta das 7h30. As equipes de combate a incêndio tiveram dificuldades para controlar as chamas, pois os hidrantes da região estavam sem água e apenas um funcionou. A Guarda Municipal de Trânsito também esteve no local para controlar o tráfego. Há suspeitas de que o incêndio pode ter sido provocado por usuários de drogas que frequentam o local. Moradores e comerciantes da região reclamam que o imóvel fica aberto e andarilhos e drogados utilizam o local para atos ilícitos. Ainda na manhã deste sábado os peritos do Bombeiros e técnicos da Defesa Civil fazem uma avaliação para saber se há abalos nas estrutura.

CE-Centro será monitorado por câmeras

Equipes da Guarda serão acionadas para autuações(Foto: MAURI MELO)A Guarda Municipal se prepara para iniciar o videomonitoramento do Centro de Fortaleza. Cerca de 35 câmeras serão instaladas em praças e calçadões a fim de dar maior segurança à população e preservar o patrimônio público. As imagens devem ser compartilhadas com a Polícia Militar, em funcionamento por 24 horas. O diretor da Guarda, Arimá Rocha, avisa que o monitoramento começa em junho. O número exato de câmeras será conhecido após a empresa licitada entregar o projeto de engenharia, ao fim do mês. A firma promete fazer o serviço de instalação em menos de 60 dias. O investimento é de aproximadamente R$ 880 mil. O Governo do Estado também promete instalar câmeras em Fortaleza, ainda este semestre. Serão 76 unidades, mas existem dois locais divulgados que coincidem com os pontos escolhidos pela Guarda. Arimá explica que está em diálogo com a Secretaria da Segurança Pública e Defesa Social (SSPDS) para definir novos locais. ``O importante é que serão mais câmeras ainda no Centro``. A praça José de Alencar deve receber três câmeras. ``Concordo plenamente em ter câmera. Antes tinha furto aqui, assalto. Agora está melhor, mas ainda precisa``, comenta o artista popular Carlos Aberto Rocha, 23, o ``Albertinho do Chicote``, com 10 anos de praça. Ele diz não achar que o sistema invada a privacidade. ``A praça é pública. E sendo para segurança, tem que botar mesmo``. Arimá detalha que as câmeras devem ser usadas sobretudo para coibir pequenos furtos e vandalismo. As imagens serão acompanhadas na sede da Guarda e, caso necessário, os monitores acionam a base do órgão, montada na praça José de Alencar. Há quatro guardas fixos, uma viatura com três homens e dois motociclistas. Existe um acordo verbal entre a Guarda e a SSPDS para que, uma vez instaladas as câmeras, as imagens sejam compartilhadas, segundo Arimá. O diretor também defende que as câmeras não interferem na privacidade das pessoas. ``Privacidade neste caso vem em terceiro plano``, reitera, comentando que, em primeiro lugar, vem a segurança das pessoas e, em seguida, do patrimônio público.

SP-Autor de vários roubos no Jacaré é preso pela GM de Cabreúva

A Guarda Municipal de Cabreúva prendeu em flagrante, na manhã da última quarta-feira (10), Sérgio Luiz Ferreira dos Santos Júnior, conhecido por Juninho, que vinha dando trabalho para a polícia de Cabreúva. No dia dos fatos a vítima Valdemar Villas que realiza cobrança para uma empresa funerária no Jacaré, estava sendo vigiado pelo meliante e quando chegou a uma pastelaria na rua Maranhão, foi abordado e tomado de roubo. O bandido usou um simulacro (arma de brinquedo) para abordar a vítima, que entregou parte do dinheiro, pois o montante estava dividido em dois bolsos. Para intimidar a vítima, o bandido arremessou uma cadeira sobre Valdemar, que acabou entregando a outra parte do dinheiro. Em seguida o bandido saiu correndo de arma em punho e desceu a rua da caixa d´água, a vereador João Pedro da Silva, sendo perseguido por alguns populares. A Guarda Municipal que estava fazendo diligência pelas imediações foi comunicada e saiu na captura de Juninho, que foi preso em flagrante quando o mesmo adentrou em uma construção localizada na esquina da rua Paraíba com a vereador João Pedro da Silva. Escondeu a arma Para fugir do flagrante o meliante teve tempo de esconder a arma usada no crime em uma touceira de mato localizada na construção e o dinheiro roubado no assalto foi encontrado dentro da cueca, um total de R$ 459,00 que posteriormente foi devolvido para a vítima. Na Delpol, o delegado dr. Luiz Carlos Duarte ratificou voz de prisão em flagrante delito, sendo que o preso foi conduzido para a cadeia pública de Jundiaí. Já havia suspeita de que Juninho era o autor de vários roubos cometidos no comércio entre eles na Drogaria do Lula, Pacheco Tintas, Posto do Vilarejo, Drogaria Colina (e outros estabelecimentos comerciais que ainda estão sendo apurados), pois a característica e o ‘modus-operandis’ do ladrão era sempre a mesma. O autor é moreno, magro, cabeça raspada, chegava de cara limpa e de arma em punho, limpava o caixa e fugia a pé, tomando rumo ignorado. De posse dessas informações a polícia estava prestes a prender o assaltante. Um profissional na área de Direito, consultado pela reportagem comentou que num caso como este, onde já tem agravante, o réu poderá ser condenado em no mínimo 12 anos. A polícia pede para que outras vítimas entrem em contato com a delegacia para elaboração do termo circunstanciado.

SP-Traficante é preso pela Guarda Municipal e foge pela porta da frente na Delegacia

Um caso no mínimo inusitado aconteceu em Itu nesta quinta-feira. Um homem, que havia sido detido pela Guarda Civil Municipal por tráfico de drogas foi levado para a Delegacia Central. Porém, enquanto os guardas se preparavam para registrar a ocorrência, o detido, que ficou algemado em uma sala ao lado, conseguiu se soltar e fugiu da Delegacia Central, não sendo mais encontrado.

RJ-Guardas Municipais prendem ladrão na Praia do Flamengo

Três guardas do Grupamento Especial de Praia (GEP), da Guarda Municipal do Rio, prenderam, na tarde desta sexta-feira, José Ribamar Vilas Boas Setuba, de 28 anos, acusado de roubar um par de chuteiras e R$2,00 do estudante M.P.S, de 16 anos, na Praia do Flamengo, esquina com Rua Dois de Dezembro. Por volta das 12h30m, a guarda Renata Lindoso seguia em direção à Praia do Flamengo para almoçar quando na altura da Rua Dois de Dezembro, ela foi avisada por jovens, que um estudante era assaltado metros à frente. Imediatamente, a GM pediu reforço aos guardas Hugo Alves e José Salustiano, também do GEP, que chegaram rapidamente ao local para cercar o criminoso. Durante a abordagem, o infrator tentou se passar por amigo da vítima, mas logo foi desmascarado pelos guardas. Acuado, o delinquente tentou fugir, porém foi alcançado pela equipe. O caso foi registrado na 9ªDP (Catete) como tentativa de roubo (art. 157 do Código Penal). José Ribamar estava em liberdade condicional e, como já possuía passagens pela polícia, vai permanecer preso. O par de chuteiras e o dinheiro foram devolvidos à vítima.

RJ-Guarda Municipal flagra menor quebrando luminárias públicas

Volta Redonda

Um menor de 15 anos foi conduzido ontem (11) para a 93ª DP, depois que teria sido flagrado quebrando luminárias públicas na Rua 2, no bairro Conforto, em Volta Redonda.

De acordo com informações registradas, o suspeito estava com outros três jovens, que conseguiram fugir. O menor foi liberado depois de prestar depoimento. Ele responderá pelo ato no Juizado da Infância e Juventude.

A destruição de luminárias no bairro causa insegurança nos moradores.

MG-Força-tarefa promete identificar pichadores em BH

O mau gosto cobre passarelas e prédios da Região Centro-Sul de Belo Horizonte - (Gladyston Rodrigues/EM/D.A Press)
São anos de queda de braço sem sinais de desistência de qualquer um dos lados: na madrugada, os pichadores sujam Belo Horizonte; durante o dia, as autoridades limpam e procuram identificar os criminosos. Diante das tentativas fracassadas de acabar com essa forma de poluição visual, a prefeitura promete nova linha de combate. Por meio de licitação, contratará uma empresa para mapear as ações das gangues e apontar as motivações dos grupos. Publicada em 26 de fevereiro, no Diário Oficial do Município (DOM), a concorrência está na fase de análise das propostas e o resultado também será publicado no DOM, mas não há previsão de data. Segundo a analista de políticas públicas da Secretaria Municipal de Segurança Urbana e Patrimonial, Rosane Corgosinho, a empresa vencedora terá dois meses para fazer uma pesquisa científica. “Será uma entidade reconhecida pelo Conselho Regional de Psicologia e fará entrevistas com pichadores que se oferecerem como voluntários e suas famílias. Queremos entender o que leva os jovens a se manifestarem assim. Será um trauma, simplesmente exibicionismo ou outras razões? Com essa informação, criaremos programas em escolas públicas para direcionar os talentos dos alunos para outros caminhos”, explica. A ação faz parte do Movimento Respeito por BH. É uma força-tarefa multidisciplinar, formada pela prefeitura, Ministério Público Estadual (MPE) e as polícias Militar e Civil, lançada no meio do ano passado, que trata a pichação como prioridade. A equipe trabalha em três frentes: repressão qualificada, sensibilização e limpeza. Mobilizando líderes, associações comunitárias e a iniciativa privada, os integrantes têm a missão de garantir uma cidade limpa. Com a repressão qualificada, a Guarda Municipal e a PM monitoram as câmeras instaladas nas ruas e fazem rondas para flagrar os vândalos. A Polícia Civil analisa os casos e, por meio de acervo fotográfico das pichações, identifica os autores. Já o MPE investiga as manifestações dos grupos na intenet. “Muitas gangues pôem fotos de suas ações na rede. A Promotoria de Combate aos Crimes Cibernéticos consegue identificá-las. A cidade deve se manter limpa e apresentável. Os culpados pela sujeira e danos o patrimônio público devem ser punidos”, diz o promotor Joaquim Miranda. No ano passado, o MPE identificou, na internet, 11 pichadores. São jovens entre 16 e 23 anos, inclusive universitários. Os criminosos presos pichavam escolas da Grande BH e divulgavam fotos da sujeira e de armas de fogo no site de relacionamento Orkut. Os rostos nas imagens estavam pintados de preto, mas um programa de computador “limpou” as fotos, permitindo a identificação. O Artigo 65 da Lei de Crimes Ambientais, editada em 1998, prevê pena de três meses a um ano de prisão, acrescida de multa, para quem “pichar, grafitar ou, por outro meio, conspurcar edificação ou monumento urbano”. No caso de bens tombados, a sanção mínima sobe para seis meses. A PM orienta o dono de imóvel pichado a denunciar o delito pelo Disque Denúncia (181). Patrimônio Escolas e prédios da Região Centro-Sul são os alvos prediletos das gangues. Segundo Rosane Corgosinho, a dificuldade de limpeza desses imóveis é maior. “Na maioria dos casos, é um prédio tombado, que não pode ser limpo por qualquer pessoa. É preciso contratar uma empresa especializada para estudar a maneira de fazer o serviço sem danificar o patrimônio.” O pior é que, quase sempre, o trabalho é em vão. As pichações voltam em poucos dias. O prédio do Instituto de Educação de Minas Gerais, restaurado em 2007, foi pichado poucos dias depois de entregue e, sempre que é pintado, volta a ser danificado. Funcionária por 40 anos da escola, Diná Sofia Teixeira, de 70 anos, lamenta os ataques: “Depois de tanto tempo no mesmo lugar, a gente toma amor pelo prédio. É muito triste vê-lo sempre sujo. Nos banheiros, também há pichações. A escola pede aos alunos que denunciem quem faz isso, mas eles têm medo”. Nas ruas do Centro, as pichações cobrem também prédios particulares. “Até dói a vista. Já não basta sermos obrigados a conviver com outdoors e faixas de pano. Espero que esses criminosos sejam punidos. Mas, sinceramente, não acredito nisso porque no meu bairro as pessoas já até desistiram de limpar. Deveria haver uma fiscalização mais ostensiva para ninguém ficar com a sensação de que não vale a pena limpar”, afirma a engenheira química Michelle Rocha, de 25.

SP-GM de Jundiaí acha itupevense desaparecido

O guarda municipal Vieira diz que se “arrepia todo”, quando se lembra do momento em que apresentou, para uma mãe, o filho que estava desaparecido desde o dia 2 de fevereiro. No último final de semana ele encontrou, na avenida Humberto Cereser, no bairro do Caxambu, o servente Luís Henrique Ramos Nogueira, 26 anos, morador do Nova Monte Serrat, em Itupeva, que caminhava pela rua. Segundo Vieira, ele bateu os olhos no “desaparecido”, que sofre de esquizofrenia e ‘viu’ uma reportagem do JJ-Regional, do dia 4 do mês passado. “A foto ajudou”, disse. O guarda municipal entrou em contato com a mãe do rapaz. Ela se emocionou e todos ficaram com os olhos cheios de lágrimas, de emoção, no reencontro. A mãe estava em Jundiaí, procurando pelo filho desde o dia do desaparecimento. Ela passou por hospitais e até no Instituto Médico Legal (IML). Vieira disse que nunca teve uma ocorrência do gênero. Para evitar problemas, ele levou mãe e filho ao Plantão Policial, onde o delegado Osmany Machado Jr. determinou ao escrivão Paulo Idalgo, a elaboração de ocorrência de “Encontro de Pessoa”.

MS-Guardas municipais concluem curso de tiro nesta semana

Os guardas municipais de Dourados começaram na semana passada fazer o curso de práticas de tiro para porte de arma, com a supervisão da Polícia Federal. O curso é estabelecido pela a lei n° 10.826/2003, que dispõe sobre o registro, posse e comercialização de armas de fogo e munição. O curso está sendo ministrado por instrutores do Rio Grande do Sul, na categoria institucional, e dará direito para os guardas municipais voltarem a utilizar arma de fogo durante o trabalho de rotina. De acordo com o comandante da GM, Divaldo Machado, o curso vai até sexta-feira e a expectativa é que nos próximos dias os guardas voltem a utilizar arma de fogo no patrulhamento diário, principalmente nas rondas escolares, que exigem reforço maior na segurança. A decisão de desarmar os guardas municipais partiu do próprio comando, atendendo à exigência do Estatuto do Desarmamento. No entendimento da Superintendência da Polícia Federal, a Guarda Municipal de Dourados teria que passar por adequações em relação a cursos de tiros. As aulas teóricas foram ministradas na semana passada na sede da Guarda Municipal, inclusive no sábado e domingo. Foram discutidos a Lei 10.826/2003, sobre o Sinarm (Sistema Nacional de Armas), as regras de segurança para manuseio da arma de fogo e o preparo do policial nas técnicas do emprego do equipamento. A carga horária é de 70 horas de aula, ministradas com 65% de prática de tiro. Cada guarda municipal efetuará pelo menos cem tiros, entre treinamento e prova. As aulas práticas estão sendo ministradas na 4ª Brigada de Cavalaria Mecanizada de Dourados.

CE-Prefeitura discute reivindicações da Guarda Municipal

A secretária municipal de Governo, Karla Trindade, recebeu na manhã desta quinta-feira, dia 11, representantes do Sindicato dos Guardas Municipais de Aracaju para discutir pontos da pauta de reivindicação da categoria. Compareceram à reunião o superintendente da Superintendência Municipal de Transporte e Trânsito (SMTT), Antônio Samarone, o diretor de trânsito da SMTT, major Paulo César Góis Paiva, e o diretor da Guarda Municipal, major Edênisson da Paixão.

Nós chamamos o sindicato para conversar, de forma amigável e democrática como a gente tem sempre recebido todas as entidades, explicou Karla Trindade. Segundo a secretária de Governo, ficaram acordados alguns termos, entre os quais a criação da Comissão de Estudo, que ficará sob a responsabilidade da assessoria jurídica do sindicato e da Procuradoria Geral do Município.

O objetivo da comissão é avaliar o decreto da criação da Guarda Municipal de Aracaju. Existe um entendimento do sindicato diferenciado do nosso, então essa comissão estudará o decreto, disse Karla. O grupo debaterá ainda a promoção dos níveis da carreira, de GM 1 para GM 2, e de GM 2 para GM 3. Se houver algum erro será corrigido, pois nós como gestores não temos interesse em deixar passar erros, avisou o major Edênisson d Paixão.

Os sindicalistas também solicitaram durante a reunião cópia do convênio que a Prefeitura de Aracaju possui com o Ministério da Justiça, onde está definido o reaparelhamento da Guarda Municipal. Por meio desse contrato vamos adquirir novos instrumentos de trabalho para a Guarda, avisa a secretária de Governo.

Reajuste salarial

Sobre a negociação do reajuste salarial, a secretária avisou que ela e o superintendente da SMTT não têm poderes para debater esse ponto. Para isso existe a Comissão de Negociação Salarial, composto pelos secretários de Finanças, Jeferson Passos, de Gabinete, Bosco Rolemberg, e de Administração, Lucivanda Nunes, indicou.

Em relação à paralisação da categoria, Antônio Samarone declarou que não tem motivo para acontecer. Eles alegaram que iam fazer paralisação na próxima segunda-feira porque não tinham sido atendidos, mas agora eles foram recebidos e estão saindo daqui com a maioria dos pontos da pauta resolvido. Então, a Prefeitura espera que eles tenham bom senso e que não prejudiquem a sociedade, observou o superintendente da SMTT.

Major Edênisson informou que todos os pontos discutidos foram registrados em ata, e na medida do possível todas as reivindicações estão sendo atendidas. Teremos outras reuniões, a assessoria jurídica do sindicato vai se reunir com a Procuradoria Municipal para discutir os pontos que ficaram em aberto e assim darmos andamento, avisou.

Os sindicalistas falaram ainda do suposto ‘sucateamento´ das motocicletas utilizadas pelos guardas municipais. Segundo o major Edênisson da Paixão, o fato é errôneo porque na verdade existe rotina de manutenção das motocicletas para que os guardas que guiam os veículos e a população estejam em segurança.

Durante a reunião, foi questionado ainda sobre o pagamento da Bolsa Formação, do Programa Nacional de Segurança Pública com Cidadania (Pronasci), que dá direito aos agentes de segurança receber um acréscimo no salário. A informação que nós temos é a de que, a partir de julho, a situação começa a ser regularizada. A Guarda Municipal de Aracaju ainda não recebe porque o Governo Federal está com essa artéria do projeto desativada. Pelo prefeito Edvaldo Nogueira isso já estaria sendo pago desde o ano passado, quando o projeto foi assinado, mas não depende do município, justificou o major.

Sindicato

O presidente do Sindicato dos Guardas Municipais de Aracaju, Nei Lucio dos Santos, avaliou como positiva a reunião. Nós sentamos com os secretários e os diretores da Guarda Municipal para discutir diversos pontos. Agora vamos passar as informações para a categoria e acredito que as explicações serão bem recebidas, disse.

SP-Polícia investiga se jovem teria sido agredido antes de pular no Pardo

O jovem Washington Luiz Martins Silveira, de 21 anos, morreu afogado no rio Pardo, na manhã de segunda-feira, dia 1º. O rapaz se atirou no Pardo após ser abordado pela Guarda Municipal na Área de Lazer. A namorada do jovem acusa a GM de ter agredido Washington antes dele pular no rio.

Segundo informações da Polícia Militar, a Guarda Municipal fazia patrulha a pé pela Área de Lazer por volta das 9h00, da segunda-feira, quando avistaram um casal ingerindo bebida alcoólica naquele local.

Ao notar a presença dos Guardas, Washington Silveira esvaziou um corote de pinga e em seguida correu e pulo no Pardo. Os Guardas afirmaram que ele afundou por alguns instantes, retornou a superfície e afundou novamente, desaparecendo no rio.

O Corpo de Bombeiros foi acionado e o corpo de Washington Oliveira foi localizado pelos mergulhadores, na tarde da segunda-feira, próximo ao local do afogamento.

OUTRA VERSÃO

A namorada de Washington informou à polícia que ambos estavam passeando pela área de lazer quando os Guardas Municipais começaram a agredi-lo, motivo pelo qual optou por se jogar no rio a fim de evitar as lesões.

O Instituto de Criminalística de São João da Boa Vista foi acionado para realizar perícias no local. Depois, o corpo do jovem foi encaminhado para exame necroscópico no Instituto Médico Legal (IML), que indicará se Washington Silveira foi agredido antes de pular no rio.

Enquanto os laudos do IML não são divulgados, a Polícia Civil instaurou inquérito para apurar o fato. Ainda não há informações sobre o prazo para divulgação do laudo necroscópico.

SP-Vítima é agredida com cadeira e ladrão é preso pela GM

O ajudante Sérgio Luiz Santos Júnior, 25 anos, do Jacaré, foi preso em flagrante na tarde de ontem, na rua Maranhão, em Cabreúva. Ele é acusado de roubar um homem na pastelaria que funciona anexa ao Supermercado Safra. De acordo com os guardas municipais, a vítima foi rendida pelo acusado sob ameaça de morte. Durante o assalto, o rapaz que era roubado percebeu que o ladrão usava uma arma de brinquedo. Houve reação e Sérgio atirou uma cadeira contra a vítima. O rapaz chamou outros populares e houve ‘correria’ pelo bairro, para tentar pegar o assaltante. A Guarda Municipal foi avisada do roubo e havia uma viatura próxima, que realizou a prisão em flagrante, recuperando o dinheiro da vítima. Sérgio foi levado para a Delegacia de Polícia Civil. Os policiais afirmaram que ele é suspeito de ter participado de outros roubos a comércios da cidade e agora vão chamar as vítimas para fazer reconhecimento.

SP-Dois homens são presos no centro de Campinas, SP, com papelotes de crack

A Guarda Municipal de Campinas, município localizado a 94 km da capital paulista, prendeu dois homens com 15 papelotes de crack e R$ 22 em dinheiro. A dupla foi capturada em uma pensão próxima à Praça Ópera do Castelo, local onde o tráfico de droga é feito livremente à luz do dia, no centro da cidade. Roberto Sensi Júnior, de 31 anos, e Enivaldo Aparecido de Moura, de 36 anos, apareceram nas imagens exibidas na reportagem apresentada pela TV Globo nesta quarta-feira .

O depoimento deles ajudou a polícia a identificar o apelido do homem flagrado negociando crack na praça, ao lado do Mercado Municipal. Tudo indica que o "Alemão" é o principal traficante que atua na venda de crack no local. A Polícia Civil vai pedir a prisão preventiva dele, segundo o delegado do 1º Distrito Policial, Antônio Piva Júnior.

O secretário municipal de Segurança Pública, Pedro Álvares Cabral, defende uma atuação diferente da Guarda Municipal para conseguir mais flagrantes. Segundo ele, o Mercadão, local perto da chamada "Cracolândia", deve ser patrulhado 24 horas por dia.

O Ministério Público já investiga o tráfico e a prostituição infantil no centro de Campinas, segundo a assessoria de imprensa do órgão. O MP já solicitou as imagens feitas pelo Centro de Monitoramento da prefeitura para que sejam analisadas.

Comerciantes instalados na região próxima à praça se queixam da falta de segurança por causa do tráfico. Odiney Cria, de 72 anos, é proprietário de um bar e foi roubado duas vezes. No último assalto, em dezembro, perdeu todo o dinheiro do caixa.

terça-feira, 2 de março de 2010

PE-Inspetor da Guarda Municipal assassinado em tentativa de assalto vai ser enterrado no Cabo

O inspetor da Guarda Municipal de Jaboatão dos Guararapes assassinado em uma tentativa de assalto nessa segunda-feira (1°), em Boa Viagem, será enterrado às 16h desta terça-feira (2), no Cemitério do Cabo de Santo Agostinho, no Grande Recife. O corpo de Jurandir Severino da Silva, 50 anos, vai ser velado na casa em que ele morava, na Rua Maria Mendes Lucena, n° 25, Bairro de São Francisco, no mesmo município.

O prefeito de Jaboatão dos Guararapes, Elias Gomes, decretou luto oficial de três dias na cidade, e mandou hastear a bandeira do município a meio mastro nas repartições públicas. Jurandir Severino fazia parte da Guarda Municipal há 24 anos.

Na hora do crime, os guardas levavam R$ 125 mil em vale-transporte para a secretaria de Educação, em Piedade. Os bandidos não conseguiram levar nada da viatura da guarda.

Polícia persegue assassinos do inspetor morto em Boa Viagem

Agentes da Força-Tarefa de Homicídios e da Delegacia de Boa Viagem realizaram, na madrugada desta terça-feira (2), incursões por comunidades da Zona Sul do Recife, na tentativa de localizar os responsáveis pelo assassinato do inspetor da guarda municipal de Jaboatão dos Guararapes, Jurandir Severino da Silva, morto após tentativa de assalto na Avenida Domingos Ferreira, na tarde desta segunda-feira (1º).
Por volta das 2h30, os policiais seguiam no encalço dos bandidos, mas ainda não haviam localizado os suspeitos. A polícia, contudo, já possui algumas pistas e conseguiu apreender a arma e a moto utilizada pelos criminosos. "Não podemos entrar em detalhes, mas seguimos atrás dos responsáveis e devemos ter alguma resposta em breve", apressou-se um policial da Força-Tarefa, sem se identificar.
O crime aconteceu nas imediações do Clinical Center, em Boa Viagem. Segundo testemunhas, o inspetor estava no carro da corporação, acompanhado do motorista e outros dois guardas municipais. Ao parar no sinal, o grupo foi abordado por dois homens em uma moto que disparam contra a vítima. Os guardas revidaram. Houve troca de tiros, mas os bandidos conseguiram fugir para uma favela nas proximidades.

RS-Guarda Municipal será reforçada em junho

Embora não seja uma solução capaz de deter a ação de gangues, a Guarda Municipal deverá aumentar seu efetivo em 50% em junho. Cem novos agentes serão selecionados para entrar em ação provavelmente em junho, somando-se aos cerca de 200 guardas em atividade. Esses guardas são responsáveis por preservar o patrimônio municipal, mas também têm se somado aos policiais militares na tarefa de prender criminosos quando há flagrante em locais como a Redenção. A Brigada Militar não tem planos de aumentar o policiamento em lugares como a Redenção e o Parcão – espaços que, como o Parque Maurício Sirotsky Sobrinho, estão na jurisdição do 9º BPM. O comandante do batalhão, tenente-coronel Alfeu Freitas Moreira, informa que o policiamento ostensivo desses locais envolve agentes uniformizados e à paisana. Moreira diz que as inúmeras gangues de Porto Alegre procuram atuar em áreas com mais concentração de pessoas pela facilidade para fugir. O comandante do 9º BPM recomenda que a população não deixe de circular pelos parques: – Pedimos que as pessoas observem movimentos suspeitos. Normalmente, os membros das gangues andam com o mesmo chapéu, a mesma camisa ou o mesmo tênis. Quem notar algo assim deve informar ao 190.

MG-Prefeitura de Belo Horizonte reabre concurso com 600 vagas para guarda municipal

A Prefeitura Municipal de Belo Horizonte, em Minas Gerais, reabriu o concurso que oferece 600 vagas para o cargo de guarda municipal. Dessas, 570 chances são para candidatos do sexo masculino e 30 para o sexo feminino. A remuneração varia de R$ 512 a R$ 1.152, de acordo com a carga horária. O certame havia sido suspenso por recomendação do Tribunal de Contas de Minas Gerais. A seleção está sob a responsabilidade da Fundação Guimarães Rosa (FGR). Para inscrever-se, o candidato deverá acessarsite da organizadora, entre 2 e 31 de março. O valor da taxa é de R$ 45. O processo seletivo será desenvolvido nas seguintes etapas: prova objetiva, de títulos, de capacidade física, exame psicológico, sindicância social e exames médicos. As provas objetivas acontecerão no dia 16 de maio. Haverá ainda curso de formação para os aprovados. Clique aqui para conferir o novo edital de abertura.

PE-Escolas municipais podem ganhar sistema de videomonitoramento

A violência escolar voltou a ser discutida entre o secretário municipal de Educação, Thomaz Beltrão, e integrantes do Conselho Escolar da Escola Municipal Eulina Alencar. Reunidos na Secretaria Municipal de Educação (Semed), professores e estudantes solicitaram a presença de um guarda municipal no período noturno. O encontro ocorreu depois que a comunidade escolar articulou uma mobilização no bairro do Jacintinho. Durante o movimento, eles lembraram que a unidade escolar foi invadida, por cinco vezes, somente este ano. Por conta disso, grades, janelas e ventiladores foram danificados ou furtados. Esta situação também está sendo analisada pela Semed para recuperar o prédio. A secretaria também estuda a execução de um plano de segurança para outras unidades da rede municipal. O órgão já elaborou um termo de cooperação para ceder dois veículos à Secretaria Municipal de Direitos Humanos, Segurança Comunitária e Cidadania (Semdisc), para que sejam utilizados por guardas municipais durante rondas nas áreas mais vulneráveis à ação de vândalos. Para atender a reivindicação do Conselho Escolar, a Semed tentará o deslocamento de um guarda municipal para a Escola Eulina Alencar. A medida, em caráter emergencial, é para coibir novas invasões do prédio. A solução para o problema desta e das demais unidades escolares virá com a implantação do videomonitoramento. Os custos e detalhes do processo estão sendo elaborados em conjunto com a Semdisc. Pela proposta, a patrulha escolar seria acionada sempre que fosse detectada alguma

PR-Com guardas em greve, Zoológico de Curitiba é assaltado

Prejuízos podem chegar a R$ 100 mil, segundo administração. Na expectativa de uma nova rodada de negociações, grevistas continuam manifestações

A greve dos guardas municipais– iniciada no dia 22 de fevereiro – começa a provocar reflexos diretos na segurança da população. Na noite de domingo (28), bandidos assaltaram a sede administrativa do Zoológico de Curitiba. O furto só foi percebido na manhã desta segunda-feira (1º), quando os funcionários chegaram para trabalhar. A segurança do local é feita por guardas municipais, que não se apresentaram para o turno da noite de domingo, supostamente em função da greve da categoria.

De acordo com a administração do Zoológico, os assaltantes entraram arrebentando os cadeados do portão. Foram levados eletrodomésticos, como geladeira e freezer (repletos de carne para alimentar os animais) e um forno microondas, além de computadores, bombas de limpeza, material de escritório, equipamentos de oficina e todo o estoque de rações. O prejuízo está estimado entre R$ 80 mil e R$ 100 mil. “A gente leva anos para equipar o Zoológico e agora, quando estava tudo certinho, vêm e levam tudo”, desabafou o diretor departamento, Marcos Praadi.

Apesar do furto, o Zoológico opera normalmente nesta segunda-feira. Ele informou que foi solicitada à Prefeitura a aquisição em caráter emergencial de rações e carne para alimentar os animais. A segurança do local deve continuar a ser feita pela Guarda Municipal. “É preciso avaliar de quem é a responsabilidade do caso. É uma pena que um movimento de greve cause tanto transtorno”, disse.

Manifestações

Mesmo com o assalto ao Zoológico, a greve dos guardas municipais chegou ao seu oitavo dia, nesta segunda. Pela manhã, os grevistas promoveram uma manifestação em frente à Câmara Municipal, na tentativa de conseguir que os vereadores intermediassem uma nova rodada de negociações com o prefeito Beto Richa. “Nós exigimos a manifestação dos vereadores da bancada de situação, que participaram da nossa última reunião com o prefeito, quando foi nos apresentada uma nova proposta”, disse a secretária de assuntos jurídicos do Sindicato dos Servidores Municipais de Curitiba (Sismuc), Irene Rodrigues. Para o período da tarde, estão previstas passeatas e manifestações em frente à Prefeitura.

Na sexta-feira, a Prefeitura informou que está realizando um levantamento para denunciar à Justiça que os guardas municipais não estão cumprindo a determinação judicial, que aponta que 70% do efetivo devem continuar garantindo a prestação de serviços à população. De acordo com a Prefeitura, o índice de guardas que ocuparam seus postos de trabalho na semana passada foi de 50%.

A Prefeitura também iniciou um processo de sindicância, para apurar eventuais abusos cometidos pelos servidores em greve. Para o Sismuc, no entanto, os guardas municipais não podem ser responsabilizados diretamente pela greve, já que o sindicato é quem responde pela mobilização. “Essa situação de instabilidade é culpa da Prefeitura, que não quer o fim da greve. É preciso que se veja que a vida do cidadão está em risco e a Prefeitura tem que estar sensível a isso”, disse Irene.

SE VOCÊ GM, QUER QUE SEJA PUBLICADO AQUI ALGUMA MATERIA , PODE SER SUA; OU UMA SUGESTAO ,MANDE PRA O MEU E-MAIL- bloggmgo@gmail.com É UMA FORMA DEMOCRATICA DE PARTICIPAREM DO BLOG. QUE É NOSSO E LIVRE!