Cadastre seu Email

sexta-feira, 18 de novembro de 2011

Confusão entre guarda e PMs resulta em tiroteio e 2 ficam feridos

Uma confusão entre três policiais militares e um guarda municipal, que estava acompanhado de dois amigos desarmados, acabou em tiroteio na Avenida 31 de Março na madrugada desta sexta-feira (18) em Piracicaba. Tanto os PMs quanto o guarda estavam à paisana, durante período de folga. Um dos acompanhantes do GM, um encanador de 46 anos, tomou um tiro de raspão na cabeça e o guarda foi atingido por um projétil no braço direito. Eles passam bem. De acordo com o guarda municipal, de 27 anos, ele saía do boliche na Avenida Dr. Paulo de Moraes com os dois amigos. Eles ocupavam um Astra quando um Audi, com os três PMs, emparelhou ao lado do carro que um amigo do guarda dirigia. "Eu vi que o carro passou a seguir a gente quando entramos na Avenida 31 de Março. Eu falei para o meu amigo acelerar, porque havia uma base da guarda próximo. Achamos que era um assalto", disse o GM. No Audi, ainda segundo o guarda, um dos três PMs estava com uma arma para fora. O guarda disse também que, neste momento, o PM começou a atirar. Foram sete tiros que acertaram o Astra. Duas balas acertaram o porta-malas, sendo que uma delas pegou de raspão no amigo do GM. Segundo informações do 3º Distrito Policial (DP), onde a ocorrência é registrada nesta manhã, os dois grupos desconfiaram que poderiam ser assaltados. PMs e GM têm versões distintas do ocorrido, segundo atendentes do DP. Todos disseram que não sabiam que os "oponentes" eram policiais. A PM não permitiu que a equipe do EP Piracicaba conversasse com os envolvidos até às 11h05. Armas O subcomandante da Guarda Municipal de Piracicaba, Benedito Antonio Aparecido Moraes, afirmou que os guardas podem usar armas particulares fora do horário de expediente. "Eles têm autorização. Já as armas da corporação ficam guardadas após o final do expediente", afirmou. Ele disse ainda que a PM pode utilizar o armamento da corporação após o término do trabalho. O oficial responsável pelas informações do caso não foi localizado até às 11h54.

APOSENTADORIA ESPECIAL PARA GUARDA CIVIL METROPOLITANA SP PROJETO VEREADOR ABOU ANNI

APOSENTADORIA ESPECIAL PARA GUARDA CIVIL METROPOLITANA SP PROJETO VEREADOR ABOU ANNI PROJETO DE EMENDA À LEI ORGÂNICA 04-00016/2011 do Vereador Abou Anni (PV) “Dá nova redação ao Art. 88 da Lei Orgânica do Município de São Paulo, e dá outras providências. A Câmara Municipal de São Paulo PROMULGA: Art. 1º O art. 88 da Lei Orgânica do Município de São Paulo passa a vigorar com a seguinte redação: “Art. 88 - 0 Município manterá sua Guarda Municipal, a qual se denomina, Guarda Civil Metropolitana, destinada à proteção da população da cidade, dos bens, serviços e instalações municipais, e para a fiscalização de posturas municipais, do trânsito e do meio ambiente. Parágrafo Único. Os seus integrantes serão aposentados, de forma voluntária, nos termos do art. 40, § 4º, II e III, da Constituição da República, sem limite de idade, com paridade e integralidade do ultimo salário que receber, desde que comprovem: I - 25 (vinte e cinco) anos de contribuição, contando com pelo menos 15 (quinze) anos de efetivo exercício em cargo da Carreira de Guarda Civil Metropolitano, para mulher. II - 30 (trinta) anos de contribuição, contando com pelo menos 20 (vinte) anos de efetivo exercício em cargo da Carreira de Guarda Civil Metropolitano, para homem.” Art. 2º Esta emenda à Lei Orgânica entra em vigor na data de sua publicação, revogadas as disposições em contrário. ESPERAMOS CONTAR COM O APOIO DA INSTITUIÇÃO GUARDA CIVIL, TODAS ENTIDADES DE CLASSE , PARA QUE TENHAMOS EXITO NESTE PROJETO INSTITUCIONAL QUE VAI BENEFICIAR TODA A CATEGORIA. QUALQUER DUVIDA SOBRE OS PROCEDIMENTOS LEGISLATIVOS REFERENTE A ESTE PROJETO, ENTRAR EM CONTATO COM GCM CARLINHOS SILVA ( ASSESSOR DESTE VEREADOR )

GCM terá salário para fazer ‘bico’

Os sete mil guardas-civis metropolitanos (GCMs) de São Paulo vão até dobrar o salário, a partir de 2012, caso realizem “bicos” na segurança de eventos da Prefeitura, como o carnaval, a Virada Cultural e a Fórmula 1. É o que prevê projeto enviado ontem pelo prefeito Gilberto Kassab (PSD) à Câmara Municipal. A medida tenta agradar uma corporação insatisfeita em assumir nos últimos cinco anos serviços que não eram sua atribuição original, como o combate aos camelôs, a abordagem de moradores de rua e até a substituição de coveiros em greve do Serviço Funerário. “Quando temos de escalar um grande efetivo para fazer a segurança da Virada Cultural, por exemplo, precisamos dar folga para todos os guardas que participaram. E com isso outras áreas da cidade, como a ronda escolar, ficam prejudicadas. É algo bem similar à Operação Delegada, que é a gratificação que a Prefeitura paga aos PMs do Estado contratados pelo município em horário de folga”, disse o secretário municipal de Segurança Urbana, Edson Ortega. Com previsão de impacto financeiro de R$ 30 milhões no orçamento 2012, o projeto tem o apoio de todas as 14 bancadas do Legislativo e deve ser votado em duas discussões até o final do ano. O bico da Prefeitura já pago aos PMs desde dezembro de 2009 era outro motivo de descontentamento dentro da GCM, que dobrou de tamanho e de funções desde 2005, quando eram 3.500 homens que cuidavam basicamente de prédios públicos no centro e de bases comunitárias próximas de escolas. Hoje são 7.120 integrantes de uma corporação que passou a realizar, por decretos, seis novas frentes de trabalho: combate aos camelôs, abordagem de moradores de rua, proteção das mais importantes áreas de preservação (Cantareira, Billings e Guarapiranga), controle de central de monitoramento de ruas por câmeras, a participação em operações e blitze da PM e flagrantes de quem joga entulho nas ruas. Este ano os guardas chegaram a ser convocados para substituir os coveiros em greve. As fotos de GCMs estampadas em jornais carregando caixões em enterros abriu uma crise entre o sindicato da categoria e a Prefeitura. “Em uma situação como a que ocorreu com o Serviço Funerário, não precisaremos mais deixar outras áreas da cidade descobertas”, acrescentou o secretário de Segurança Urbana. Na lista dos eventos que os GCMs poderão participar estão a Marcha Para Jesus, as eleições dos conselhos tutelares e do Idoso, a Virada Esportiva, a Virada Cultural, o carnaval, a Fórmula 1 e a Parada Gay. Os valores de cada gratificação ainda será definido por decreto do prefeito 30 dias após a lei ser aprovada pelos vereadores. Para 2012 a Prefeitura também pretende elevar de 6 mil para 10 mil o número de PMs contratados na Operação Delegada, em custo estimado de R$ 100 milhões. fonte: http://blogs.estadao.com.br/jt-cidades/gcm-tera-salario-para-fazer-bico

sexta-feira, 18 de novembro de 2011 Motorola Solutions fornece rede de radiocomunicação da Guarda Municipal e a Defesa Civil de Natal

A Motorola Solutions foi escolhida para o fornecimento da tecnologia de radiocomunicação da Guarda Municipal de Natal (GMN) e da Defesa Civil, órgãos que foram incorporados ao Centro Integrado de Operações de Segurança Pública do Rio Grande do Norte (Ciosp). As soluções da Motorola Solutions já são utilizadas pela Secretaria Municipal de Segurança Pública e Defesa Social (Semdes) para a cobertura de 100% da região metropolitana de Natal. Com essa parceria, a GMN e a Defesa Civil poderão usufruir tanto da rede de comunicação quanto dos terminais de rádio instalados nas viaturas e dos aparelhos que operam com a tecnologia ASTRO 25 da Motorola Solutions. Esse sistema cumpre com o padrão internacional Projeto 25 (P25), o qual foi adotado por um grande número de órgãos de segurança pública em nível mundial para suas comunicações de missão crítica via rádio. Um dos grandes benefícios para a população com a expansão do uso do sistema e com a tecnologia digital é a possibilidade de rastrear os veículos das forças de segurança e, dessa forma, encaminhar a viatura mais próxima para cada ocorrência. O GPS acoplado à rede permite monitorar os carros, o que torna o atendimento mais ágil e com mais qualidade para os moradores. Pontos importantes A Guarda Municipal de Natal e a Defesa Civil vão contar com 11 viaturas equipadas com GPS e rádios digitais interligados ao Ciosp, além de 20 unidades de rádios portáteis para uso em operações e postos de serviços. O Ciosp ganhou mais posições de despacho para atender às demandas. O ponto para atendimento da Defesa Civil está instalado no Corpo de Bombeiros, e o da Guarda Civil, na sede do centro. Atualmente são mais de mil rádios em funcionamento em todo sistema. “Com a ampliação do uso da rede de radiocomunicação, estamos operando com um sistema completamente interligado e que auxilia o trabalho de todo o efetivo da capital. Com este projeto, ganhamos principalmente em agilidade e rapidez para atender as chamadas”, declara o major Carlos Macedo, diretor-geral do Ciosp. “O projeto que a Motorola Solutions forneceu a tecnologia serve de exemplo para outros municípios que pensam em aumentar a capacidade de atendimento de seus órgãos de segurança, mas não o fazem por acreditar que é necessário um grande investimento. A cidade de Natal mostrou que, com um mesmo sistema e poucas mudanças, é possível melhorar o atendimento e equipar mais agentes”,ressalta João Del Nero, gerente de vendas da Motorola Solutions Brasil. Sobre a Motorola Solutions A Motorola Solutions é provedora líder mundial em soluções e serviços de comunicação de missão crítica para governos e empresas. Com suas inovações e tecnologia de comunicação, ajuda seus clientes a fazerem o seu melhor, nos momentos que realmente importam. A Motorola Solutions opera na Bolsa de Valores de Nova York como “MSI”. Para mais informações, acesse:www.motorolasolutions.com. Para obter notícias atualizadas, visite nosso Media Center ou assine nosso news feed. Publicado em http://mediacenter.motorolasolutions.com/content/detail.aspx?ReleaseID=14210&NewsAreaId=2

PLANO ANUAL 2012 AGMGO

O presidente comandante da AGMGO, João Augusto, encaminhou ao Paço Municipal a revisão orçamentária, através da Lei Orçamentária Anual – LOA, para o exercício de 2012. O total solicitado foi de 43.807.000,00 (quarenta e três milhões, oitocentos e sete mil reais) para ser distribuído entre as diversas despesas. Dentre as prioridades da AGMGO foram solicitados 31 milhões, para a folha de pagamento e 13 milhões, para as despesas de capital e custeio, como: fardamento; viaturas; armamento; mobiliário; equipamentos de informática; material de escritório; cursos (destaque às prioridades desta agência para o processo de armamento e a realização dos cursos, avaliação, treinamento e aquisição de armamento e munições). Segundo o comandante, “o ano de 2011 foi de investimento na recomposição salarial dos componentes da corporação, a exemplo posso citar o RETP, tenho plena convicção que 2012 será além da valorização dos agentes de segurança, um ano de investimentos em estrutura e condições mais dignas de trabalho", ponderou o presidente.
SE VOCÊ GM, QUER QUE SEJA PUBLICADO AQUI ALGUMA MATERIA , PODE SER SUA; OU UMA SUGESTAO ,MANDE PRA O MEU E-MAIL- bloggmgo@gmail.com É UMA FORMA DEMOCRATICA DE PARTICIPAREM DO BLOG. QUE É NOSSO E LIVRE!