Cadastre seu Email

terça-feira, 23 de julho de 2013

Apucarana proíbe tráfego de carretas

Monitoramento aponta erros em GPS e Prefeitura coloca GMs para fiscalizar trânsito

Credito:  Sérgio Rodrigo GMs fiscalizam entrada da cidade ( Sérgio Rodrigo)
Após uma carreta desgovernada atropelar e matar duas crianças no início da semana, a prefeitura de Apucarana executa mudanças no trânsito para evitar outros acidentes envolvendo veículos pesados na cidade. Como medida paliativa, foram instaladas duas placas refletivas proibindo a conversão à direita de caminhões acima de cinco toneladas, a alguns metros da entrada da Rua Deolindo Massambani. Guardas municipais estão fiscalizando o cumprimento da medida. O veículo causador da tragédia tinha quase 30 toneladas e teria utilizado a mesma via por sugestão de GPS.
Ontem, mais um caminhão, que transportava material de construção, fez o trajeto da tragédia também seguindo orientação do aparelho. Ao ser abordado pela Guarda Municipal (GM), o motorista disse que ligou o GPS ao entrar no município buscando o caminho mais curto e menos movimentado para fazer uma entrega na Barra Funda e o instrumento indicou a entrada pela Rua Deolindo Massambani, perto do frigorífico. “Por questão de segurança, a Guarda Municipal escoltou o caminhão até a Avenida Munhoz da Rocha”, informou Ataíde Pantaleão, comandante da GM.
Segundo Pantaleão, monitoramento nos últimos dias confirmou que o trajeto pela Deolindo Massambani é usado por muitos motoristas. Alguns seguem em direção ao centro pegando a direção do Bairro 28 e outros vão direto passando por dentro das vilas Apucaraninha e Regina. “Além do risco de acidentes, o asfalto naquele trecho está sendo danificado pelo tráfego pesado”, lamenta Pantaleão.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

comentários,críticas,sugestão são bem vendas!

SE VOCÊ GM, QUER QUE SEJA PUBLICADO AQUI ALGUMA MATERIA , PODE SER SUA; OU UMA SUGESTAO ,MANDE PRA O MEU E-MAIL- bloggmgo@gmail.com É UMA FORMA DEMOCRATICA DE PARTICIPAREM DO BLOG. QUE É NOSSO E LIVRE!