Cadastre seu Email

sexta-feira, 30 de agosto de 2013

Acusados da morte do delegado Paulo Magalhães estão presos

DA REDAÇÃO 23/08/2013 00h00
 
foto
Foto: Correio do Estado/Arquivo
Morte de Paulo Magalhães pode estar se encaminhando para o esclarecimento
Dois homens já estão presos, acusados de participação na execução do ex-delegado e professor universitário Paulo Magalhães, ocorrida no dia 25 de junho último, em Campo Grande. A reportagem está na edição desta sexta-feira (23) do jornal Correio do Estado.
Apontados como pistoleiro e transportador, o guarda municipal José Moreira Freires e Antônio Benites apresentaram-se acompanhados de advogados, na sede do Grupo Armado de Repressão a Roubos, Assaltos e Sequestros (Garras).
De acordo com a reportagem de Thiago Gomes e Michelle Rossi, o terceiro suspeito, identificado como Rafael e que teria dado cobertura aos dois executores no local do crime, ainda se encontra foragido. Os três estão com prisão temporária - de 30 dias - decretada. Ainda não há informações sobre quem seria o mandante ou mandantes.

O advogado Renê Siufi foi quem apresentou o suspeito da pistolagem às autoridades policiais e alega que seu cliente não tem envolvimento algum com o assassinato do delegado aposentado.
A mesma tese, negativa de autoria, está sendo seguida pelo outro acusado, que compareceu à polícia com outro advogado. Freires, que também trabalha como segurança num estabelecimento hospitalar, está recolhido numa cela da Delegacia Especializada de Repressão ao Narcotráfico (Denar) e Benites, funcionário de uma instituição de educação, ainda está recolhido na cela do Garras. 

Nenhum comentário:

Postar um comentário

comentários,críticas,sugestão são bem vendas!

SE VOCÊ GM, QUER QUE SEJA PUBLICADO AQUI ALGUMA MATERIA , PODE SER SUA; OU UMA SUGESTAO ,MANDE PRA O MEU E-MAIL- bloggmgo@gmail.com É UMA FORMA DEMOCRATICA DE PARTICIPAREM DO BLOG. QUE É NOSSO E LIVRE!