Cadastre seu Email

segunda-feira, 16 de setembro de 2013

06/09/2013 05:04:13
Guarda Municipal é campeão de Jiu-Jitsu na Paraíba 
A medalha de ouro foi o que o guarda municipal (GM) Luís Gomes trouxe para Aracaju, após a participação no 2º Open Paraíba de Jiu-Jitsu. O campeonato, promovido com o apoio do governo paraibano, reuniu nos dias 10 e 11 de agosto mais de 800 atletas de várias cidades nordestinas lutando no ginásio do Centro Universitário de João Pessoa (Unipê).
Luís Gomes conquistou a vitória na categoria meio pesado (81kg a 88kg) sênior. Já venho participando de outros campeonatos interestaduais, mas esse foi diferente porque houve uma participação maciça de atletas do Rio Grande do Norte e de Pernambuco, estados que, historicamente, conta com lutadores de alto nível, destacou o guarda.
O ouro não foi a única premiação do lutador, pois ele competiu ainda na categoria Absoluto, em que apenas a cor da faixa é o que conta para disputa. É uma categoria independente de peso e idade, onde competi com pessoas mais jovens, mais pesadas e mais fortes. Nesta disputa saí como vice-campeão e conquistei a medalha de prata, detalhou o GM Luís Gomes revelando que este foi um dos momentos mais emocionantes do torneio.
Competindo desde 2001, Luís Gomes é faixa marrom e pratica a arte marcial há 13 anos. Ele integra o grupo Grace Barra SE (academia Natural Kombat) e o GMA jiu-jitsu. Registro o meu agradecimento tanto aos companheiros do grupo Grace Barra, quanto a direção da Guarda Municipal de Aracaju por acreditar no meu potencial e incentivar a prática da arte marcial, frisou.
O GM e atleta revelou que encara o jiu-jitsu como um meio para o desenvolvimento educacional e para integração social, englobando valores como respeito e humildade, além de beneficiar o condicionamento físico do praticante.
O jiu-jitsu é um jogo de xadrez onde trabalhamos com o corpo, em que as peças se deslocam com a movimentação dele. É uma arte baseada na inteligência, onde o lutador se utiliza do raciocínio durante o jogo, proporcionando o desenvolvimento metal e físico, elevando a autoestima do atleta e cultivando o respeito pelo próximo, opinou.
Um pouco sobre a história da arte suave
Segundo historiadores o Jiu-jitsu, também conhecido como arte suave, surgiu na Índia graças a preocupação de monges budistas com a auto defesa. Estes monges desenvolveram uma técnica baseada nos princípios do equilíbrio, do sistema de articulação do corpo e das alavancas, dispensando o uso da força e de armas. Por conta da expansão do budismo, o jiu-jitsu chegou ao Japão onde desenvolveu-se e valorizou-se.
No Brasil, a arte marcial ganhou força com Carlos Gracie, que fez do jiu-jitsu um meio de realização pessoal. Ele, que era franzino, enfrentou com vitórias adversários 30 quilos mais pesados e ganhou fama nacional. As modificações das regras internacionais do jiu-jitsu promovidas por Carlos marcou a história do esporte e a arte marcial japonesa passou a ser conhecida como jiu-jitsu brasileiro, sendo difundida por todo o mundo.

Ascom GMA

Nenhum comentário:

Postar um comentário

comentários,críticas,sugestão são bem vendas!

SE VOCÊ GM, QUER QUE SEJA PUBLICADO AQUI ALGUMA MATERIA , PODE SER SUA; OU UMA SUGESTAO ,MANDE PRA O MEU E-MAIL- bloggmgo@gmail.com É UMA FORMA DEMOCRATICA DE PARTICIPAREM DO BLOG. QUE É NOSSO E LIVRE!