Cadastre seu Email

quinta-feira, 14 de junho de 2012


Vândalo que pichou estátua de Cristo com nome de Ronaldinho é preso

João Henrique do Vale - Estado de Minas
Thiago Lemos - Portal Uai
| Tags: celular 

Publicação:

12/06/2012 20:06
  

Atualização:

12/06/2012 20:10
Cristina Horta/ EM DA Press e Beto Novaes/ EM DA Press
Michael Antonio Silva Azevedo agia na capital desde a década de 90

Um dos pichadores mais procurados pela Divisão Especializada de Proteção ao Meio Ambiente, Michael Antonio Silva Azevedo, responsável pelo ato de vandalismo no Cristo Redentor do Bairro Milionários, na Região do Barreiro, vem agindo em Belo Horizonte desde a década de 1990. Porém, em 2010 começou a sujar muros e monumentos da capital com mais frequência. A explicação da delegada Cristiane Moreira, que apresentou o suspeito na tarde desta terça-feira, é vingança. “Entre 2006 e 2010, ele ficou preso por assalto a mão armada. Depois que voltou para as ruas ele voltou mais nervoso. Ele estava imbuído num desejo de vingança e voltou a agir de maneira bem atuante em BH”, explicou.

Michael foi preso depois que guardas municipais flagraram dois homens em uma escada pichando os dizeres “Ronadinho (sic) 49”, em uma possível referência ao jogador Ronaldinho Gaúcho, recém-contratado pelo Atlético e o número de sua camisa, na obra. Quando avistaram os guardas os suspeitos fugiram. Um carro, Peugeot vermelho, foi encontrado nas proximidades do bairro com uma escada semelhante à que foi usada pelos autores. A Polícia Militar foi acionada e conseguiu prender Azevedo cerca de duas horas depois do fato, quando ele voltava para pegar o veículo.

Ao ser detido, o suspeito apresentou a identidade do irmão, estratégia que já havia dado certo em outra ocasião. Segundo a polícia, há cerca de três meses ele foi preso pichando, mas usou a identidade do irmão e acabou liberado. Desta vez ele acabou desmascarado. 

Em relação ao Cristo, ele afirmou que não foi o responsável pelos dizeres, mas que apenas ajudou o comparsa. Sobre religião, ele preferiu citar o livro sagrado cristão. “Na própria bíblia diz para não adorar imagens e esculturas, por isso não respeitei”, comentou. No fim da apresentação, ele se mostrou arrependido e afirmou que vai parar de pichar por causa dos filhos.

Pacto para não pichar o cristo

O Guarda Municipal Rubens Aparecido Real, que flagrou a ação dos vândalos durante a madrugada, afirmou que os suspeitos correram o risco de sofrerem retaliação de quadrilhas de pichadores que atuam na região do Barreiro. Isso porque, segundo Real, existe um combinado entre os grupos para não pichar o cristo, um dos pontos turísticos do local.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

comentários,críticas,sugestão são bem vendas!

SE VOCÊ GM, QUER QUE SEJA PUBLICADO AQUI ALGUMA MATERIA , PODE SER SUA; OU UMA SUGESTAO ,MANDE PRA O MEU E-MAIL- bloggmgo@gmail.com É UMA FORMA DEMOCRATICA DE PARTICIPAREM DO BLOG. QUE É NOSSO E LIVRE!