Cadastre seu Email

quarta-feira, 15 de janeiro de 2014

Ministério Público diz que Guarda Armada de Balneário Camboriú extrapola funções

13 de janeiro de 201414
Foto: Marcos Porto/Arquivo
Foto: Marcos Porto/Arquivo
O Ministério Público de Santa Catarina emitiu um ofício alertando o prefeito Edson Piriquito (PMDB) que a Guarda Municipal de Balneário Camboriú está extrapolando as funções constitucionais ao “interferir em ocorrências policiais, abordar pessoas e atender ocorrências de trânsito”.
O documento foi emitido pelo promotor José de Jesus Wagner, titular da 1ª Promotoria de Justiça de Balneário Camboriú, que atua na área criminal. No ofício, o promotor informa que vai instaurar procedimentos para investigar crimes de constrangimento ilegal e usurpação de função pública.
Em outubro, uma ação movida pela Associação de Oficiais da Polícia Militar e do Corpo de Bombeiros Militar do Estado de Santa Catarina (Acors), que questionava a atuação da Guarda Municipal Armada de Balneário Camboriú, foi considerada ilegítima pelo órgão especial do Tribunal de Justiça. A ação foi  extinta sem discussão do mérito.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

comentários,críticas,sugestão são bem vendas!

SE VOCÊ GM, QUER QUE SEJA PUBLICADO AQUI ALGUMA MATERIA , PODE SER SUA; OU UMA SUGESTAO ,MANDE PRA O MEU E-MAIL- bloggmgo@gmail.com É UMA FORMA DEMOCRATICA DE PARTICIPAREM DO BLOG. QUE É NOSSO E LIVRE!