Cadastre seu Email

sexta-feira, 21 de junho de 2013

Estudantes vão parar na delegacia após trancar professora em sala

Estudantes vão parar na delegacia após trancar professora em sala


18/06/2013 20h36 - Atualizado em 19/06/2013 11h41


Pedras e grades foram jogadas contra a sede da Prefeitura de SP.
Guarda civil entrou no prédio após jovens romperem cerco.

Darlan AlvarengaDo G1, em São Paulo

Pouco antes das 19h desta terça-feira (18), um grupo de manifestantes derrubou as grades que cercavam a Prefeitura deSão Paulo, no Centro da capital, e avançou em direção às portas do prédio da administração municipal, sede do governo de Fernando Haddad.
Após um princípio de tumulto e de empurra-empurra, que incluiu o uso de spray de pimenta, os guardas municipais se refugiaram dentro do prédio e as portas do edifício foram fechadas, de forma a evitar uma invasão. Minutos depois, manifestantes começaram a atirar pedras e outros objetos contra os vidros.
Grades que tinham sido usadas para o cerco ao prédio também foram jogadas contra os vidros, apesar dos apelos de parte dos manifestantes que pediam "Sem violência" (Veja vídeos).
A fachada do prédio também foi pichada pelos manifestantes com mensagens como "R$ 3,20 não" e "O povo acordou".
Antes mesmo do início do protesto em frente ao prédio, guardas já demonstravam preocupação com pedras soltas da calçada.
Apesar das provocações feitas pelos manifestantes desde o início da manifestação, em nenhum momento os guardas avançaram contra o público. A Tropa de Choque da Guarda Civil Metropoliatana usava escudo e cacetete e permaneceu posicionada na frente do prédio.
Durante o protesto, diversos manifestantes chegaram a pular as grades, desfilando em frente aos guardas, que permaneceram posicionados, sem avançar.
Nem mesmo quando um boneco com as fotos de Fernando Haddad e Geraldo Alckmin foi queimado e jogado em direção à prefeitura os guardas reagiram. Os próprios manifestantes assumiram a tarefa de debelar o fogo.
Minutos depois, após parte dos manifestantes começar a caminhar em direção à Praça da República, começava o tumulto, que destruiu praticamente todos os vidros da prefeitura.

Manifestante ataca a Prefeitura usando grades de proteção (Foto: Gabriela Biló/Futura Press/Estadão Conteúdo)Manifestante ataca a Prefeitura usando grades de proteção (Foto: Gabriela Biló/Futura Press/Estadão Conteúdo)
Vidros da fachada da prefeitura foram quebrados e chão ficou repleto de pedras (Foto: Darlan Alvarenga/G1)Vidros da fachada da prefeitura foram quebrados e chão ficou repleto de pedras (Foto: Darlan Alvarenga/G1)

Mensagens como 'O poco acordou' foram pichadas na fachada do prédio (Foto: Darlan Alvarenga/G1)Mensagens como 'O poco acordou' foram pichadas na fachada do prédio (Foto: Darlan Alvarenga/G1)

Manifestantes atearam fogo em um boneco com a foto d ehaddad e Alckmin em frente à Prefeitura (Foto: Darlan Alvarenga/G1)Manifestantes atearam fogo em um boneco com a foto de Haddad e Alckmin em frente à Prefeitura (Foto: Darlan Alvarenga/G1)

Pessoas protestam contra o aumento da passagem em volta da prefeitura de SP (Foto: Miguel Schincariol/AFP)Pessoas protestam contra o aumento da passagem em volta da prefeitura de SP (Foto: Miguel Schincariol/AFP)

 

Nenhum comentário:

Postar um comentário

comentários,críticas,sugestão são bem vendas!

SE VOCÊ GM, QUER QUE SEJA PUBLICADO AQUI ALGUMA MATERIA , PODE SER SUA; OU UMA SUGESTAO ,MANDE PRA O MEU E-MAIL- bloggmgo@gmail.com É UMA FORMA DEMOCRATICA DE PARTICIPAREM DO BLOG. QUE É NOSSO E LIVRE!