Cadastre seu Email

segunda-feira, 24 de outubro de 2016

Geral

Guardas municipais iniciam treinamento para porte de arma

Por: Jhoseff Bulhões, com assessoria18/10/2016 às 11:00
ComentarCompartilhar
Foto: Divulgação/Assessoria
 
A Secretaria Municipal de Segurança Pública iniciou nesta segunda-feira (17) o 1º Curso de Patrulheiros Preventivos da Guarda Civil Municipal de Campo Grande, que tem por objetivo formar os primeiros profissionais aptos a portar arma de fogo em atividade operacional.
Após terem passado por rigoroso processo seletivo de testes psicotécnicos, físicos e de investigação social, os 103 candidatos iniciaram um curso de 600 h/a (horas aula) teóricas sobre conduta e preparo para porte de arma.
“Neste primeiro passo os candidatos aprendem a parte teórica da evolução das armas de fogo, como usar e não somente atirar, quais os resultados que podem surgir com o uso da arma e o principal que é saber em que momento utilizar esse armamento e quais procedimentos a serem submetidos dentro dos limites legais. Essa formação é extremamente importante para a segurança tanto do Guarda Municipal quanto da própria população”, disse o delegado aposentado da Polícia Federal Jonas Cleber Rossatti, ministrante do curso de formação do curso de Patrulheiros da Guarda Municipal.
Preparo para utilização de arma de fogo
De acordo com o subcomandante da Guarda Civil Municipal, Darci Tomaz de Araújo, a expectativa é grande para a conclusão do curso de formação e uso efetivo de arma de fogo no patrulhamento ostensivo da Guarda. “É uma expectativa muito grande para a realização deste curso, todos estão preparados para receberem todas as informações necessárias para utilização de arma de fogo. Esse é o primeiro curso de formação da Guarda Civil Municipal, mas já existe uma programação para formar mais profissionais o quanto antes, pois esse preparo dará mais segurança ao nosso trabalho e à sociedade, atendendo melhor as demandas relacionadas à segurança pública”, destacou Tomaz.
Campo Grande mais segura
A Guarda Civil Municipal Michelle Carpezani Rondon de Melo pontuou que o uso de armamento terá uma eficácia maior em relação ao enfrentamento da criminalidade na Capital. “Este curso de formação para uso do armamento veio para prevenir, nos proteger e também auxiliar no enfrentamento em relação à segurança na Capital. O uso de arma de fogo é necessário para somar com outras forças de segurança, pois sabemos que a criminalidade está crescendo cada vez mais e para proteção de todos é necessário que a Guarda esteja armada. Estamos preparados para este curso e em breve estaremos atuando com mais segurança em nosso trabalho”, destacou Michele.
O curso tem previsão para encerramento na primeira quinzena de novembro e abrangerá conhecimentos práticos e teóricos acerca do Tema Patrulhamento Preventivo Armado, com base na Lei 13022/14 (Estatuto Geral das Guardas Civis no Brasil) e ênfase na Proteção aos Direitos Humanos.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

comentários,críticas,sugestão são bem vendas!

SE VOCÊ GM, QUER QUE SEJA PUBLICADO AQUI ALGUMA MATERIA , PODE SER SUA; OU UMA SUGESTAO ,MANDE PRA O MEU E-MAIL- bloggmgo@gmail.com É UMA FORMA DEMOCRATICA DE PARTICIPAREM DO BLOG. QUE É NOSSO E LIVRE!