Cadastre seu Email

segunda-feira, 23 de julho de 2012


Guarda Municipal de Londrina deve comprar 24 armas de eletrochoque

A Guarda Municipal (GM) de Londrina pode ganhar armas de eletrochoque. Os objetos seriam utilizados em locais de maior aglomeração e serão comprados através do Consórcio Intermunicipal de Segurança Pública e Cidadania (Cismel).
O diretor da GM, Rafael Sampaio, explicou que o Cismel havia recebido verbas do governo federal e parte do dinheiro havia sobrado. Foi feita uma reformulação do plano de trabalho e foi requisitado ao Ministério da Justiça que autorizasse a compra das armas de eletrochoque.
A princípio seriam adquiridos 24 equipamentos através de uma licitação que será comandada pelo Cismel. Segundo o diretor da Guarda, a empresa vencedora, além de fornecer os objetos, também seria responsável pelo treinamento.
Fala Santos
Guarda Municipal deve comprar 24 armas de eletrochoque - Fala Santos
Equipamentos serão usados no patrulhamento de estádios e do
Calçadão
"A empresa quando ela fornece o objeto já está incluso o treinamento. A questão de quem vai utilizar, nós vamos usar em pontos onde existe maior aglomeração. A arma de fogo não é recomendável que seja empregada em determinadas situações, por exemplo em estádios de futebol, o próprio Calçadão, em locais onde você precisa imobilizar sem causar danos colaterais em outras pessoas que estejam circulando", explicou.
Sampaio acredita que cada arma custe em média R$ 2 mil, mas disse que as cotações serão realizadas pelo Consórcio Intermunicipal de Segurança Pública e Cidadania.
Armas de fogo
A Prefeitura Municipal de Londrina já adquiriu pistolas e revólveres para uso da Guarda Municipal, mas os equipamentos e as munições estão guardados na base do Exército em Apucarana, pois os profissionais ainda precisam passar por aulas de tiro e porte.
O diretor da GM disse que não há uma data agendada para o início das aulas. "Nós estamos aguardando a definição da Secretaria de Estado da Segurança Pública com relação ao nosso convênio. Nós até fizemos um plano de trabalho, caso todo o processo termine de tramitar até setembro. Inclusive os instrutores só estão disponíveis para iniciar em setembro, antes disso eles estão dando aulas para outras turmas", colocou.
O curso seria ministrado pela Polícia Civil do Paraná.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

comentários,críticas,sugestão são bem vendas!

SE VOCÊ GM, QUER QUE SEJA PUBLICADO AQUI ALGUMA MATERIA , PODE SER SUA; OU UMA SUGESTAO ,MANDE PRA O MEU E-MAIL- bloggmgo@gmail.com É UMA FORMA DEMOCRATICA DE PARTICIPAREM DO BLOG. QUE É NOSSO E LIVRE!